Meteorologia

  • 09 DEZEMBRO 2021
Tempo
16º
MIN 12º MÁX 17º

Edição

Juiz decide amanhã se Dux vai a tribunal por crime raro

Em dezembro de 2013, seis jovens universitários morreram afogados na Praia do Meco, no distrito de Setúbal. João Gouveia, conhecido no meio universitário por Dux foi o único que conseguiu salvar-se. Pais das vítimas querem saber exatamente o que aconteceu naquela noite.

Juiz decide amanhã se Dux vai a tribunal por crime raro

O juiz de instrução do Tribunal de Setúbal, Nelson Escórcio, vai decidir amanhã se vai pronunciar João Gouveia pelo crime de exposição ao perigo ou abandono.

A notícia consta da edição desta terça-feira do jornal Público e na mesma pode ler-se ainda que este tipo de crime raramente vai a julgamento. A mesma publicação explica que até há 20 anos atrás este crime só era punido se envolvesse menores ou adultos mais frágeis, tais como idosos ou deficientes.

Entretanto a lei mudou e este crime já pode ser atribuído a qualquer pessoa, mas só os casos que envolvem crianças é que chegam às barras dos tribunais.

Os pais dos seis estudantes que morreram já garantiram que vão recorrer da decisão caso o juiz não pronuncie João Gouveia.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório