Meteorologia

  • 19 MAIO 2019
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 17º

Edição

Mulher multada por desperdiçar tempo da polícia acabou morta pelo 'ex'

Cinco meses depois de ser multada, jovem foi morta pelo ex-companheiro.

Mulher multada por desperdiçar tempo da polícia acabou morta pelo 'ex'
Notícias ao Minuto

10:18 - 10/04/19 por Notícias Ao Minuto 

Mundo Reino Unido

Três agentes da polícia de Sussex, no Reino Unido, estão a ser alvo de um ato disciplinar depois de terem ignorado as queixas de uma mulher que, por diversas vezes, apresentou queixa contra o ex-namorado.

Shana Grice, de 19 anos, terá pedido proteção contra o ex-namorado Michael por cinco vezes, nos seis meses que antecederam a sua morte. 

Em março de 2016, a jovem foi obrigada a pagar uma multa porque a Polícia de Sussex considerou que estava a fazer a polícia perder tempo, depois de não ter contado aos agentes que tinha tido uma relação com o homem a quem agora acusava de a ter agredido.

Em agosto desse mesmo ano, Michael descobriu que Shana tinha um novo namorado e decidiu invadir o seu quarto, degolou-a enquanto dormia e pôs fogo ao espaço na tentativa de queimar o corpo.

Em março do ano seguinte, Michael foi condenado a prisão perpétua pelo crime e a polícia foi alvo de duras críticas por ter ignorado as queixas de Shana. Mais se descobriu que outras mulheres já haviam feito queixa contra Michael anteriormente.

A polícia de Sussex pediu desculpa à família e fez saber que dois agentes, um deles já na reforma, irão enfrentar processos independentes por má conduta e um terceiro irá ser sujeito a um processo interno também por má conduta.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório