Meteorologia

  • 16 JUNHO 2019
Tempo
21º
MIN 20º MÁX 24º

Edição

Condenada babysitter que obrigou bebé a comer sal causando-lhe a morte

Yana Deinesh confessou que obrigou a criança a ingerir sal porque este se portava mal.

Condenada babysitter que obrigou bebé a comer sal causando-lhe a morte

Yana Deinesh, uma ama de 25 anos da região de Arkhangelsk, na Rússia, obrigou um menino de dois anos a comer 50 gramas de sal como forma de castigo pelo facto de a criança não querer comer. A quantidade de sal ditou a morte do bebé em junho de 2018. 

A mulher foi agora condenada a 14 anos de prisão, tendo confessado que forçou o menor a comer sal mas que não era sua intenção matá-lo. 

Após a ingestão do sal, a criança começou a queixar-se e perdeu a consciência. 

Deinesh levou-o para o hospital, mas os médicos não puderam fazer nada para o salvar, tendo o bebé no seu organismo 60 vezes o limite de sal que um humano pode consumir, escreve o La Vanguardia. 

A mãe da criança contou que já antes a babysitter havia batido no menino com um cinto quando este não se portava bem.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório