Portugueses pelo Mundo: Eis o balanço dos nossos místers

Nos últimos anos, os técnicos portugueses têm ganho notoriedade pelo seu vasto conhecimento tático e pela postura que demonstram no campo de jogo.

Desporto Análise

Paulo Sousa (Fiorentina) - Depois de uma boa primeira temporada ao serviço do emblema transalpino - atingindo o 5.º lugar na Serie A - a segunda época do Fiorentina tem desiludido imenso. A dois jogos do fim, os pupilos do técnico português encontram-se na sétima posição e não já não consegue garantir um lugar nas competições europeias. © Reuters

Vítor Pereira (TSV 1860 München) - Vítor Pereira decidiu arriscar e rumou em dezembro à segunda divisão alemã, para representar o Munique 1860. Contudo, a sua experiência na Bundesliga 2 não está a correr da melhor maneira: Em 17 jogos disputados, apenas conheceu o sabor da vitória por seis ocasiões, estando assim na 16.ª posição do campeonato.   © Twitter / 1860 Munique

Marco Silva (Hull City) - O técnico português chegou à Premier League com uma missão quase impossível em mãos.... tentar evitar a despromoção do Hull City. Apesar das coisas terem corrido bem no início, Marco Silva não conseguiu evitar (a inevitável) descida dos tigers - que terminará o campeonato na 18.ª posição do campeonato. De referir que, desde que chegou ao clube, disputou 21 jogos e venceu apenas oito deles. © Reuters

Carlos Carvalhal (Sheffield Wednesday) - Carvalhal está no clube britânico desde o ano passado, tendo nesse ano chegado ao play-off de subida de divisão, porém não conseguiu garantir um bilhete para a Premier League. Nesta sua segunda época, a intenção era a mesma... subir de divisão, no entanto a sua equipa voltou a ficar pelo caminho depois de ter perdido nas meias-finais do play-off de subida, frente ao Huddersfield Town - através da decisão por grandes penalidades. © Reuters

José Mourinho (Manchester United) - No seu primeiro ano à frente do Manchester United, não tem correspondido às expetativas... estando neste momento na sexta-posição da Premier League, lugar que se manterá até ao final da época. No entanto é preciso referir que, o português conseguiu levar os red devils a uma final da Liga Europa - competição que nunca venceram - conquistou a Supertaça Inglesa e a Taça da Liga. © Getty Images

Paulo Fonseca (Shakhtar Donetsk) - Paulo Fonseca é dos treinadores portugueses que mais sucesso têm tido no velho continente europeu, tendo vencido na sua primeira temporada na Ucrânia: O Campeonato nacional e a Taça da Ucrânia.  De destacar que o emblema eslavo não vencia a Liga desde 2014 e conseguiu ainda renovar a prova Rainha. © Reuters 

Leonardo Jardim (Monaco) - Leonardo Jardim teve uma evolução lenta no emblema do principado (muito por falta de investimento e pela venda de jogadores chave para outros clubes), entretanto, na sua terceira temporada as coisas foram diferentes. O treinador português conseguiu levantar o 'caneco' de campeão nacional, que fugia há 17 anos. Para além disso, é destacar o excelente percurso do Monaco na Liga dos Campeões, conseguindo chegar às meias-finais da competição. © Getty Images

Sérgio Conceição (Nantes) - Sérgio conceição chegou ao Nantes em dezembro e em poucos meses conseguiu revolucionar toda a equipa. Quando pisou solo francês, o Nantes era 19.º na Ligue 1 - penúltimo lugar - e agora é sétimo classificado, com 51 pontos. Em 21 jogos disputados no campeonato gualês, a equipa de Conceição apenas perdeu 5 duelos, números que têm animado toda a estrutura do clube e até os próprios adeptos. © Reuters

1 / 8
Paulo Sousa (Fiorentina) -

Paulo Sousa (Fiorentina) - Depois de uma boa primeira temporada ao serviço do emblema transalpino - atingindo o 5.º lugar na Serie A - a segunda época do Fiorentina tem desiludido imenso. A dois jogos do fim, os pupilos do técnico português encontram-se na sétima posição e não já não consegue garantir um lugar nas competições europeias. © Reuters

1 / 8
© Getty Images

Com o fim das principais ligas europeias à porta, é hora de analisar o percurso de alguns treinadores português espalhados por todo o velho continente.

PUB

Esta temporada, tivemos um conjunto vasto de técnicos lusitanos que têm demonstrado enorme qualidade.

Por exemplo, nomes como Leonardo Jardim (Monaco) ou Sérgio Conceição (Nantes), têm ganho uma notória fama no panorama europeu.

Posto isto, o Desporto ao Minuto decidiu enumerar alguns dos treinadores português que têm feito as delícias dos amantes do desporto rei.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser