Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2017
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 19º

Edição

Presidente da República espera défice de 1,5% para este ano

O Presidente da República disse hoje que Portugal vai poder cumprir o défice de 1,5% do Produto Interno Bruto (PIB) estabelecido como meta pelo Governo para 2017, congratulando-se com as "boas notícias" para a economia agora divulgadas.

Presidente da República espera défice de 1,5% para este ano
Notícias ao Minuto

15:05 - 22/09/17 por Lusa

Economia OE2017

Segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), o défice orçamental foi de 1,9% do Produto Interno Bruto (PIB) no primeiro semestre deste ano, uma diminuição face aos 3,1% registados no período homólogo.

"Isso quer dizer que vamos poder cumprir, no mínimo, 1,5 % do défice este ano, em termos do exercício orçamental", afirmou o chefe de Estado, durante a cerimónia de inauguração de uma nova área produtiva da fábrica da Bosch Security Systems, em Ovar.

Marcelo Rebelo de Sousa referiu-se ainda à revisão em alta do crescimento no segundo trimestre de 2017 para os 3%, lembrando que ele próprio já tinha avançado a meta de 3,2%.

"Quando eu, na Croácia, tinha dito que se devia apontar para 3,2%, houve quem dissesse que o Presidente é um otimista, é um sonhador, imagina realidades impossíveis. Pois, é possível", sublinhou.

O Presidente da República associou ainda estes dados aos resultados obtidos pela Bosch em Portugal, referindo que as três unidades de produção da multinacional alemã, em Ovar, Aveiro e Braga, "contribuem com quase 1% do PIB português".

Em Ovar, o chefe de Estado colocou de lado o discurso que trazia escrito e deixou "falar o coração", recordando um anúncio que o marcou para toda a vida que dizia "Bosch é bom".

"Não é bom, é muito bom. E continua a ser muito bom. Mas, então Bosch pela mão dos portugueses é excecional. É ainda melhor", acrescentou.

Marcelo disse ainda que este é um dia "muito feliz" porque visitou "um exemplo do que há de melhor em Portugal, na Europa e no Mundo", adiantando que a fábrica da Bosch em Ovar está "na crista da onda".

"Eu que fiz muitas ondas do mar sei que estar na crista da onda é difícil, manter-se na crista da onda é muito difícil, mas é realmente fascinante. E aqui está-se na crista da onda, no topo da excelência", afirmou.

A nova área produtiva da Bosch, com quatro mil metros quadrados efetivos e mais três mil metros quadrados pré-preparados para o crescimento nos próximos anos, representa um investimento de 2,9 milhões de euros.

Segundo os responsáveis pela empresa, esta obra vai permitir um aumento de 10% no volume de vendas em 2017 e cerca de 45% no próximo ano.

Para responder aos novos projetos, a empresa contratou mais 140 trabalhadores, devendo contratar mais 100 até março de 2018.

A Bosch de Ovar produz equipamentos de videovigilância, sistemas de comunicações, soluções para deteção de incêndio e novos equipamentos eletrónicos para as divisões de Termotecnologia e Eletrodomésticos da empresa em todo o mundo.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório