Meteorologia

  • 24 OUTUBRO 2021
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 25º

Edição

AO MINUTO: Menos 209 internados em 24h. Quase 2 mil barrados na fronteira

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19.

AO MINUTO: Menos 209 internados em 24h. Quase 2 mil barrados na fronteira

O Governo anuncia hoje as medidas para novo período de Estado de Emergência, a vigorar entre 2 e 16 de março, depois de o Presidente da República ter desaconselhado um desconfinamento antes da Páscoa, por "prudência" e "segurança". O período de Estado de Emergência atualmente em vigor termina às 23h59 da próxima segunda-feira, 1 de março.

O Instituto de Saúde Ricardo Jorge divulgou esta sexta-feira um estudo sobre a origem de entrada do vírus em Portugal, indicando que, apesar de os primeiros casos de Covid-19 notificados em Portugal reportarem a 2 de março de 2020, terão existido potenciais introduções ainda no final de janeiro, tendo a maioria ocorrido a partir da última semana de fevereiro, numa "transmissão comunitária que já estava a decorrer de forma silenciosa".

Saliente-se ainda que a circulação entre concelhos em Portugal continental volta a estar proibida entre as 20h00 de hoje e as 05h00 de segunda-feira.

Segundo os dados mais recentes, Portugal registou 58 mortes e 1.027 novos casos confirmados de Covid-19 - o número mais baixo desde 7 de outubro. Em termos acumulados, o país soma 16.243 óbitos e 802.773 infetados desde o início da pandemia.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia de coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

16h00 - Este registo chega ao fim, mas pode continuar a acompanhar-nos aqui.

15h31 - O chefe de Governo da Áustria, Sebastian Kurz, e o Presidente russo, Vladimir Putin, evocaram hoje a possibilidade de a Rússia fornecer a Viena a vacina contra a Covid-19 Sputnik V, anunciou o Kremlin. Os dois dirigentes discutiram, em conversa telefónica, "a possibilidade" de a Rússia fornecer esta vacina à Áustria, referiu o Kremlin em comunicado, acrescentando que já foram marcados "novos contactos estreitos" para discutir o assunto.

15h28 - A PSP intercetou um grupo de quatro homens a confraternizar numa drogaria em Espinho, no distrito de Aveiro, em violação das medidas de combate à pandemia de covid-19, informou hoje aquela força policial. Em comunicado, a PSP esclarece que os suspeitos "confraternizavam numa mesa improvisada, numa drogaria, estando dois a jogar dominó". Todos os intervenientes foram identificados, tendo-lhes sido levantados autos de contraordenação.

14h53 - O Reino Unido deve manter um sistema de prioridade baseado na idade para a segunda fase do programa de vacinação contra a covid-19, recomendou hoje a comissão de especialistas que aconselha o Governo. Assim, quando for concluída a primeira fase com os primeiros nove grupos prioritários, que inclui todas as pessoas com mais de 50 anos e as de menos idade que tenham comorbilidades de alto risco, deverão começar a ser vacinadas as pessoas com idades entre os 40 e 49 anos, depois aquelas com entre 30 e 39 anos e, por fim, entre os 18 e 29 anos.

14h51 - O presidente do CDS-PP insistiu hoje na necessidade de o Governo apresentar um plano de desconfinamento que permita a retoma da atividade de alguns setores, e pediu que, caso isso não aconteça, sejam reforçados os apoios. "O Governo está a atravessar um período de uma gritante insensibilidade social para vários setores de profissionais" e "este setor de cuidados de beleza emprega direta ou indiretamente cerca de 300 mil" pessoas, afirmou Francisco Rodrigues dos Santos, em declarações aos jornalistas, no final de um encontro com barbeiros, no Seixal, Setúbal.

14h47 - Mais de metade da população de Israel já recebeu pelo menos uma dose da vacina contra o coronavírus, anunciou hoje o Ministério da Saúde israelita. O Estado hebreu lançou a 19 de dezembro uma vasta campanha de vacinação após um acordo com a farmacêutica Pfizer, que abastece rapidamente o país em troca de dados biomédicos sobre o efeito da vacina. O Ministério da Saúde indicou hoje que 4,65 milhões dos 9,29 milhões de habitantes já receberam pelo menos a primeira dose da vacina.

14h41 - Moçambique registou mais sete mortos devido à covid-19 e 621 novos casos de infeção, anunciou hoje o Ministério da Saúde. As vítimas, todas de nacionalidade moçambicana, morreram entre hoje e quinta-feira, referiu o Ministério da Saúde em comunicado de atualização de dados sobre a pandemia. Com os novos dados anunciados hoje, o número de óbitos em Moçambique sobe para 620 e os casos para 58.218, dos quais 68% estão recuperados.

14h35 - Cerca de 1.900 pessoas foram impedidas de circular nas fronteiras entre Portugal e Espanha desde 31 de janeiro, quando voltaram a vigorar controlos devido à pandemia de covid-19, revelou hoje o Ministério da Administração Interna (MAI).Num balanço enviado à agência Lusa sobre o controlo nas fronteiras terrestres, o MAI refere que o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) e a Guarda Nacional Republicana (GNR) controlaram, entre 31 de janeiro e 24 de fevereiro, um total de 279.578 cidadãos e 251.750 viaturas nos pontos de passagem autorizados (PPA).Segundo o MAI, dos 279.578 cidadãos, 1.904 foram impedidos de circular pelos pontos de passagem autorizados.

14h19 - A Direção-Geral da Saúde (DGS) informou, esta sexta-feira, que, nas últimas 24 horas, foram reportados 58 mortes e 1.027 casos de Covid-19, em Portugal. No total há 16.243 óbitos e 802.773 infetados. Quanto aos recuperados, mais 2.780 pessoas diagnosticadas com o novo coronavírus tiveram alta médica, nas últimas horas, elevando o número de recuperados em todo o território nacional, desde o início da pandemia, para 714.493.

Há ainda neste momento 2.404 pessoas internadas com Covid-19, menos 209 pessoas face ao dia anterior. Nos cuidados intensivos estão internados 522 pacientes. Desde dia 5 de novembro (2.362) que não tínhamos tão poucos doentes internados em enfermaria.

13h58 - O primeiro-ministro advertiu hoje que o prazo limite até 2026 para a concretização do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) é "muito apertado", razão pela qual se exige uma execução desconcentrada e descentralizada. Confrontado com críticas feitas por empresários e autarcas do Norte do país, o primeiro-ministro frisou que o PRR "é um programa é extremamente exigente no prazo de execução".

13h51 - O Governo convocou hoje as confederações patronais e as sindicais para uma nova reunião de concertação social para discutir questões relacionadas com a pandemia de Covid-19. De acordo com a ordem de trabalho definida, na reunião da Comissão Permanente de Concertação Social (CPCS) será feito o ponto de situação das medidas criadas para enfrentar a crise pandémica.

13h48 - O presidente do Governo da Madeira prevê que a retoma da atividade económica no arquipélago ocorra a partir de junho, na sequência dos apoios concedidos às empresas e do fim das restrições nos mercados emissores de turismo. "Todo este apoio que estamos a dar às empresas é no sentido de perspetivarmos o início da retoma da nossa economia a partir de maio ou junho, sobretudo na área do turismo", afirmou Miguel Albuquerque, indicando que a reabertura dos principais mercados emissores de turismo para a região - Reino Unido e Alemanha - deverá ocorrer na mesma altura.

13h46 - A coordenadora do BE defendeu hoje que o desconfinamento deve ser feito de "forma cautelosa", mas manifestou preocupações em relação à ausência de um programa do Governo para recuperar cuidados de saúde e adaptar as escolas para a reabertura. Em declarações aos jornalistas na sede do Bloco, depois de uma reunião virtual com trabalhadores de cantinas, Catarina Martins afirmou que "o desconfinamento deve ser feito de uma forma cautelosa, naturalmente, até tendo em conta a pressão que ainda existe sobre o Serviço Nacional de Saúde".

13h37 - O Centro Hospitalar Universitário de São João (CHUSJ), no Porto, registou em fevereiro sete casos de infeção pelo SARS-CoV-2 em profissionais de saúde que não estavam vacinados, revelou hoje o diretor do Serviço de Saúde Ocupacional. "Anteriormente à época de vacinação, neste hospital, a incidência da doença rondava os 50 casos por semana. No mês inteiro de fevereiro, tivemos cerca de sete casos, todos eles em profissionais não vacinados", afirmou hoje Pedro Norton, em declarações aos jornalistas.

13h33 - Casos mais graves ocorrem devido a herança genética, diz estudo. Cientistas revelam que casos mais graves da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, estão ligados à performance reduzida de moléculas capazes de reconhecer o vírus e que são herdadas dos pais. A pesquisa indica que a predisposição genética está diretamente ligada ao sistema de imunidade das células T, aquele que é um dos principais dispositivos de defesa e proteção do corpo contra o coronavírus.

13h31 - As autoridades de saúde da Bélgica alertaram hoje que o número de infeções com o novo coronavírus está a aumentar, provavelmente devido em parte à rápida propagação da variante identificada pela primeira vez no Reino Unido. Os dados revelados hoje mostram que diariamente em média são registados 2.294 casos, um aumento de 24% em relação ao anterior período de sete dias. No entanto, o número de casos nos lares de idosos está a descer e a taxa de mortalidade da covid-19 continua a diminuir.

13h06 - A justiça holandesa considerou hoje que o governo tem o direito de impor recolhimento obrigatório, em vigor desde 23 de janeiro, para lutar contra a Covid-19, pondo fim a quase duas semanas de batalha judicial. A decisão de hoje, proferida por um tribunal de recurso, anula uma anterior de 16 de fevereiro, que suspendia a restrição por a considerar ilegítima, já que deveria ser apenas adotada em "circunstâncias muito urgentes e excecionais", como a rutura de um dique.

12h47 - A Autoridade de Saúde dos Açores informou hoje que, nas últimas 24 horas, não houve registo de novos casos positivos de Covid-19 na região, tendo recuperado da doença três doentes. "Quatro meses e 10 dias depois de 17 de outubro, a região volta a registar um dia sem casos positivos", refere a entidade no seu comunicado emitido diariamente.

12h41 - O surto de Covid-19 no Lar da Santa Casa da Misericórdia de Fronteira, no distrito de Portalegre, que provocou nove vítimas mortais, "está resolvido", disse hoje à agência Lusa fonte da instituição. O provedor do Lar da Santa Casa da Misericórdia de Fronteira, Jaime Teles, disse à agência Lusa que a situação já está "estabilizada" e que a "normalidade" regressou à instituição. O responsável recordou ainda que, no decorrer deste surto, chegaram a estar infetados 56 utentes (incluindo os nove idosos que morreram) e 32 funcionários.

12h34 - A pandemia do novo coronavírus provocou a nível mundial 11.340 mortes nas últimas 24 horas, enquanto o número de novos casos de infeção se situou nos 450.127, indica hoje o balanço diário da France-Presse (AFP). Estes números estão em linha com os valores relativos a quarta-feira (e divulgados na quinta-feira pela agência noticiosa francesa), dia em que foram recenseados 11.141 óbitos e 432.248 casos da doença covid-19 em todo o mundo.

12h02 - A utilização de vacinas chinesas e russas, e não apenas as aprovadas pela União Europeia, fará com que a Hungria seja em abril o país comunitário líder da imunização, prometeu hoje o primeiro-ministro, Viktor Orban. "No domingo de Páscoa (4 de abril) todos os que se tenham inscrito terão recebido pelo menos a primeira dose da vacina e, na Europa, a Hungria terá a maior taxa de vacinação", declarou o governante ultranacionalista na rádio pública Kossuth.

11h50 - A pandemia tem travado a formação de grupos de amizade na Assembleia da República. Mais de um ano após o início da XIV legislatura, os grupos de amizade da Assembleia da República ainda não estão constituídos devido à pandemia e aos atrasos nas nomeações pelos grupos parlamentares. Os grupos de amizade servem principalmente para criar pontes entre os diferentes parlamentos e estabelecer vias de contacto oficiais entre os deputados portugueses e os seus homólogos em diferentes países. Entre alguns dos países com quem a Assembleia da República mantém estes grupos de amizade estão França, Alemanha, África do Sul ou Rússia.

11h42 - "Critérios para o desconfinamento serão atingidos a meio de março". Previsões realizadas por projeto português apontam para que no dia 14 de março haja cerca de 140 casos diários de Covid-19 e que o total de internamentos ronde os 1.400. Ainda assim, perito lembra que desconfinamento deve ser realizado de forma gradual.De acordo com as mais recentes previsões realizadas pelo 'Dashboard Covid-19 Insights' - uma iniciativa da COTEC Portugal e da NOVA Information Management School (NOVA IMS) - estarão reunidas as condições para Portugal começar a desconfinar no final da primeira quinzena do próximo mês.

11h26 - A média diária de novos casos de contágio pelo novo coronavírus desceu esta semana para níveis que não se viam desde outubro, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística, que regista uma "diminuição acentuada" desde fim de janeiro. No seu boletim de informação estatística sobre a pandemia hoje divulgado, o INE indica que na quarta-feira a média de novos casos diários (calculada com base nos sete dias anteriores) era de 1.274, "o valor mais baixo desde o dia 13 de outubro de 2020".

11h20 - Um homem de nacionalidade britânica foi condenado a uma pena de prisão de duas semanas, em Singapura, depois de ter quebrado a quarentena obrigatória para ir visitar a noiva. Fugiu por uma escada de incêndio do hotel onde estava a cumprir isolamento. As regras de combate à pandemia em Singapura obrigam os turistas a ficar em isolamento num quarto de hotel ou numa casa durante 14 dias.

11h13 - Mais de metade das empresas (62%) registaram uma quebra do volume de negócios na primeira quinzena de fevereiro, valor que compara com 81% na primeira quinzena de abril, de acordo com os dados divulgados esta sexta-feira pelo Banco de Portugal (BdP) e pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

10h50 - Espanha prolongou o fecho da fronteira terrestre com Portugal até, pelo menos, ao próximo dia 16 de março. As limitações serão as mesmas que foram aplicadas até agora. Desta forma, as entradas e saídas do território espanhol pela fronteira com Portugal só podem ser efetuadas em casos excecionais e autorizados e nos horários estabelecidos. A informação foi também confirmada pelo Ministério da Administração Interna português que deu conta de que "na sequência do diálogo com os autarcas dos municípios raianos e da articulação permanente entre os governos de Portugal e de Espanha, o controlo de pessoas nas fronteiras terrestres e fluviais vai manter-se até ao dia 16 de março, tendo sido decidido acrescentar mais dois Pontos de Passagem Autorizados (PPA) - Ponte da Barca e Vinhais, que funcionarão nos dias úteis entre as 6h00 e as 9h00 e as 17h00 e as 20h00".

10h29 - Hong Kong e a Coreia do Sul começaram hoje a vacinação contra a Covid-19, um arranque tardio face a outros territórios da região e à União Europeia (UE) e Estados Unidos, apesar de terem sido dos primeiros afetados pela pandemia.A televisão sul-coreana transmitiu hoje o lançamento da campanha de vacinação num centro de saúde em Seul, na presença do Presidente Moon Jae-in.A Coreia do Sul prevê vacinar 70% da população nos próximos sete meses, enquanto Hong Kong espera inocular todos os adultos até final do ano.

09h41 - Covid-19 já 'roubou' mais de 20,5 milhões de anos de vida em todo o mundo. Estima-se que a Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, já tenha retirado até nove vezes mais anos de vida ao ser humano do que as gripes sazonais, e oito vezes em comparação a acidentes rodoviários.

08h31 - O desconfinamento deverá iniciar-se antes do final de março com a abertura das escolas até ao primeiro ciclo. Quem é o diz é SIC Notícias, que aponta as creches, o ensino pré-escolar e o primeiro ciclo como as primeiras escolas a abrir portas. Segundo é avançado, deverão abrir todas no mesmo dia e a decisão foi tomada com base em critérios técnicos elaborados e discutidos por uma comissão que o Governo criou. Este passo obrigará ainda à realização de rastreios regulares aos docentes e não docentes dos estabelecimentos de ensino público, privado e social.

08h06 - Portugueses retidos no Brasil queixam-se de custo do voo de repatriamento. Portugueses à espera de um avião de regresso a Portugal queixam-se dos preços pedidos pela TAP no voo de repatriamento (890 euros), marcado para sábado, e apontam críticas ao Governo, enquanto alguns procuram alternativas.

07h48 -A Alemanha regista, esta sexta-feira, mais 9.997 casos de Covid-19 e 394 mortos, nas últimas 24 horas. No total, o país contabiliza já 2.424.684 casos de infeção pelo novo coronavírus e 69.519 vítimas mortais da doença, segundo dados atualizados do Instituto Robert Koch.

07h44 - China passa a dispor de quatro vacinas com aprovação de mais duas. O regulador farmacêutico chinês anunciou hoje a aprovação de duas novas vacinas contra a Covid-19, das farmacêuticas chinesas Sinopharm e CanSino, passando a estar agora quatro autorizadas no país.

07h39 - O México registou 877 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, acumulando agora 183.692 óbitos desde o início da pandemia, disseram na quinta-feira as autoridades mexicanas. A Secretaria de Saúde mexicana acrescentou ter detetado 8.642 contágios, para um total de 2.069.370 casos desde o início da pandemia. O México é o terceiro país do mundo com mais mortes.

07h34 - A Índia registou 120 mortes por Covid-19 e 16.577 casos nas últimas 24 horas, anunciou hoje o Ministério da Saúde indiano. Desde o início da pandemia, a Índia contabilizou mais de 11 milhões de casos de Covid-19 (11.063.491), mantendo-se como o segundo com mais infeções, atrás dos Estados Unidos, que no último balanço contavam com mais de 28,4 milhões. É o quarto país do mundo com mais óbitos.

07h27 - A Comissão de Saúde da China anunciou hoje que foram diagnosticados seis casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, todos oriundos do exterior.Os casos foram detetados em viajantes na cidade de Xangai (leste) e na província de Guangdong (sudeste).,A Comissão de Saúde chinesa indicou que, até à meia-noite (16:00 de quinta-feira em Lisboa), o número total de infetados ativos na China continental se fixou em 244, entre os quais um em estado grave.Desde o início da pandemia, 89.877 pessoas ficaram infetadas na China, tendo morrido 4.636 doentes.

07h25 - Uma nova variante do coronavírus provocou 87,23% dos casos de Covid-19 estudados no México em fevereiro, informou na quinta-feira o diretor de Investigação Molecular do Instituto de Diagnóstico e Referência Epidemiológica (Indre).Em conferência de imprensa, José Ernesto Ramírez admitiu que esta mutação, detetada no país pela primeira vez em outubro, "pode ter uma maior transmissibilidade", apesar de sublinhar não ser "apropriado neste momento chamar-lhe uma nova variante mexicana".A linhagem descoberta é o B.1.1.222, com uma mutação T478K, disse.

07h22 - Apoio extra ao rendimento começa hoje a ser pago, mas não para todos. A Segurança Social fara hoje o primeiro processamento e não chegará a todos os trabalhadores que solicitaram esta ajuda. O valor do apoio oscila entre 50 euros e 501,16 euros para a generalidade dos trabalhadores.

07h16 - Reino Unido e Itália com mais impacto no início da pandemia em Portugal. O Reino Unido, com mais casos, e a Itália, com mais peso na transmissão comunitária, foram os países com maior impacto no início da pandemia de Covid-19 em Portugal, revela hoje um estudo do Instituto de Saúde Ricardo Jorge. Pelo menos 277 pessoas infetadas com SARS-CoV-2 oriundas de 36 países entraram em Portugal até 31 de março de 2020, sendo a maioria do Reino Unido, Espanha, França, Itália e Suíça,

07h10 - A circulação entre concelhos em Portugal continental volta a estar proibida entre as 20h00 de hoje e as 05h00 de segunda-feira, sem prejuízo das exceções previstas, no âmbito do estado de emergência para combater a pandemia de Covid-19.

07h07 - Os Estados Unidos registaram 3.269 mortos causados pela Covid-19 nas últimas 24 horas, e 81.040 casos, indicou na quinta-feira a contagem independente da Universidade norte-americana Johns Hopkins. Desde o início da pandemia, o país acumulou 508.088 óbitos e 28.409.036 casos da doença. Os Estados Unidos são o país com mais mortes devido à Covid-19 e também com mais casos de infeção.

07h03 - O Governo anuncia hoje as medidas para novo período de Estado de Emergência, a vigorar entre 2 e 16 de março, depois de o Presidente da República ter desaconselhado um desconfinamento antes da Páscoa, por "prudência" e "segurança". O período de estado de emergência atualmente em vigor termina às 23h59 da próxima segunda-feira, 01 de março. Esta renovação terá efeitos no período entre 02 e 16 de março.

07h00 - Bom dia, iniciamos um novo registo de acompanhamento da pandemia, mas pode consultar o anterior através deste link.

Leia Também: AO MINUTO: Não podemos ter "4.º confinamento"; Marcelo destaca "lucidez"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório