Meteorologia

  • 22 AGOSTO 2018
Tempo
21º
MIN 20º MÁX 22º

Edição

O quarteto luso que está a fazer Fortuna na Holanda

São portugueses e brilham na Holanda. Miguel Santos, Lisandro Semedo e André Vidigal destacam-se no segundo escalão do futebol holandês. Mica Pinto é o mais recente elemento luso tendo chegado este mês para reforçar o Fortuna.

O quarteto luso que está a fazer Fortuna na Holanda
Notícias ao Minuto

08:05 - 19/01/18 por Francisco Amaral Santos 

Desporto Destaque

São portugueses e têm assumido papel de destaque por terras holandesas. Miguel Santos, Lisandro Semedo e André Vigidal brilham a alto nível no Fortuna Sittard, equipa que está no segundo escalão, mas perto de assegurar a chegada ao principal escalão do futebol holandês. A estes nomes, juntou-se agora, no mercado de janeiro, mais um luso: Mica Pinto. 

Mas, afinal, qual a receita para tremenda influência lusa no Fortuna? Pois bem, a qualidade dos jogadores em questão explica grande parte do sucesso. Mas, segundo os próprios, estar no Fortuna também ajuda. Porquê? Pelas condições de trabalho que o emblema holandês oferece e pela forma apaixonada como os adeptos acompanham a equipa. 

O Desporto ao Minuto conversou com todos os protagonistas e 'motivação' foi a palavra-chave em todos os testemunhos. Mas comecemos pelo início. Ou melhor, pelo primeiro português a chegar ao Fortuna. Chama-se Miguel Santos, foi formado no Benfica e já foi entrevistado há quase um ano pelo nosso site. 

Quando chegou à Holanda, o clube holandês vivia uma situação bem diferente. Lutava pela permanência e Miguel Santos chegou para ajudar a equipa oferecendo uma maior segurança defensiva ao Fortuna. Entre a época transata e a atual, muito mudou. Hoje, o Fortuna é uma equipa mais sólida, com mais qualidade e, acima de tudo, mais vitoriosa.

Notícias ao Minuto[Miguel Santos em ação no Fortuna Sittard.]© DR

"Quando cheguei estivamos a lutar pela manutenção, mas rapidamente fomos subindo e esta época estamos a lutar por uma subida de divisão. O sucesso está a bater à porta e estamos todos muito felizes. Tem sido um ano positivo, vamos ver onde vamos conseguir chegar no final da época", começou por dizer o guarda-redes de 23 anos, antes de falar sobre a possibilidade de uma promoção ao principal campeonato holandês numa altura em que o Fortuna já ter assegurado um lugar no play-off de acesso. 

"É fantástico estar nesta fase da época e apenas dependermos de nós próprios para subir. Falo por mim, e sinto o mesmo por parte da equipa, estamos numa altura em que queremos ir para dentro de campo o mais rapidamente possível. Queremos somar três pontos atrás de três pontos para continuar em primeiro. Há uma motivação muito grande. Só dependemos de nós", frisou Miguel Santos. 

Quem também tem tido papel central na impressionante campanha do Fortuna é Lisandro Semedo. O avançado português, de 21 anos, contabiliza já oito golos e 14 assistências esta temporada e foi mesmo eleito o melhor jogador do segundo período da segunda divisão holandesa. Sobre tal feito, Lisandro não esconde a felicidade e promete fazer mais ainda esta época. 

Notícias ao Minuto[Lisandro Semedo já leva oito golos e 14 assistências na conta pessoal.]© DR

"Não tive palavras. Foi muito bom. É o reconhecimento do meu trabalho. É muito bom receber este prémio, porque significa que tenho feito as coisas muito bem", atirou Lisandro que confessa que foi no Fortuna que voltou a encontrar a regularidade que precisava depois de uma experiência menos positiva no Chipre. Menos positiva em termos profissionais, mas com frutos a nível pessoal. A garantia é do próprio. 

"Foi uma experiência complicada. Quando cheguei lá, não tive os minutos de jogo que esperava. Só no final da época é que tive mais oportunidades. Digamos que foi mais uma experiência em que aprendi muita coisa. A nível pessoal também. Passei por coisas que não esperava passar, mas talvez tenha sido isso que me fez crescer", confessou. 

Não menos importante é André Vidigal. Herdou da família o dom do futebol e também tem estado em destaque no Fortuna. Com apenas 19 anos, e depois de ter estado na Académica na última época, o jovem avançado já conta com sete golos, sendo mesmo o suplente utilizado com mais golos marcados no campeonato. 

"Quando comecei o campeonato tive a sorte e a capacidade de marcar logo um golo no primeiro jogo. Isso deu-me uma confiança imensa e estabilidade para que os próximos jogos fossem melhores. Isso aconteceu e também conseguimos bons resultados. Consegui fazer bons jogos com a ajuda dos meus companheiros. Fazer sete golos em 14 jogos foi um feito que nunca tinha alcançado enquanto profissional", começou por contar, antes de admitir que contar com compatriotas no plantel ajudou de forma decisiva no processo de adaptação. 

"O Lisandro e o Miguel, jogadores mais velhos que eu, deram-me imensa ajuda quando eu cheguei aqui. Não os conhecia muito bem, porque não nos tínhamos cruzado. Mas foi uma adaptação rápida e boa. Nós, como portugueses, juntámo-nos e fomos à luta. Agradeço muito aquilo que eles fizeram por mim. São excelentes colegas. Temos o desejo de colocar o nosso nome português neste clube", confidenciou.

Acabado de chegar ao clube está Mica Pinto. O jovem que nasceu no Luxemburgo, mas que tem nacionalidade portuguesa, chegou a Portugal aos 12 anos para fazer formação no Sporting. Dos leões foi para o Belenenses e, até janeiro, esteve emprestado ao União da Madeira. No entanto, Mica Pinto, de 24 anos, queria mais. O convite do Fortuna apareceu e o lateral direito nem pensou duas vezes. 

Notícias ao Minuto[Mica Pinto foi oficializado esta semana no Fortuna Sittard.]© DR

"Antes de mais, o convite do Fortuna foi uma questão trabalhada pelo Paulo Veríssimo [agente de Mica Pinto]. Tenho que lhe agradecer a ele, porque fez muita força. Como nasci no Luxemburgo, é um clube que eu conheço muito bem. Quando surgiu a oportunidade, sabia que era uma grande oportunidade para a minha carreira. Nem pensei duas vezes, também por estar perto da minha família no Luxemburgo", sublinhou Mica Pinto, que até já está ansioso por se estrear com a camisola do Fortuna, algo que pode já acontecer este sábado, na deslocação ao terreno do Dordrecht. 

"Claro que estou ansioso, já tenho aquela borboleta no estômago (risos). Estou ansioso para que chegue o fim de semana", garantiu. 

A bandeira lusa presente em todos os jogos do Fortuna 

Os adeptos do Fortuna parecem já estar rendidos ao trio - que passou agora a quarteto - de portugueses. Nos jogos em casa e fora, está sempre presente uma bandeira lusa entre a massa associativa. O gesto não deixa os jogadores indiferentes. 

"É um gesto muito bonito por parte dos nossos adeptos. Apresentarem em plena Holanda uma bandeira portuguesa é um gesto único. Sentimo-nos em casa. No final dos jogos, eles entregam-nos sempre a bandeira para podermos estar com ela. É uma coisa incrível. Os adeptos são fantásticos, ajudam-nos os 90 minutos. São inseparáveis da nossa equipa", atirou Vidigal. 

Notícias ao Minuto[Miguel Santos, Lisandro Semedo e André Vidigal em clima de festa.]© DR

Miguel Santos também não esconde que tal gesto lhe eleva os níveis de motivação e frisa a forma como os adeptos têm acolhido os portugueses. 

"Toda a gente gosta de nós. Começam a gritar por nós onde quer que passemos. Os adeptos estão ansiosos por títulos e sucessos e acabam sempre por retribuir pelo nosso momento", revela o guardião do Fortuna. 

A qualidade do jogador português não desilude ninguém 

O jogador português tem qualidade, é trabalhador e focado. Os atributos impressionam e os holandeses já sabem que um jogador português será sempre sinónimo de qualidade. 

"Podem ver como as coisas estão a acontecer. Primeiro foi o Miguel que ajudou o clube quando estava muito em baixo. Depois cheguei eu e o Vidigal. O Vidigal é um miúdo com talento e eu a fazer golos e assistências. Estamos a dar-nos muito bem. Eles começam a ver: 'Talvez os portugueses sejam pessoas sérias e que trabalham de forma séria'. Para nós, portugueses, é normal. Sabemos que o nosso futebol tem muita qualidade", confessou Lisandro. 

A importância da formação 

Lisandro Semedo e Mica Pinto foram formados no Sporting. O facto de terem passado pela Academia de Alcochete garante um selo de qualidade, uma vez que a formação leonina é reconhecia mundialmente. 

"A formação do Sporting é reconhecida mundialmente. Sabem que ali foram formados os melhores jogadores do mundo. Um jogador que passou pela formação do Sporting tem logo outro nível", argumentou Lisandro. Mica Pinto concorda e revela-se agradecido ao emblema de Alvalade. 

"Toda a gente conhece a formação do Sporting e é, sem dúvida, uma das melhores do mundo. Isso ajudou-me e fez-me crescer. Vou estar eternamente agradecido ao Sporting", atirou o lateral português. 

Por seu turno, Miguel Santos foi formado nos encarnados e também reconhece que a formação no clube da Luz é relevante. 

"Agora chegou o Mica e somos quatro. Dá ainda mais motivação e deixa-nos contentes. Todos temos qualidade e vimos de boas escolas", garantiu o guardião português. 

Notícias ao Minuto[Lisandro Semedo festeja mais um triunfo, imagem que promete repetir-se mais vezes esta época. ]© DR

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.