Meteorologia

  • 06 DEZEMBRO 2021
Tempo
13º
MIN 9º MÁX 18º

Edição

AO MINUTO: Segundo dia com mais recuperados. Confinamento prolongado

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Segundo dia com mais recuperados. Confinamento prolongado

O Presidente da República, o primeiro-ministro e os partidos reúnem-se esta manhã com epidemiologistas. No Infarmed, em Lisboa, estarão presentes a maioria dos epidemiologistas e a ministra da Saúde, Marta Temido, e os restantes participantes vão acompanhar a reunião por videoconferência.

Do lado do Governo, é praticamente certo que nenhuma medida de alívio das restrições à atividade será levantada a curto prazo. Entre os epidemiologistas, prevalece a tese de que o país não poderá começar a desconfinar enquanto não baixar de forma sustentada para os dois mil casos novos de infeção por dia.

Portugal registou mais 203 óbitos e 2.583 novos casos de infeção, segundo os dados revelados pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Em termos globais, o país soma nesta altura 770.502 infeções e 14.557 vítimas mortais. O total de recuperados é de 628 mil.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia de coronavírus em Portugale no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

16h00 - Boa tarde! Este registo fica por aqui, mas pode continuar a acompanhar as atualizações acerca do novo coronavírus através deste link. Mantenha-se seguro!

15h56 - O primeiro-ministro considerou hoje que o atual confinamento está a produzir resultados contra a Covid-19, mas é necessário prolongá-lo face aos elevados níveis da pandemia e continuar a investir na testagem massiva e na capacidade de rastreamento.

15h23 - Em Lisboa, vão existir sete espaços alternativos aos centros de saúde preparados para administrar vacinas aos cidadãos que se incluem nos grupos prioritários e um deles é o pavilhão Altice Arena. A informação foi dada pelo presidente da Câmara de Lisboa em direto do local, na antena da SIC Notícias. Fernando Medina esclareceu que os postos de vacinação estão "preparados para vacinar 70 mil pessoas", que são "aqueles que estão estimados que pertencem a esta fase - acima de 50 anos e com um conjunto de comorbilidades ou acima dos 80 anos".

Os outros seis centros são o Hospital Pulido Valente, o Fórum Roma (zona norte), Pavilhão de São Vicente e o Picadeiro Real (zona centro) e Parvilhão da Ajuda (zona ocidental).

15h17 - Lucília Fagundes, Diretora Regional para a Promoção da Igualdade e Inclusão Social pediu a demissão do cargo, informou esta terça-feira a RTP Açores. Em causa está a eventual toma indevida da vacina contra a Covid-19 por parte da responsável. A decisão de abandonar o cargo surge após Lucília Fagundes ter também suspendido funções enquanto vice-provedora da Misericórdia de Angra do Heroísmo.

15h14 - O PS considerou hoje que há resultados na redução do índice de transmissibilidade do novo coronavírus em consequência do confinamento geral, mas defendeu que as medidas devem manter-se face à ainda delicada situação do sistema hospitalar. A posição foi transmitida aos jornalistas pelo dirigente socialista Pedro Cegonho na Assembleia da República, depois da XV reunião no Infarmed, em Lisboa, sobre a evolução da situação epidemiológica da covid-19 em Portugal.

15h03 - O bastonário da Ordem dos Médicos (OM) sublinhou hoje que "não se pode desconfinar já", referindo que não conhece um "número mágico" para apontar data ao desconfinamento, mas isso só pode acontecer quando "diminuírem os internamentos de cuidados intensivos". "Não há dúvida de uma coisa: não podemos desconfinar já. Tivemos uma grande onda, menor no Norte do que no Sul do país, mas é sensato esperar mais algum tempo e esperar que os números de infetados por dia diminuam de forma substancial, apesar de neste momento estarem em queda significativa", disse Miguel Guimarães.

14h53 - O CDS-PP defendeu hoje o envolvimento de militares num "robusto plano de testagem rápida" que permita a identificação das cadeias de contágio da covid-19 e responsabilizou o Governo pelo "descontrolo da pandemia". Num comunicado enviado à Lusa no final da reunião com especialistas por videoconferência, na qual foi analisada a situação epidemiológica da covid-19 em Portugal, os centristas propõem que as Forças Armadas "sejam também associadas à execução de um robusto plano de testagem rápida para rastreio das cadeias de contágio, que os técnicos hoje defenderam nesta reunião como condição de um desconfinamento em segurança".

14h41 - Hoje foi o segundo dia com mais recuperados da Covid-19 desde o início da pandemia. O dia até agora com mais recuperados foi a 2 de fevereiro, quando recuperaram 17.572 pessoas, seguido agora por esta terça-feira, em que foram dadas como curadas 15.157 pessoas. Em terceiro lugar está 16 de fevereiro com 14.317. No total, desde o início da pandemia, já recuperaram da infeção 628.078 pessoas.

14h37 - O PSD considerou hoje que o atual confinamento terá de ser prolongado até "meados, fim de março" por o Governo "ter sido frouxo" e "não ter agido a tempo" no combate à covid-19. Em declarações aos jornalistas no parlamento, depois da reunião por videoconferência com epidemiologistas que decorreu hoje de manhã, o deputado e dirigente do PSD Maló de Abreu considerou, ainda assim, que do encontro saiu "um sinal de esperança" com a diminuição da curva de contágios por covid-19 e reiterou a necessidade de "testar mais e isolar mais".

14h27 - Portugal com menor número de casos ativos em quase um mês e menor número de internados em duas semanas. O boletim da DGS indica que existem, até hoje, 127.867 casos ativos da doença no país (menos 12.777 do que na véspera), o número mais baixo desde 15 de janeiro (125.861). Estão, neste momento, 6.070 pacientes internados em enfermaria, menos 274 do que ontem, diminuindo este indicador para o mais baixo desde 23 de janeiro. O número de doentes em unidades de cuidados intensivos é de 862 (menos 15), um patamar ainda muito elevado, tendo em conta que o máximo durante a primeira vaga foi menos de 300 internados em UCI.

14h24 - Portugal notifica mais 203 óbitos e 2.583 novos casos de infeção. O país contabiliza, agora, 14.557 mortes associadas à doença e 770.502 casos confirmados de contágio.

14h17 - A China está disposta a promover uma "cooperação de vacinação" com os países da Europa central e do leste, indicou hoje o Presidente Xi Jinping num encontro por videoconferência com líderes europeus da região.

14h16 - Cada pessoa que chegar de Portugal e de outros 32 países a Inglaterra vai pagar dois mil euros pelo quarto de hotel onde terá obrigatoriamente de cumprir uma quarentena mínima de 10 dias, anunciou hoje o ministro da Saúde britânico.

14h13 - Ministra apresenta cinco conclusões essenciais da reunião com os peritos. Entre elas, que o "nível de confinamento está a produzir efeitos, não só em termos de números de novos de casos, como a incidência está a decrescer desde há alguns dias". Mas "apesar destas medidas estarem a produzir resultados, é bastante evidente que o atual confinamento tem de ser prolongado por mais tempo, desde já, durante o mês de fevereiro e, depois sujeito a uma avaliação, mas provavelmente por um período de 60 dias a contar do seu início".

14h10 - Os Açores diagnosticaram, nas últimas 24 horas, cinco novos casos de Covid-19, dos quais quatro em São Miguel e um na Terceira, enquanto 10 pessoas recuperaram da doença, informou hoje a Autoridade de Saúde Regional.

14h09 - A freira francesa Lucile Randon, conhecida como Irmã André e considerada a pessoa mais idosa da Europa, recuperou da Covid-19 a dois dias de celebrar o seu 117.º aniversário, informaram os meios de comunicação franceses.

14h08 - O número de mortes no surto de Covid-19 no Lar da Casa do Povo de Alvalade, no concelho de Santiago do Cacém (Setúbal), subiu de um para oito, estando quatro utentes hospitalizados, foi hoje revelado.

14h07 - A primeira toma da vacina contra a Covid-19 em lares e residenciais para idosos da cidade de Lisboa já foi ministrada a 6.244 utentes e profissionais em 126 equipamentos, estando em falta 43 instituições, anunciou hoje o município.

14h05 - O Governo está a discutir com o Banco de Portugal e a Associação Portuguesa de Bancos o que fazer em relação às moratórias de crédito e pondera uma eventual extensão de maturidades, disse hoje o ministro da Economia.

13h19 - O estudo da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP) sobre as perceções sociais da pandemia de covid-19 indica que a confiança da população portuguesa face à vacina está a crescer, revelou hoje a diretora da ENSP, Carla Nunes. "Desde 14 de novembro tem havido um ganho na confiança relativamente à vacina. Temos aqui, no 'tomar assim que esteja disponível' 20% a 13 de novembro e neste momento, a 5 de fevereiro, 75% dos portugueses a dizerem que tomam a vacina assim que esteja disponível. Em termos da confiança, na categoria de 'pouco ou nada' tínhamos 55% a 13 de novembro e temos 12% a 05 de fevereiro. São valores muito positivos", afirmou.

13h14 - A Câmara do Peso da Régua vai criar um centro de vacinação contra a covid-19 numa sala anexa ao pavilhão multiusos para evitar a deslocação dos utentes a Vila Real, disse hoje o presidente da autarquia. José Manuel Gonçalves afirmou à agência Lusa que a proposta de instalação do centro de vacinação "já foi aceite" pelo Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Marão -- Douro Norte e deverá estar em funcionamento nos próximos dias.

13h07 - A variante com origem no Reino Unido do vírus SARS-CoV-2 já terá ultrapassado os 120 mil casos em Portugal, segundo adiantou hoje o investigador do Instituto Nacional de Saúde Pública Dr. Ricardo Jorge (INSA) João Paulo Gomes. "Estimámos que entre 1 de dezembro de 2020 e 07 de fevereiro de 2021 tivessem circulado já em Portugal mais de 120 mil SARS-CoV-2 com o padrão de mutações associado à variante do Reino Unido", explicou o microbiologista na reunião que decorre no Infarmed (Lisboa) entre especialistas e políticos para a análise da evolução da pandemia de Covid-19.

12h51 - O Governo já aprovou cerca de 215 milhões de euros de apoios a fundo perdido para o setor do turismo, dos quais cerca de 177 milhões já foram pagos, disse hoje o ministro da Economia. Siza Vieira reconheceu, no entanto, que o impacto da terceira vaga da pandemia será negativo e, por isso, será necessário "manter e reforçar os apoios ao emprego e à economia".

12h44 - A primeira fase de vacinação, que devia terminar antes de 31 de março, vai ser prolongada para abril devido ao "problema da disponibilidade de vacinas", anunciou hoje o novo coordenador para o plano de vacinação contra a Covid-19. "Não vamos conseguir com as vacinas que temos terminar a primeira fase antes de 31 de março, vamos prolongar para abril este período", disse Henrique Gouveia e Melo na reunião do Infarmed, que junta peritos, Governo e o Presidente da República e onde está a ser analisada a situação epidemiológica da covid-19 em Portugal.

12h20 - O surto de Covid-19 na corporação dos bombeiros de Mogadouro está sanado e os 16 dos 27 operacionais permanentes que foram infetados voltaram às atividades normais, indicou hoje o presidente da Associação Humanitária. Este surto teve início na primeira quinzena de janeiro e atingiu 16 dos 27 bombeiros que prestam serviço em permanência na corporação de Mogadouro, no distrito de Bragança.

12h04 - Dois tigres no jardim zoológico de Fort Wayne, no estado norte-americano do Indiana, testaram positivo para a Covid-19. Segundo os responsáveis pelo parque animal, os tratadores começaram a observar sintomas associados ao vírus num tigre da sumatra a 1 de fevereiro.

11h49 - Em 24 dias, morreram pelo menos 37 doentes de Covid-19 que foram transferidos de unidades de saúde de Manaus, por causa da crise de oxigénio. O colapso do abastecimento de oxigénio em Manaus, no estado do Amazonas, criou um caos de assistência aos infetados com Covid-19, questionando as equipas médicas se os pacientes poderiam estar infetados com a variante de SARS-CoV-2 identificada no estado, numa altura em que esse tipo de informação não estava a ser acompanhado, conforme escreve a Folha de S. Paulo.

11h37 - Conferência no Infarmed. Manuel Carmo Gomes alertou: "andamos a correr atrás da pandemia". "Só a partir de 22 janeiro, uma semana depois do confinamento leve, houve uma descida suave das taxas de incidência dos casos - embora ainda com mais casos. Se nos mantivéssemos neste tipo de confinamento iríamos ter um pico mais longe e mais alto. As medidas mais restritivas foram decisivas", disse o especialista da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, alertando que "a forma como temos vindo a lidar com a epidemia consiste em ler indicadores que chegam com 7 dias de atraso, adotar medidas em resposta, esperar uma semana ou até 15 dias para ver o resultado das medidas, que normalmente não são suficientes. E continuamos nisto. O que acontece é que a partir de certa altura não conseguimos controlar o vírus. E a sociedade começa a dividir-se, é o resultado de andarmos atrás da epidemia". O especialista pede, por isso, "uma postura completamente diferente."

11h24 - Uma empresa portuguesa, de Cantanhede, está a desenvolver uma vacina contra a Covid-19. O produto final será diferente das vacinas convencionais, uma vez que vai ser inalada, conta a SIC Notícias. Se tudo correr pelo melhor, produto chegará ao mercado no 3.º trimestre de 2022. "A nossa vacina é composta com o vírus inativado, é administrada de forma intranasal de forma a garantir o máximo de imunidade ao nível dos pulmões, que é o local preferencial" de entrada do SARS-CoV-2, explicou Pedro Madureira, diretor clínico da Immunethep.

10h47 - Conferência no Infarmed. Baltazar Nunes, do Instituto Ricardo Jorge, apresenta agora dados sobre o ritmo da transmissibilidade da pandemia- R(t) - que mostra a velocidade da transmissão da Covid-19. "Está abaixo de 1 em praticamente todo o território", diz, o que significa que a pandemia está em ritmo de transmissão decrescente. Em termos de previsões da transmissibilidade, o especialista fez três cenários de confinamento com escolas fechadas: a 30 dias, a 45 dias e a 60 dias, sendo o cenário a 60 dias o que consegue trazer os níveis de ocupação nos UCI para valores mais baixos". O confinamento e as medidas de restrição à propagação da pandemia de Covid-19 resultaram numa descida do índice de transmissibilidade (Rt) do vírus para valores abaixo de 1.

10h45 - O Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial (AECT) Rio Minho voltou hoje a reivindicar mais pontos de passagem entre o Alto Minho e a Galiza, depois de Espanha ter decidido prolongar as restrições nas fronteiras com Portugal até março. "As nossas restrições mantêm-se, ou seja, reclamamos mais pontos autorizados de passagem entre o Alto Minho e a Galiza para agilizar a circulação dos trabalhadores transfronteiriços e de transporte de mercadorias", afirmou hoje à agência Lusa, o diretor do AECT Rio Minho, Fernando Nogueira.

10h34 - Conferência OMS/Wuhan. As provas sugerem que o vírus terá tido origem natural, mas ainda não há resposta definitiva. Segundo Peter Ben Embarek, diretor da equipa enviada a Wuhan, um "salto direto dos morcegos para os humanos é improvável", pois não existe uma grande população de morcegos em redor da cidade chinesa. "A pesquisa sobre a possível rota de introdução do vírus através das espécies animais ainda está a decorrer", disse ainda. A OMS levou em conta quatro hipóteses de como o vírus poderia ter sido transmitido a humanos:

  • Diretamente de animais (possível)
  • Através de uma "espécie hospedeira intermediária, potencialmente mais próxima dos humanos" (mais provável)
  • Comida congelada (requer mais pesquisa)
  • Incidente em laboratório (descartada entretanto)

10h30 - Clínicos alemães começaram esta segunda-feira a trabalhar no Hospital da Luz, em Lisboa, mas antes disso fizeram um briefing sobre protocolos e algum vocabulário em português. Os médicos alemães, que chegaram na quarta-feira e começaram esta segunda-feira a trabalhar, deverão permanecer durante três semanas, estando prevista depois a sua substituição por novas equipas a cada 21 dias, pelo menos até final de março, caso seja necessário. Espreite as imagens dos 'bastidores'.

10h21 - Conferência no Infarmed. André Peralta Santos, da DGS, diz que o pico desta terceira vaga foi "a 29 de janeiro", com 1.669 casos por 100 mil habitantes, depois disso o país iniciou uma "trajetória descendente". O pico da mortalidade aconteceu na primeira semana de fevereiro. Na região de Lisboa e Vale do Tejo houve um "crescimento bastante rápido", com a multiplicação da incidência "por quatro" em apenas um mês.

10h14 - Português entre prioritários no Reino Unido já sonha em rever o mar. O sonho de voltar a ver o mar português em agosto parece agora uma possibilidade a Jaime Oliveira, um nonagenário português entre os mais de 12 milhões de pessoas vacinadas no Reino Unido contra a Covid-19. "Estou a pensar e esta noite pensei que em agosto vou ver o mar", disse à agência Lusa em Londres, onde vive com a filha desde 2004, apesar de o pensamento estar na Gafanha da Nazaré, de onde é natural.

10h12 - Conferência OMS/Wuhan. Não há provas de que o novo coronavírus circulasse em Wuhan antes de dezembro de 2019. Liang Wannian refere que não há evidência de que o vírus estivesse a circular, antes de dezembro de 2019na cidade apontada até agora como originária da pandemia. Segundo o responsável, o vírus que foi detetado em Wuhan, já poderia estar a circular noutras regiões, sem ser identificado. O mercado Huanan, em Wuhan, "atuou como um dos primeiros focos de transmissão" do SARS-CoV-2, mas não foi possível perceber como é que o vírus lá chegou.

10h10 - Já começou a reunião entre especialistas e políticos sobre a situação epidemiológica em Portugal. No Infarmed, em Lisboa estão presentes a maioria dos epidemiologistas e a ministra da Saúde, Marta Temido. Os restantes participantes, Marcelo Rebelo de Sousa, António Costa e Ferro Rodrigues, os membros do Conselho de Estado e parceiros sociais, acompanham a reunião por videoconferência. Pode acompanhar abaixo:

10h06 -África registou nas últimas 24 horas mais 454 mortes por Covid-19 para um total de 95.529 óbitos, e 10.977 novos casos de infeção, segundo os mais recentes dados oficiais da pandemia no continente. De acordo com o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (ÁfricaCDC), o número total de infetados nos 55 Estados-membros da organização é de 3.678.523 e o de recuperados nas últimas 24 horas é de 14.519, para um total de 3.207.080 desde o início da pandemia.

09h56 - Conferência OMS/Wuhan. O responsável pelo painel de especialistas da Comissão Nacional de Saúde da China, professor Liang Wannian, defendeu que a Covid-19 pode ter sido transmitida aos humanos por animais, mas que a espécie hospedeira animal do coronavírus ainda não foi identificada. “Podem ter sido morcegos ou pangolins" a fazer a transmissão, mas "as amostras de coronavírus encontradas nessas espécies não são idênticas", revelou. "A alta suscetibilidade de martas e felinos ao coronavírus sugere que pode haver outros animais que sirvam como reservatórios, mas a pesquisa é insuficiente. "Liang indicou que pode haver casos de coronavírus não detetados em outras regiões antes do surgimento do surto de Wuhan.

09h43 -A Direção-Geral da Saúde (DGS) incluiu a obrigatoriedade de existência de uma lista de pessoas a convocar para a vacina contra a Covid-19 no caso de sobrarem doses, sublinhando que deve ser sempre respeitada a ordem das prioridades. Numa atualização da norma hoje divulgada, a DGS lembra que a administração de vacinas é organizada de forma a evitar o desperdício de doses e diz que as doses sobrantes em cada sessão devem ser utilizadas em qualquer pessoa elegível dentro da fase em curso, devendo respeitar-se a ordem de prioridades definida "através da definição de uma lista, de elaboração obrigatória, de pessoas a convocar" para estes casos.

09h28 - Começou a conferência de imprensa da equipa de especialistas da Organização Mundial de Saúde (OMS), que se encontra em Wuhan, na China, há quatro semanas para tentar descobrir a origem da pandemia de Covid-19. Pode acompanhar abaixo:

09h04 -O Instituto da Segurança Social (ISS) disse, na segunda-feira, que foi agilizado o procedimento de entrega e tratamento dos processos de isolamento profilático por parte das entidades empregadoras, com o objetivo de agilizar o processo. "Com o intuito de agilizar o procedimento de entrega e tratamento dos processos de isolamento profilático por parte das Entidades Empregadoras, o Instituto da Segurança Social, em articulação com o Ministério da Saúde, automatizou o processo de troca de informação entre os dois organismos, tornando-o mais célere", refere o ISS, em comunicado. Saiba aqui como funciona.

08h56 - No entender do Ministério do Trabalho as despesas de Internet e telefone dos funcionários em teletrabalho devem ser asseguradas pelas empresas, mas a verdade é que a 'fatura' dos trabalhadores da Função Pública não é paga pelo Estado. Além disso, há quem vá mais longe e defenda que os gastos de energia também devem ser assegurados pela entidade patronal. Há vários entendimentos, mas, afinal, o que está a ser feito?

08h29 -Espanha e Portugal prolongam fecho de fronteiras até março. Os controlos na fronteira terrestre entre os dois países vão continuar até pelo menos 1 de março, com o objetivo de combater a pandemia. Só poderão entrar em território espanhol cidadãos de nacionalidade espanhola ou companheiros, bem como familiares diretos. O anúncio foi feito pelo Ministério do Interior de Espanha esta terça-feira.

08h21 -A equipa de especialistas da Organização Mundial de Saúde (OMS), que se encontra na China há quatro semanas para tentar descobrir a origem da pandemia de Covid-19, vai dar hoje uma conferência de imprensa, anunciou hoje a instituição. A equipa tem investigados o padrão de propagação do vírus e a ligação entre o vírus e os animais. Wuhan foi onde se reportaram os primeiros casos deCovid-19 em dezembro de 2019. A pandemia já provocou mais de 2,3 milhões de mortes entre os mais de 106 milhões de casos de contágio.

08h03 -O diretor de Cooperação da OCDE disse hoje que a vacinação contra a Covid-19 é a "segunda fase da injustiça" com os países pobres, já fortemente penalizados pela quebra no financiamento desde o início da pandemia. "Estes países tiveram uma quebra do investimento direto estrangeiro nos últimos meses de 700 mil milhões de dólares [cerca de 580 mil milhões de euros]", disse Jorge Moreira da Silva.

07h57 -A vacina da Pfizer deverá funcionar contra a variante sul-africana. A informação é divulgada após uma outra pesquisa ter concluído que a vacina da Oxford/AstraZeneca não é eficaz contra a nova mutação do coronavírus SARS-CoV-2, causador da doença da Covid-19.Num pequeno estudo realizado nos Estados Unidos, os cientistas detetaram evidências de que os vírus mutantes foram eficazmente detidos pela vacina da Pfizer/Biontech.

07h42 -De acordo com os dados divulgados, esta terça-feira, pelo Instituto Robert Koch, a Alemanha registou 3.379 contágios e 481 mortes nas últimas 24 horas. Desde o início da pandemia, o país germânico contabiliza 2.291.924 casos e 62.156 mortes. Cerca de 2.057.300 pessoas foram registadas como curadas, segundo a estimativa doRKI.

07h30 -O Presidente da República, primeiro-ministro, presidente do Parlamento e partidos reúnem-se hoje com epidemiologistas, mas desta vez por videoconferência, num momento em que o país se encontra em confinamento geral por causa da Covid-19.A partir das 10h00, estarão presentes a maioria dos epidemiologistas e a ministra da Saúde, Marta Temido, no Infarmed, em Lisboa e os restantes participantes, Marcelo Rebelo de Sousa, António Costa e Ferro Rodrigues, os membros do Conselho de Estado e parceiros sociais, vão acompanhar a reunião por videoconferência. Esta é a 15.ª reunião e será parcialmente transmitida nas redes sociais do Governo.

Durante a tarde iniciam-se, também por videoconferência, as audiências do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, aos partidos com assento parlamentar, um passo que tem antecedido a renovação do estado de emergência. Hoje serão ouvidos os representantes da Iniciativa Liberal, do Chega, do PEV, do PAN e do CDS-PP.

07h24 -O México registou 3.868 casos e 531 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, elevando o total de óbitos para 166.731 e de contágios para 1.936.013, informaram as autoridades mexicanas. Com 1,92 milhões de casos, o México ocupa o 13.º lugar no mundo em número de infeçõese o terceiro em mortes devido à pandemia, atrás dos Estados Unidos e do Brasil, de acordo com a Universidade Johns Hopkins.

07h21 -Os Estados Unidos registaram 1.492 mortes provocadas por Covid-19 nas últimas 24 horas, além de 85.060 novos casos, de acordo com a contagem independente da Universidade norte-americana Johns Hopkins. Desde o início da pandemia, o país acumulou 464.831 óbitos e 27.083.278 casos confirmados. Os Estados Unidos são o país com mais mortes provocadas pelo novo coronavírus SARS-Cov-2, responsável pelaCovid-19, e também com mais casos de infeção.

07h18 -Oferecer vacinas contra a Covid-19 foi a forma encontrada no Dubai, Emirados Árabes Unidos, pela comunidade religiosa Sikh para continuar a "servir a comunidade" mais desfavorecida, em tempos de pandemia. A "seva", ou serviço comunitário, é parte central da filosofia Sikh e outras originárias da Índia, e na forma mais comum traduz-se numa refeição caseira vegetariana oferecida pelo templo a qualquer um que necessitar, tradição que no caso do Dubai normalmente congrega centenas de imigrantes de países do sudeste asiático ou África. Mas a dificuldade destes emigrantes em aceder a vacinas levou o templo do Dubai a encontrar uma nova forma de ajuda.

07h16 -A China informou hoje que foram diagnosticados 14 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, todos oriundos do exterior. Os casos registados pelas autoridades foram diagnosticados em viajantes oriundos do exterior, na cidade de Xangai (leste) e nas províncias de Guangdong (sudeste), Jiangsu (leste), Zhejiang (leste), Fujian (sudeste), Shandong (nordeste) e Sichuan(centro). Pelo segundo dia consecutivo, o país não registou casos de infeção local.

07h11 -Estudo sem evidência de que creches sejam "foco de contágio". A transmissão do SARS-CoV-2 entre crianças pequenas "é baixa", indica um ensaio publicado na revista The Lancet, que acrescenta que "não há evidência" de que as creches sejam um "foco de contágio" entre os pré-escolares. A investigação, conduzida por uma equipa de médicos franceses, tem como propósito perceber de que modo e "em que medida" contribuem as crianças em creches para a transmissão doSARS-CoV-2. Para este efeito, a investigação incluiu três grupos de crianças.

07h05 -Macau iniciou hoje a vacinação contra a Covid-19 com as principais figuras da administração a darem o exemplo numa mensagem clara: a vacina é segura e todos a devem tomar para criar uma barreira imunitária. Entre as mais 50 pessoas que tomaram a vacina nesta cerimónia pública encontravam-se o chefe do Executivo, HoIat Seng, os secretários para a Economia e Finanças, Assuntos Sociais e Cultura, Segurança e Transporte e Obras Públicas, o diretor Geral dos Serviços de Alfândega, o comissário contra a Corrupção, o procurador do Ministério Público, o comandante-geral dos Serviços de Polícia Unitários e o diretor dos Serviços de Saúde. Só faltou o secretário para Administração e Justiça, porque alguém tinha de ficar a trabalhar, brincou o chefe do Executivo durante a conferência de imprensa, após ter tomado a primeira dose da vacina, do primeiro lote de 100 mil que o território recebeu no sábado da farmacêutica estatal chinesa Sinopharm.

07h03 -A Bolívia registou 68 mortos e 1.220 infetados com o novo coronavírus, com as autoridades a alertarem nesta segunda-feira para a fraude com vacinas contra a Covid-19 nas redes sociais. O país, com cerca de 11,5 milhões de habitantes, acumula 10.864óbitose 229.187 contágios desde março de 2020, quando foi detetado o primeiro caso em território boliviano, de acordo com o relatório diário do Ministério da Saúde.

07h00 - Bom dia, iniciamos um novo registo, mas pode recordar o acompanhamento anterior aqui.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório