Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2019
Tempo
MIN 7º MÁX 14º

Edição

"O médico disse que eu podia morrer". Um dia depois morreu no relvado

O internacional Papy Faty morreu em campo, com 28 anos, na sequência de um enfarte.

"O médico disse que eu podia morrer". Um dia depois morreu no relvado

Nefasta novela no Burundi. A 57 dias da realização da Taça das Nações Africanas e, deste país, estar a um pequeno espaço de tempo de participar pela primeira vez nesta competição, recebeu, nesta quinta-feira, uma trágica notícia.

O internacional Papy Faty morreu em campo, com 28 anos, na sequência de um enfarte. O mais insólito é que o jogador, atualmente ao serviço do Malanti Chiefs, da Suazilândia, já tinha sido avisado pelo seu médico, no dia anterior ao seu falecimento, que se encontrava com problemas de saúde.

Faty Paty representou alguns clubes europeus, como o Trabzonspor da Turquia e o MVV Maastricht da Holanda.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório