Meteorologia

  • 25 JANEIRO 2022
Tempo
MIN 7º MÁX 15º

Edição

AO MINUTO: Portugal tem 19 casos de Ómicron; Crianças sem "risco zero"

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19.

AO MINUTO: Portugal tem 19 casos de Ómicron; Crianças sem "risco zero"

Portugal entrou hoje em situação de calamidade, pela segunda vez este ano, depois de ter estado neste nível mais elevado de resposta a situações de catástrofe, previsto na Lei de Base da Proteção Civil, entre 1 de maio e 30 de setembro. Desta vez, este nível vai manter-se até 20 de março de 2022.

Com a situação de calamidade entram também em vigor novas medidas, como o reforço da utilização de máscara, da testagem e do certificado digital, bem como novas regras para entrar em Portugal pelas fronteiras aéreas, marítimas e terrestres.

Ontem, a DGS anunciou que a vacinação das pessoas com mais de 50 anos que foram vacinadas com a toma única da Janssen começará no domingo, dia 5 de dezembro, prolongando-se no feriado de dia 8, assim como nos domingos seguintes, 12 e 19 de dezembro.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia de coronavírus em Portugal e no mundo

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19.

23h55 - Boa noite! Suspendemos aqui o registo de hoje. O acompanhamento da situação da pandemia Covid-19 no país e no mundo será retomado amanhã, quinta-feira.

23h14 - As pessoas mais novas internadas em Portugal são pessoas não vacinadas

A diretora geral da Saúde afirmou, em entrevista à RTP, que o perfil as pessoas internadas, de idades mais jovens, são pessoas que não estão vacinadas. Graça Freitas reforçou, por isso, a importância da vacinação que, não sendo 100% eficaz, evita contudo os casos graves da doença. A responsável lembrou que as pessoas que ainda não iniciaram a vacinação poderão fazê-lo quando quiserem

Graças Freitas afirmou que há casos graves de Covid-19 entre as crianças, motivo pelo qual defende a vacinação dos mais novos. A diretora geral da Saúde lembrou que o vírus "circula de forma livre" entre as crianças, sendo que a maioria dos casos atuais são em pessoas entre os 5 e 9 anos. "As crianças não têm risco zero", ressalvou, considerando que três mortes de crianças "é sempre demais".

23h06 - A Grécia aprova a vacinação obrigatória para todas as pessoas com mais de 60 anos

A Grécia aprovou a legislação que torna obrigatória a vacinação contra a covid-19 para todos os residentes com mais de 60 anos de idade, para fazer face ao aumento das infeções e ao aparecimento da variante Ómicron. 

22h58 - Brasil soma 11.413 novos contágios e 283 mortes

o último dia, o Brasil diagnosticou 11.413  casos de infeção pelo SARS-CoV-2 e e 283 mortes relacionadas com a Covid-19, de acordo com os dados do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS).  Com esta atualização, o país lusófono mais afetado pela pandemia acumula 22.105.872 contágios e 614.964 óbitos. 

22h44 - Por volta do Natal, Portugal poderá ter 8 mil infeções diárias

A diretora-geral de Saúde, Graça Freitas, antecipou, em entrevista à RTP, que Portugal poderá duplicar o número de infeções pelo novo coronavírus dentro de cerca 26 dias, ou seja, ter oito mil casos por dia por volta da altura do Natal. 

Assinalando que o país está "no que se chama a 5.ª vaga", Graça Freitas afirmou que embora a tendência seja crescente tanto relativamente às infeções como ao número de internados e de óbitos, não se espera a mesma gravidade de outras ondas. "Estamos a assistir a uma onda que está a ser modelada pelo efeito da vacinação", disse. 

21h58 - Portugal já identificou 19 casos de variante Ómicron

Segundo Graça Freitas, diretora geral da Saúde, já foram identificados 19 casos da nova variante da Covid-19, em Portugal. A especialista afirmou, em entrevista à RTP, que todos os casos estão ligados ao Belenenses SAD.

21h34 - Centro de vacinação abre quinta-feira no Centro de Congressos do Estoril

Um novo Centro de Vacinação vai abrir na quinta-feira no Centro de Congressos do Estoril (CCE) na modalidade "casa aberta", anunciou hoje a Câmara Municipal de Cascais, em comunicado.

20h49 - Itália aprova vacina para crianças entre os 5 e os 11 anos

A Agência Italiana do Medicamento aprovou hoje a vacina 'Comirnaty (Pfizer) contra a covid-19 para crianças dos 5 aos 11 anos, seguindo a autorização dada em outubro pela Agência Europeia do Medicamento (EMA, na sigla em inglês).

20h15 - Madeira com mais duas mortes e 73 novos casos
 
A Madeira registou hoje mais duas mortes por covid-19, elevando para 107 os óbitos associados à doença, estando reportados 73 novos casos nas últimas 24 horas e um total de 767 situações ativas, informaram as autoridades de saúde regionais.

20h00 - Guterres critica comunidade internacional pelo tratamento dado a África

O chefe da Organização das Nações Unidas proferiu "um sinal de alarme contra a injustiça e a imoralidade na forma como a comunidade internacional trata África" e afirmou que, do ponto de vista da pandemia de covid-19 e da crise climática, "este escândalo que condena África a uma situação extremamente difícil deve acabar".

19h53 - França com quase 50 mil novos casos em apenas um dia

A Santé publique France anunciou que, nas últimas 24 horas, foram registadas mais 49.610 infeções por Covid-19 no país. Trata-se do valor mais elevado dos últimos sete dias no país. A par disso, há a  registar mais 93 vítimas mortais.

19h47 - EUA identificam o primeiro caso da variante Ómicron

Os Estados Unidos identificaram o primeiro caso da nova variante do SARS-CoV-2 Ómicron, na Califórnia, adiantou o Centros de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês). Trata-se de uma pessoa que viajou de África do Sul para os Estados Unidos no passado dia 22 de novembro e que testou positivo sete dias depois.

19h30 - Países Baixos contra limitar para nove meses passaporte sanitário na UE

Os Países Baixos opõem-se à proposta de Bruxelas de limitar a validade do passaporte covid na UE para nove meses, e defendem que os que já têm a vacinação completa possam viajar durante um ano sem dose de reforço.

19h22 - OMS teme redução da eficácia das vacinas face à Ómicron mas só parcial

A Organização Mundial de Saúde (OMS) reconheceu hoje que as vacinas anticovid podem ser menos eficazes face à nova variante Ómicron, mas insiste em evitar alarmismos porque vão continuar a ser evitadas as formas mais graves da doença.

19h05 - Liga confirma regresso da testagem obrigatória 48 horas antes dos jogos

A Liga informou, esta quarta-feira, que os jogadores vão voltar a ser testados 48 horas antes de cada jogo. A decisão foi tomada na sequência da reunião do organismo com os departamentos médicos dos clubes e após indicações dadas pela Direção-Geral da Saúde.

18h51 - Testes antigénio grátis prontos dentro de dois ou três dias

Os 100 mil testes antigénio que a Câmara do Porto vai disponibilizar gratuitamente até 31 de dezembro aos cidadãos da cidade estarão disponíveis "dentro de dois ou três dias", revelou hoje Rui Moreira.

18h49 - "É urgente" que apoio à retoma continue "pelo menos até à Páscoa"

A Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT) considera imprescindível que se mantenham os apoios à retoma, pelo menos, até à Pascoa, para que o setor e, assim, a recuperação do país, "não morram na praia".

18h01 - Incidência em Espanha sobe para mais de 217 casos

O país registou 10.536 novos casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2 nas últimas 24 horas, tendo os serviços de saúde notificado mais 28 mortes atribuídas à doença durante o mesmo período.

17h40 - Reino Unido com mais de 48 mil novas infeções. Casos da Ómicron são já 32

O Reino Unido diagnosticou nas últimas horas mais 48.374 novas infeções pelo SARS-CoV-2 e 171 mortes relacionadas com a Covid-19, indicam os dados do governo britânico, atualizados esta quarta-feira, dia em que se confirma também o aumento do número de infetados com a variante Ómicron para 32. 

17h38 - Cabo Verde volta a exigir teste negativo para entrar no país

Cabo Verde vai restabelecer a obrigatoriedade de apresentação de resultado negativo de teste à covid-19 à entrada no país a partir de sexta-feira e admite restringir o acesso de países de "maior risco", segundo o Governo.

17h27 - Baixa cobertura de vacinação e testes insuficientes são "mistura tóxica"
 
O mundo enfrenta "uma mistura tóxica" que resulta da baixa cobertura vacinal contra a covid-19 e um nível de testagem insuficiente, alertou hoje o responsável da OMS, garantindo tratar-se de uma receita perfeita para as variantes se reproduzirem. "O fim da pandemia não é uma questão de sorte, é uma questão de escolha", declarou o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus.

17h09 - Problemas com certificados já foram resolvidos

Após a indicação, esta ,manhã, de que haveria dificuldades pontuais na emissão de certificados digitais COVID da UE, a Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) e a Imprensa Nacional Casa da Moeda (INCM) indicam que já identificaram e resolveram imediatamente o problema técnico reportado.

"Assim, os constrangimentos foram maioritariamente ultrapassados às 14h00, ficando imediatamente disponível a emissão de certificados digitais COVID da UE via portal do SNS 24", indicam as duas entidades em comunicado.

16h50 - Cabo Verde começou a vacinar cerca de 75 mil pessoas com terceira dose

Cabo Verde começou a vacinar cerca de 75 mil pessoas com a terceira dose de vacina contra a covid-19, entre elas idosos e doentes crónicos, depois de seis meses da segunda dose, disse hoje fonte oficial.

16h24 - Boris Johnson nega ter violado normas com festas em Downing Street

O primeiro-ministro inglês, Boris Johnson negou hoje "ter violado as normas" anticovid-19 com a celebração de festas na sua residência oficial em Downing Street, em Londres, em novembro e dezembro de 2020.

16h21 - ECDC apoia vacinação de crianças. As que correm risco são prioritárias

O Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC) apoiou hoje a vacinação de crianças entre os 5 e os 11 anos, conforme aprovado pelo regulador da União Europeia (UE), sugerindo que as correm risco integrem grupos prioritários.

16h09 -  Gana anuncia primeiros casos da variante Ómicron no país

As autoridades do Gana declararam hoje que os seus cientistas detetaram casos da variante Ómicron do vírus SARS-CoV-2 em passageiros que chegaram ao país em 21 de novembro, procedentes da Nigéria e da África do Sul.

15h38 - Incidência do vírus aumenta e Rt baixa ligeiramente para 1,15

A taxa de incidência do vírus SARS-CoV-2 a nível nacional voltou a aumentar desde segunda-feira, passando para 349,8 casos por 100 mil habitantes, enquanto o índice de transmissibilidade (Rt) nacional desceu ligeiramente para 1,15.

Notícias ao Minuto Matriz de risco© DGS  

15h35 - Restaurantes do Porto vivem dia "normal" no regresso à calamidade

Os restaurantes do Porto estão a viver um dia "normal" no regresso ao estado de calamidade, com a maioria dos clientes a apresentar o certificado digital, num esforço apenas interrompido por aqueles que não o conseguiram descarregar na hora.

15h24 - Coates testa positivo à Covid-19 e falha dérbi com Benfica

Sebastián Coates testou, esta quarta-feira, positivo à Covid-19 e vai falhar, assim, a deslocação do Sporting ao Estádio da Luz para o dérbi de sexta-feira, avança a SIC Notícias. O capitão leonino está infetado com o novo coronavírus e não pode ir a jogo frente ao Benfica. O Sporting ainda não fez qualquer esclarecimento oficial sobre o caso. 

14h56 - Câmara do Porto disponibiliza 100 mil testes antigénio grátis

A Câmara do Porto vai propor na próxima reunião do executivo disponibilizar 100 mil testes rápidos de antigénio à Covid-19 à população, de forma gratuita, lê-se num documento a que a Lusa teve hoje acesso.

14h46 - Casos ativos voltam a subir. Portugal soma perto de cinco mil novos casos

Portugal registou 17 mortes e 4.670 novos casos associados à Covid-19, de acordo com o boletim divulgado esta quarta-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Desde o início da pandemia, o país já contabilizou 1.151.919 casos do vírus e 18.458 óbitos associados.

Nas unidades de cuidados intensivos, o número de internados mantém-se desde ontem: 116. Já nas enfermarias, há mais oito pessoas hospitalizadas (são 841 no total).

Hoje, o número de casos ativos voltou a aumentar em 2.207 - são agora 55.778 os casos ativos do vírus em Portugal.

O boletim desta quarta-feira atualiza também a taxa de incidência e o índice de transmissibilidade (Rt). O Rt é, atualmente, de 1,16 no continente e de 1,15 a nível nacional.

Já a incidência situa-se em 351,4 casos de infeção por 100 mil habitantes no continente e 349,8 a nível nacional.

14h40 - DGS decretou isolamento de todo o plantel do Tondela

Beirões estão a cumprir isolamento profilático desde terça-feira. Clube aguarda decisão em relação ao jogo contra o Moreirense.

14h39 - Portugal tem 14 casos da variante Ómicron num total de 59 na Europa

Portugal tem agora 14 casos confirmados da variante Ómicron do SARS-CoV-2, considerada de preocupação, anunciou hoje o Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), falando num total de 59 pessoas infetadas com esta estirpe na Europa.

14h37 - Longas filas antes da abertura do maior centro de vacinação do país

O maior centro de vacinação do país, com capacidade para atender seis mil pessoas por dia, abriu hoje no Pavilhão 4 da feira internacional de Lisboa, registando longas filas de espera horas antes da abertura.

14h35 - Governo dos Açores decreta uso obrigatório de máscara

O Governo dos Açores decretou hoje o uso obrigatório de máscaras ou viseiras para o acesso ou permanência no interior de espaços, equipamentos e estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços, independentemente da respetiva área.

14h33 - Coreia do Sul confirma primeiros cinco casos da variante Ómicron

A Coreia do Sul confirmou hoje os seus primeiros cinco casos da variante Ómicron do vírus SARS-CoV-2, recentemente detetada na África do Sul, em pessoas ligadas a viagens à Nigéria.

14h30 - UE tem vacinas suficientes para doses de reforço até primavera

A União Europeia (UE) terá, até à primavera de 2022, um total de 360 milhões de vacinas anticovid-19 da tecnologia do ARN mensageiro, o suficiente para doses de reforço para todos, anunciou hoje a presidente da Comissão Europeia.

14h28 - Lisboa vai abrir quatro centros de testagem junto a locais de animação noturna

A Câmara de Lisboa vai abrir quatro centros de testagem à Covid-19 perto dos locais de animação noturna, no Cais do Sodré, Largo de Camões, Príncipe Real e Santos, a funcionar entre quinta-feira e domingo, anunciou a AHRESP.

14h24 - Detetados 20 passageiros sem teste no aeroporto de Lisboa

As autoridades aeroportuárias detetaram até ao início da tarde de hoje 20 pessoas que desembarcaram no aeroporto de Lisboa sem apresentarem teste negativo à Covid-19, estando sujeitas à aplicação de coimas, divulgou a PSP.

"Temos 20 pessoas que fizeram o teste. Dez delas já deram teste negativo e as outras 10 aguardam. Estas pessoas vão ser autuadas, bem como as companhias áreas que fizeram o transporte", apontou o responsável da PSP, Valente Pinho.

13h00 - Vacinas para crianças chegam à União Europeia em 13 de dezembro

As vacinas anticovid-19 para crianças dos 5 aos 11 anos, do consórcio farmacêutico BioNTech/Pfizer, chegam à União Europeia (UE) em 13 de dezembro, anunciou hoje a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen.

"Falei com a BioNTech/Pfizer sobre as vacinas para crianças e, desde ontem [terça-feira], há boas notícias: eles são capazes de acelerar e isto quer dizer que as vacinas para crianças estarão disponíveis a partir de 13 de dezembro", declarou a responsável, falando em conferência de imprensa, em Bruxelas.

12h49 - Von der Leyen admite discussão sobre vacinação obrigatória na UE

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, admitiu hoje um debate na União Europeia sobre vacinação obrigatória anticovid-19, quando 150 milhões de pessoas não estão vacinadas e já mais de cinco milhões morreram devido à doença.

"Primeiro que tudo, esta é uma competência dos Estados-membros, portanto, não me cabe a mim dar qualquer tipo de recomendação, mas se me perguntam qual é a minha posição pessoal, eu há dois ou três anos nunca teria pensado em testemunhar o que vemos neste momento em que temos esta horrível pandemia", afirmou a líder do executivo comunitário.

"Temos as vacinas, as vacinas que salvam vidas, mas não estão a ser usadas adequadamente", lamentou. 

12h39 - Açores com 24 novos casos e 41 recuperações

Os Açores registaram nas últimas 24 horas, 24 casos de Covid-19, 41 recuperações e dois internamentos, ambos no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, divulgou hoje a Autoridade Regional de Saúde.

12h34 - China deteta 113 casos nas últimas 24 horas

A China detetou 113 casos de Covid-19, nas últimas 24 horas, 91 por contágio local e os restantes oriundos do estrangeiro, anunciaram hoje as autoridades de saúde do país. A Comissão de Saúde da China adiantou que o número total de casos ativos é de 868, entre os quais oito graves.

Desde o início da pandemia, o país registou 98.824 casos da doença e 4.636 mortos.

12h25 - UE pede restrições, mais vacinação e doses de reforço face à Ómicron

A Comissão Europeia pediu hoje aos Estados-membros da União Europeia (UE) para avançarem com "restrições específicas" e às viagens de zonas arriscadas para conter a variante Ómicron, solicitando ainda campanhas para os não vacinados e doses de reforço.

11h47 - Costa admite adotar novas medidas para o Natal "se forem necessárias"

O primeiro-ministro não afastou hoje introduzir novas restrições para combater a pandemia durante a época natalícia, afirmando que é preciso "estar sempre atento" caso novas medidas venham a ser necessárias, apesar de não as desejar.

António Costa salientou que o país já está "há quase dois anos nesta pandemia", tendo retirado duas lições: a necessidade de "adotar medidas o mais cedo possível e que perturbem o mínimo possível a vida das pessoas, o esforço de recuperação da economia e a proteção dos empregos das empresa", e a necessidade de se "estar sempre atento para ter que tomar uma nova medida caso ela venha a se tornar necessária".

"O que é que nós todos desejamos? Que ela não seja necessária. O que é que nós devemos ter presente? Que, se ela for necessária, cá estamos para adotar medidas se elas forem necessárias", referiu.

11h31 - Governo destaca as medidas que entraram em vigor hoje

O Governo salientou no Twitter as medidas que entraram esta quarta-feira em vigor para combater a nova vaga da pandemia. 

11h29 - Clientes de bares e discotecas sem obrigação de usar máscara no interior

O acesso a bares e discotecas não implica o uso de máscaras facial pelos clientes, segundo a orientação atualizada pela Direção-Geral da Saúde (DGS) em linha com as medidas que vigoram a partir de hoje.

11h23 - OMS lança processo de negociação para acordo de prevenção de pandemias

Os 194 membros da OMS lançaram hoje um processo de negociação com o objetivo de chegar a um acordo internacional para melhor prevenir e combater uma próxima pandemia, no momento que ocorre a quinta vaga da Covid-19.

11h19 - "O que acontece no Garcia de Orta não é um surto", frisa António Costa

O primeiro-ministro, António Costa, afirmou esta quarta-feira que o que se passa no Hospital Garcia de Orta, em Almada, que encerrou os serviços de urgência pediátrica e consulta externa por um período de 14 dias, "não é um surto".

"Foi adotada a medida cautelar que as autoridades têm vindo a adotar", sublinhou, à margem das comemorações do 1.º de Dezembro. "Havendo pouca informação ainda sobre esta variante, jogam pelo seguro - isolam, testam massivamente, testam os contactos - de forma a procurar conter qualquer risco de contaminação".

António Costa assegurou ainda que todas as crianças que seriam atendidas naquele serviço de urgência pediátrica "serão encaminhadas para outras urgências pediátricas do Serviço Nacional de Saúde".

Quanto à nova variante, Costa afirma que a Ómicron aparenta ser "mais transmissível, mas não necessariamente mais danosa para a saúde", apelando a que, até que surja mais informação, se tenha o "máximo de cautela possível".

"As informações que têm sido recolhidas indicam uma coisa: primeiro, esta variante tem um maior índice de transmissibilidade, ou seja, é mais perigosa na transmissão, (...) [mas] não aparenta desenvolver uma sintomatologia muito diferente das variantes anteriores, ou seja, é mais transmissível mas não é necessariamente mais danosa para a saúde", afirmou.

11h03 - Recuperação económica mundial perdeu ímpeto e está mais desequilibrada

A recuperação económica mundial da pandemia de Covid-19 "continua a progredir" mas "perdeu ímpeto" e está a ficar "cada vez mais desequilibrada", de acordo com a OCDE, prevendo um crescimento global de 5,6% este ano.

10h28 - TAAG anuncia novo voo de repatriamento para a África do Sul

A transportadora aérea angolana anunciou um novo voo de repatriamento para a África do Sul, desta vez para a Cidade do Cabo, na quinta-feira, devido à suspensão de voos imposta para conter a propagação da nova variante da Covid-19.

8h40 - Portugal na lista de países de elevado risco de Hong Kong

Portugal, Japão e Suécia vão juntar-se à lista de países de elevado risco para a Covid-19 em vigor em Hong Kong, na sequência da deteção de casos com a variante Ómicron, anunciou o governo.

Os não-residentes de Hong Kong, que tenham estado mais de 21 dias naqueles países, não podem entrar na região administrativa especial chinesa, indicou o executivo liderado por Carrie Lam.

7h52 - Voos de e para Moçambique continuam suspensos até 9 de janeiro
 
Os voos de e para Moçambique vão continuar suspensos até 9 de janeiro e os passageiros oriundos deste país são obrigados a realizar um teste à Covid-19 e a cumprirem um isolamento de 14 dias, determinou hoje o Governo.

7h50 - Alemanha soma mais de 67 mil casos e 446 mortes no último dia

A Alemanha registou 67.186 novos contágios e mais 446 mortes causadas pela Covid-19 em 24 horas, segundo o boletim epidemiológico divulgado pelo Instituto Robert Koch.

7h47 - EUA afirmam que vão demorar semanas para ter dados sobre Ómicron
 
A 'task force' do governo dos Estados Unidos contra a pandemia admitiu hoje que demorará semanas, cerca de duas a quatro, para obter informações suficientes sobre a nova variante da Covid-19, Ómicron, como a capacidade de transmissão e agressividade.

7h40 - Comércio mundial tinha sinais fortes de recuperação antes da Ómicron
 
O comércio internacional estava direcionado para atingir 28 biliões de dólares (24,7 biliões de euros) em 2021, antes do surgimento da variante Ómicron do novo coronavírus, assinalou terça-feira a agência da ONU para o comércio e desenvolvimento (UNCTAD).

7h38 - Coreia do Sul regista máximo diário de casos desde o início da pandemia
 
A Coreia do Sul ultrapassou hoje, pela primeira vez, 5.000 novos casos de Covid-19 em 24 horas, um novo máximo no país desde o início da pandemia.

7h35 - Portugal Continental entrou hoje em situação de calamidade
 
Portugal Continental entrou às 00h00 de hoje em situação de calamidade devido ao aumento do número de casos de Covid-19, nível que se vai manter até 20 de março de 2022.

7h30 - Bom dia! Este é um novo registo de acompanhamento dos mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19. Pode recordar aqui o registo anterior. 

Leia Também: AO MINUTO: Após morte, Eslovénia descarta vacina; Reforço da J&J em breve

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório