Meteorologia

  • 19 MAIO 2022
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 29º

AO MINUTO: Mortalidade sobe 39% numa semana; 3.º dia de recorde no Brasil

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19.

AO MINUTO: Mortalidade sobe 39% numa semana; 3.º dia de recorde no Brasil
Notícias ao Minuto

07:39 - 28/01/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Covid-19

Portugal registou, esta sexta-feira, 63.833 casos de Covid-19 e 44 vítimas mortais. O número de internados, em enfermarias e Unidades de Cuidados Intensivos (UCI), volta a crescer, depois de três dias consecutivos de descida.

Esta sexta-feira o número de novos casos volta a situar-se acima dos 60 mil pelo terceiro dia consecutivo (65.578 na quarta-feira e 65.706 na quinta-feira, o máximo de casos num dia).

A resposta à pandemia custou 7.743,7 milhões de euros ao Estado em 2021, devido ao aumento de 7.437,3 milhões de despesa e à perda de 306,4 milhões de receita, divulgou a Direção-Geral do Orçamento (DGO). Apesar do avanço da Ómicron, a Unicef defende que as escolas se devem manter abertas e a ECDC sugere isolamento de 6 dias para vacinados e 10 para não vacinados. Isto em doenças ligeiras, falando em 20 dias para doentes graves.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia de coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19:

00h05 - Boa noite! Termina aqui mais um registo de atualização de informação sobre a pandemia da Covid-19. Na manhã deste sábado será criado um novo registo para que possa ficar a par de tudo o que se passa no país e no mundo.

23h55 - Nova Deli acaba com recolher obrigatório ao fim de semana

A capital da Índia, Nova Deli, suspendeu o recolher obrigatório ao fim de semana e permitiu a reabertura de restaurantes e mercados esta sexta-feira, tendo em conta a queda acentuada nas novas infeções por Covid-19.

23h45 - Em dia de recorde, o Brasil ultrapassa 25 milhões de infeções

Brasil reportou, esta sexta-feira, mais 269.968 casos e 799 mortes associadas à Covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com os dados divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS). Este é pelo terceiro dia consecutivo com o maior aumento do número de novos casos desde o início da pandemia.

23h10 - Costa de "consciência tranquila" com o combate à pandemia

António Costa admitiu esta noite, no encerramento da campanha eleitoral, estar de "consciência tranquila" com o que foi feito no combate à pandemia e diz estar pronto para regressar ao trabalho na segunda-feira.

22h20 - Saiba de um efeito raro (e insólito) da Covid-19?

De acordo com um artigo na revista Urology, uma criança, de 12 anos, infetada pela segunda vez com o coronavírus, desenvolveu priapismo, uma ereção dolorosa e longa sem qualquer desejo sexual associado. No hospital, os médicos terão descoberto que a doença fez com que o sangue coagulasse no pénis. Os especialistas drenaram o sangue do pénis com uma agulha.

22h00 - Fenprof acusa ministro de ocultar impacto da pandemia nas escolas

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) acusou hoje o ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, de continuar a ocultar informação sobre o impacto da Covid-19 nas escolas e ameaçou recorrer a tribunal para exigir respostas.

21h40 - Companhias aéreas pedem reposição de voos entre Portugal e Venezuela

A Associação de Companhias Aéreas da Venezuela (ALAV) pediu hoje às autoridades do país que permitam a realização de voos para Portugal e outros destinos, restringidos desde o início da pandemia de Covid-19.

21h30 - Madeira registou mais uma morte e 1.011 novos casos

A Madeira registou mais uma morte associada à infeção por SARS-CoV-2, elevando para 162 o total de óbitos desde o início da pandemia, tendo sinalizado 1.011 novos casos e 8.772 situações ativas nas últimas 24 horas, foi hoje anunciado.

21h20 - Metro de Lisboa tem 12% de maquinistas de baixa ou em isolamento

O Metropolitano de Lisboa tem cerca de 12% dos maquinistas de baixa ou em isolamento devido à Covid-19, admitindo a empresa que, apesar de não se verificarem "constrangimentos de maior", é impossível evitar a supressão de alguns comboios.

20h30 - Itália, Espanha e Inglaterra tiveram maior excesso de mortalidade em 2020

Itália, Espanha, Inglaterra e País de Gales foram os países com maior excesso de mortalidade entre março e maio de 2020, durante a primeira vaga da pandemia, de acordo com um estudo internacional hoje divulgado.

20h00 - França com menos casos. Hoje foram 353.503 infeções e 264 óbitos

França registou 353.503 novos casos de Covid-19 e 264 óbitos em 24 horas. Uma descida nas infeções em relação a quinta-feira. 

19h50 - Mortalidade por Covid-19 aumentou 39% numa semana

Portugal regista uma mortalidade por Covid-19 de 52,2 óbitos por um milhão de habitantes, um aumento de 39% numa semana e superior ao limiar europeu definido para este indicador, alerta a análise de risco da pandemia hoje divulgada.

19h30 - Rússia ultrapassa 700 mil mortes por Covid-19

A Rússia ultrapassou, esta sexta-feira, a marca das 700 mil mortes por Covid-19, segundo os cálculos da Reuters. O país registou ainda mais 98.040 casos por Covid-19 nas últimas 24 horas, o valor mais elevado desde o início da pandemia.

18h50 - Incidência nas crianças com menos de 10 anos aumenta 83% numa semana

As crianças até aos 9 anos são o grupo com a incidência mais elevada de novas infeções, que aumentou 83% numa semana, segundo indica o relatório das 'Linhas Vermelhas' da pandemia, hoje divulgadas pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) e da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Ainda segundo este relatório, na quarta-feira a incidência cumulativa a 14 dias foi de 6.496 casos por 100 mil habitantes em Portugal, indicando uma "intensidade muito elevada e com tendência crescente" de infeções.

18h20 - Espanha regista 118.922 novos casos e 199 óbitos nas últimas 24 horas

Espanha registou, esta sexta-feira, mais 118.922 casos de Covid-19 e 199 vítimas mortais, segundo dados revelados pelo Ministério da Saúde espanhol. No total, o país contabiliza 9.779.130 infeções e 92.966 óbitos.

17h45 - Itália com mais 143.898 novos casos e 378 mortes por Covid-19

Em Itália, registou-se, pelo terceiro dia consecutivo, um decréscimo no número de óbitos e de novas infeções por Covid-19 face ao dia anterior. Nas últimas 24 horas foram registadas mais 143.898 novos casos, bem como 378 óbitos.

17h35 - Papa diz que desinformação sobre Covid-19 viola os direitos humanos

Durante uma reunião com jornalistas católicos, esta sexta-feira, o líder da igreja católica afirmou que a desinformação sobre a pandemia e vacinas Covid-19 representam uma violação dos direitos humanos.

17h30 - Brasil autoriza a venda e uso de autotestes

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) do Brasil aprovou hoje uma resolução que autoriza o uso e a venda de autotestes para detetar infeções por Covid-19 no Brasil.

17h20 - Vacinação em 'casa aberta' disponível para maiores de 40 anos

As pessoas com 40 ou mais anos podem, a partir de hoje, receber a dose de reforço da vacina contra a Covid-19 na modalidade de 'casa aberta', anunciaram os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS).

17h10 - Portugal atinge os 4,7 milhões de vacinados com a dose de reforço

Mais 76.961 pessoas receberam a dose de reforço da vacinação contra a covid-19 na quinta-feira, revela hoje o boletim diário da Direção Geral da Saúde, situando em 4,7 milhões o total de inoculações.

17h00 - Reino Unido abaixo dos 90 mil casos. Há mais 277 óbitos por Covid-19

Esta sexta-feira, as autoridades de saúde britânicas informaram que os números de novas infeções e de mortes por Covid-19 continuam a decrescer no país, à semelhança do que tem acontecido nos últimos dias. Desta vez, deram conta de mais 89.176 novos casos nas últimas 24 horas e de mais 277 óbitos relacionados com a doença.

16h45 - Incidência aumenta para 6.130,9 e transmissibilidade baixa para 1,16

A incidência de infeções com o coronavírus SARS-CoV-2 em Portugal aumentou para 6.130,9 casos por 100 mil habitantes e o índice de transmissibilidade (Rt) registou uma ligeira descida para 1,16, anunciou hoje a Direção-Geral da Saúde (DGS).

16h25 - Mais de 10 mil milhões de vacinas administradas em todo o mundo

A campanha de vacinação contra a Covid-19 continua a decorrer 'em força' a nível mundial. De acordo com dados recolhidos pela Bloomberg, já foram até agora administradas mais de 10 mil milhões de doses destas vacinas, num total de 184 países. E, em média, estão a ser atualmente dadas cerca de 30,3 milhões de doses por dia. 

16h20 - Suécia não recomenda a vacina para crianças dos 5 aos 11 anos

A Suécia decidiu não recomendar as vacinas contra a Covid-19 para crianças dos 5 aos 11 anos, segundo o anunciado esta quinta-feira pela Agência de Saúde do país. "Com o conhecimento que temos hoje, com um baixo risco de doenças graves para as crianças, não vemos nenhum benefício claro em vaciná-las", disse Britta Bjorkholma, numa conferência de imprensa.

16h01-  Reino Unido começa a administrar Paxlovid em fevereiro

Reino Unido vai começar a administrar o comprimido desenvolvido pela Pfizer para combater as infeções provocadas pelo novo coronavírus já no próximo mês, adiantou o Ministério da Saúde do país esta sexta-feira. O medicamento será distribuído a pacientes com situações de saúde mais vulneráveis.

15h49- ECDC sugere isolamento de 6 dias para vacinados e 10 para não vacinados

O Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC) recomenda um isolamento de seis dias para pessoas vacinadas anticovid-19 e de 10 para não totalmente vacinados, isto em doenças ligeiras, falando em 20 dias para doentes graves.
  
15h29- Só dois concelhos estão abaixo do nível máximo de incidência de infeções

dois dos 308 concelhos de Portugal estão abaixo do nível máximo da incidência de infeções pelo coronavírus SARS-CoV-2, avança o boletim desta sexta-feira da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a situação da pandemia. Calheta e Corvo são os únicos cinco concelhos do país que registam uma incidência cumulativa a 14 dias inferior a 960 casos por 100.000 habitantes.

15h07- Portugal soma mais 63.833 casos e 44 mortes por Covid-19

Portugal soma esta sexta-feira mais 63.833 casos e 44 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, depois de ontem ter batido o recorde de 65.706 casos diários. De acordo com o relatório diário da Direção-Geral da Saúde (DGS), o país supera os 2,5 milhões de casos e passa assim a acumular, desde março de 2020, 2.507.357 contágios e 19.788 mortes. 

14h48- Compromisso sobre patentes das vacinas é possível nas próximas semanas

Países ricos e países em desenvolvimento podem chegar a um compromisso sobre o levantamento de patentes de vacinas contra a covid-19 nas "próximas semanas", afirmou hoje a diretora-geral da Organização Mundial do Comércio.
 
14h44- BBC coloca em causa teste PCR apresentado por Djokovic na Austrália

Continua a dar que falar a conturbada chegada de Novak Djokovic a Melbourne, onde se viu impossibilitado de disputar o Open da Austrália, uma vez que acabou por ser deportado pouco tempo depois, por não apresentar um certificado de vacinação contra a Covid-19.

14h40- Afinal, quanto tempo duram os sintomas da Ómicron? Eis toda a verdade

Um estudo britânico realizado pela Zoe Covid Study, uma aplicação para smartphone lançada pela startup Zoe Limited e o King's College de Londres, que reúne depoimentos de indivíduos com Covid-19, mostra que 70% dos doentes recuperam dos sintomas provocados pela Ómicron em sete dias.

14h20- Açores com 1.566 novos casos e um óbito nas últimas 24 horas

Os Açores diagnosticaram, nas últimas 24 horas, 1.566 novos casos positivos de covid-19, atingindo hoje as 11.469 infeções ativas, e registam um novo óbito, na ilha do Pico, informa a Autoridade de Saúde Regional.

12h50- Marcha do orgulho LGBT acontece em Londres pela primeira vez desde 2019

O desfile do Orgulho gay de Londres regressará este verão pela primeira vez desde 2019. O maior festival LGBT do Reino Unido não se realizou nos últimos dois verões devido à pandemia. Este ano marca 50 anos desde o primeiro desfile do Orgulho de Londres e os organizadores já apelaram ao governo para "declarar 2022 como o ano queer".

12h35- "Ninguém está acima da lei", diz Theresa May sobre 'partygate'

A ex-primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, falou esta sexta-feira pela primeira vez sobre o escândalo ‘partygate’, em que o seu sucessor, Boris Johnson, está a ser investigado por festas realizadas durante o confinamento imposto para combater a pandemia de Covid-19. A conservadora diz-se “chateada” por saber que os funcionários do número 10 de Downing Street realizaram festas durante o confinamento. “Já disse anteriormente que é essencial que aqueles que fazem as leis, sigam as leis”, considerou. 

12h29- Alemanha diz que o surto de Ómicron "está sob controlo" apesar do número de infetados

O ministro da Saúde alemão, Karl Lauterbach, fez hoje um balanço positivo da gestão da vaga epidémica provocada pela variante Ómicron, apesar dos recordes de novas infeções registados esta semana na Alemanha.
  

12h08 - Filipinas reabrem a turistas que estejam vacinados contra a Covid-19

As Filipinas permitiram a entrada aos turistas vacinados contra a Covid-19 a partir de 10 de Fevereiro, disse o seu governo na sexta-feira, avança a Reuters. Este é um esforço para impulsionar o sector turístico, dizimado pela pandemia.

11h53 - Mais 98.040 casos na Rússia. É novo recorde pelo oitavo dia consecutivo

Rússia contabilizou, esta sexta-feira, mais 98.040 novos casos da Covid-19, naquele que é o oitavo dia consecutivo em que o país apresenta novos máximos diários de infeções, avança o The Guardian. Nas últimas 24 horas morreram ainda 673 devido à doença.

11h40 - Rastreamento de casos em Pequim expõe desigualdade social

A campanha para rastrear um surto de covid-19 em Pequim expôs a extrema desigualdade económica na China, atraindo atenção nas redes sociais do país. Em 15 de janeiro, as autoridades de saúde da capital chinesa divulgaram, em pormenor, a rotina recente de uma paciente com covid-19, visando alertar para os locais onde ela esteve e potenciais contactos indiretos.  

10h52 - Avô cria pista de gelo no terraço para brincar com neto no confinamento

Durante o confinamento a que a Covid-19 obrigou as populações um pouco por todo o mundo, muitos foram os que se tornaram criativos a escolher as atividades para passar o tempo que fomos isolados uns dos outros. Uma das soluções mais insólitas chega-nos de Tianjin, na China, onde um avô, apaixonado por desportos de inverno, criou uma pista de hóquei no gelo no terraço para brincar com o neto. 

09h30 - Provedora de Justiça da UE critica CE em caso sobre contactos com Pfizer

A Provedora de Justiça da União Europeia (UE) criticou hoje a forma como a Comissão Europeia tratou o pedido de acesso público às mensagens de texto trocadas entre a presidente da instituição e o presidente executivo da Pfizer.
  

09h26 - China deteta 64 novos casos nas últimas 24 horas

A Comissão Nacional de Saúde da China anunciou hoje a deteção de 64 novas infeções por SARS-CoV-2 nas últimas 24 horas, 39 das quais por contágio local.
 

08h54 - Identificada nova proteína usada pelo SARS-CoV-2 para infetar células

A vimentina, uma proteína presente no sistema vascular humano, pode ligar-se à proteína 'spike' ou espícula do novo coronavírus SARS-CoV-2, levando a um risco acrescido de adoecer com Covid-19 grave e de experienciar problemas cardíacos.
 

08h32 - Covid-19 agravou situação de leprosos que reviveram início da doença

Muitos doentes com lepra reviveram com a covid-19 o que passaram quando foram diagnosticadas, do isolamento à discriminação, passando pela ansiedade por uma vacina ou cura, segundo a Relatora Especial da ONU.


08h18 - 40% dos 'positivos' internados por outros motivos na última semana

Cerca de 40% dos doentes internados nos hospitais na última semana em camas covid-19 deram positivo para o SARS-CoV-2, mas ficaram no hospital por outros motivos, segundo os dados recolhidos pelo Ministério da Saúde.

07h53 - O "sintoma muito doloroso" de Ómicron que difere da gripe comum

A variante Ómicron do novo coronavírus está a provocar sintomas diferentes dos associados à estirpe Delta, assemelhando-se mais aos de 'simples' constipações ou gripes - no entanto, há um sinal em particular que a distingue dos outros vírus.

07h41 - Alemanha com mais de 190 mil novos casos e 170 mortes

A Alemanha contabilizou, esta sexta-feira, 190.148 casos de Covid-19 e 170 vítimas mortais, segundo dados divulgados pelo Instituto Robert Koch. Em relação a ontem, dia em que se registou o maior número de novas infeções desde o início da pandemia, há menos casos (203.136) e menos mortes (188).

07h33 - Centenas de camionistas cruzam o Canadá contra vacinação obrigatória

Uma coluna com centenas de camiões está a dirigir-se para Ottawa, em protesto contra a decisão do governo canadiano, que exige a vacinação contra a Covid-19 aos camionistas que atravessam a fronteira com os Estados Unidos. A manifestação chegou na quinta-feira a Toronto, a 450 quilómetros de Ottawa, e está a recolher o apoio de inúmeras pessoas, que acompanham a rota que está a ser percorrida, noticia a agência EFE.

Notícias ao Minuto Centenas de camionistas cruzam o Canadá contra vacinação obrigatória© Getty Images

07h21 - Unicef defende que escolas devem estar abertas apesar da Ómicron

A Unicef defendeu quinta-feira que os governos de todo o mundo devem fazer todos os possíveis para manter as escolas abertas, apesar do elevado número de infeções por covid-19 ligadas à variante Ómicron em vários países.

07h18 - Último redator vivo da constituição do Canadá processa o governo

Este antigo governante de Newfoundland é Brian Peckford, e é o principal requerente de um processo movido contra o governo pelo Centro de Justiça para Liberdades Constitucionais, que critica a lei que impede não vacinados de viajar.

07h15 - Bom dia! Damos início a mais um registo AO MINUTO de todos os desenvolvimentos da pandemia em Portugal e no mundo. Recorde aqui que aconteceu ao longo do dia de ontem.

Leia Também: AO MINUTO: Covid custou 7 mil milhões em 2021; Unicef quer abrir escolas

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório