Meteorologia

  • 27 FEVEREIRO 2021
Tempo
17º
MIN 12º MÁX 19º

Edição

Maduro dá início à suspensão da CNN na Venezuela

O Presidente venezuelano, Nicolás Maduro, anunciou na quinta-feira que pediu à ministra da Comunicação e Informação para iniciar medidas para suspender o sinal da televisão norte-americana CNN na Venezuela, por ter uma "programação de guerra" 24 horas por dia.

Notícias ao Minuto

06:02 - 21/02/14 por Lusa

Mundo Sinais

"A CNN quer mostrar ao mundo que na Venezuela há uma guerra civil e aqui o povo o que está é a trabalhar, a estudar e a construir a pátria. Pedi à ministra de comunicação, Delcy Elóina Rodríguez Gómez, que informe a CNN que se iniciou um processo administrativo para tirar a CNN da Venezuela, se não retificarem", disse.

Nicolás Maduro falava numa alocução ao país transmitida em simultâneo, e obrigatória, pelas rádios e televisões venezuelanas.

"Que se vá a CNN de Venezuela, já basta de propaganda de guerra, não aceito propaganda de guerra contra a Venezuela. Se não retificarem, fora da Venezuela", ameaçou.

O anúncio de Nicolás Maduro teve lugar uma semana depois de a Comissão Nacional de Telecomunicações da Venezuela ter ordenado às operadoras de televisão a suspensão da emissão da estação de televisão colombiana NTN24 no país.

A suspensão teve lugar quando o canal fazia a cobertura de violentos confrontos entre estudantes e as forças de ordem.

Pelo menos seis pessoas morreram e dezenas ficaram feridas em confrontos ocorridos entre manifestantes e autoridades, entre protestos contra as políticas do Governo do Presidente Nicolás Maduro, que acusa a oposição de tentativa de golpe de Estado, com o apoio dos EUA.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório