Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2022
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 17º

Furação Ian deixa 1,8 milhões de pessoas sem energia na Florida

O furacão Ian, uma das tempestades mais poderosas já registadas nos Estados Unidos, provocou hoje inundações no sudoeste da Florida, cortando a energia a mais de 1,8 milhões de pessoas.

Furação Ian deixa 1,8 milhões de pessoas sem energia na Florida

De acordo com o portal PowerOutage, que recolhe informação sobre apagões nos Estados Unidos, mais de 1,8 milhões de pessoas foram afetadas por falhas que deixaram muitos dos condados da Florida sem eletricidade ou apenas com fornecimento parcial.

"Às 03:05 (08:05 em Lisboa), o centro do furacão Ian atingiu a costa perto de Key Coast, Florida, como um furacão de categoria quatro" -- o segundo nível mais elevado -- com ventos acima de 180 quilómetros por hora, disse o Centro Nacional de Furacões norte-americano.

Numa publicação na rede social Twitter, o centro alertou que "vagas catastróficas de tempestades, ventos e inundações" continuariam à medida que a tempestade avança para o interior do Estado.

Cerca de 2,5 milhões de pessoas receberam ordens para abandonar as suas casas em 18 condados no sudoeste da Florida antes da chegada de Ian, que o centro descreveu como "extremamente perigoso".

Quase 21 milhões de pessoas vivem nas zonas que podem ser afetadas por apagões e inundações nas próximas horas, causadas por um furação que pode causar mais de 67 mil milhões de dólares (68,8 mil milhões de euros) em danos materiais, segundo a agência Bloomberg.

Na costa leste da Florida, o furacão trouxe chuvas fortes, com tornados registados em áreas ao redor de Miami que causaram dois feridos.

Em todo o estado são possíveis inundações repentinas, representando um perigo face aos resíduos da indústria de mineração de fertilizantes fosfatos em lagoas.

Mais de mil milhões de toneladas de sobras ligeiramente radioativas podem ser deslocadas devido às chuvas fortes.

O Governo federal enviou 300 ambulâncias com equipas médicas e está preparado para transportar 3,7 milhões de refeições e 3,5 milhões de litros de água assim que a tempestade passar.

O furacão Ian já havia passado por Cuba, matando duas pessoas e derrubando a rede elétrica daquele país caribenho.

Os governadores da Virgínia, Geórgia, Carolina do Sul e Carolina do Norte declararam preventivamente estados de emergência.

Os meteorologistas previram que Ian passará por aqueles estados como uma tempestade tropical, provavelmente com chuvas intensas, depois de cruzar a Florida.

Leia Também: Furacão Ian. Cerca de 20 desaparecidos após barco afundar em Florida Keys

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório