Meteorologia

  • 02 DEZEMBRO 2021
Tempo
15º
MIN 10º MÁX 15º

Edição

AO MINUTO: Dinamarqueses contra restrições; S. João recebe (mais) doentes

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Dinamarqueses contra restrições; S. João recebe (mais) doentes

Foram este sábado reportadas mais 214 mortes associadas à Covid-19, incluindo a de um bebé de sete meses, que estava hospitalizado na região de Lisboa e Vale do Tejo. Morreram, desde o início da pandemia em Portugal, 13.954 pessoas.

No mesmo período, foram notificados 6.132 diagnósticos positivos do vírus SARS-CoV-2, elevando o número total para 761.906.

Há, neste momento, 148.359 casos ativos de infeção no país (menos 8.399 desde a véspera).

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19:

00h00 - Boa noite! Este registo chegou ao fim, mas será retomado um novo na manhã de domingo. Já sabe, consulte a informação no site da DGS e acompanhe sempre as comunicações das autoridades competentes.

Caso tenha sintomas:

  • SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24
  • SNS24 da Madeira: 800 24 24 20
  • SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

23h55 - Médico que alertou para o coronavírus é homenageado um ano após a morte. Um ano após a morte de Li Wenliang, o médico que alertou para a existência do novo coronavírus, está a receber diversos tributos nas redes sociais chinesas. O médico oftalmologista morreu a 7 de fevereiro de 2020, infetado com o SARS-CoV-2, em Wuhan, o epicentro do vírus.

23h24 - Brasil regista 978 mortos e mais de 50 mil novos casos. O Brasil registou 978 mortes associadas ao novo coronavírus e 50.630 novos contágios nas últimas 24 horas, elevando para 231.012 o balanço dos óbitos desde o início da pandemia, anunciou hoje o Governo.

23h09 - Centenas de dinamarqueses protestam contra medidas de restrição. Cerca de 600 pessoas protestaram hoje em Copenhaga contra as medidas restritivas impostas para conter a propagação do novo coronavírus bem como a obrigatoriedade de um futuro "passaporte da vacina".

22h25 - Casamento em tempos de Covid-19. Casal infetado dá o nó no hospital. Um casal infetado com Covid-19 que está internado no Hospital Isabel Zendal, em Madrid, casou-se na passada quinta-feira. Rosário e Fernando, com 62 e 70 anos respetivamente, foram infetados com Covid-19 pelo filho. Conheça aqui a história.

Notícias ao Minuto [Casamento de Rosário e Fernando]© Reprodução

22h04 - Áustria com 165 casos da variante detetada originalmente na África do Sul. As autoridades sanitárias austríacas anunciaram hoje terem detetado, no estado federal de Tirol, 165 casos da variante do novo coronavírus detetada originalmente na África do Sul.

21h29 - Atualização em Moçambique. O Ministério da Saúde (Misau) de Moçambique anunciou hoje mais 15 mortes por covid-19 e 928 casos de infeção pelo novo coronavírus.

21h26 - Atualização na Madeira. A Madeira registou hoje mais uma morte por covid-19, elevando o total de óbitos para 51, indicou a Direção Regional de Saúde, reportando também 91 novos casos de infeção, 57 recuperações e 218 situações suspeitas.

20h18 - Chega propõe até 5 anos de prisão para fraudes com vacinas contra a Covid. O Chega propôs hoje a criação do crime de "desvio indevido de recursos médico-cirúrgicos", versando por exemplo as atuais vacinas da Covid-19, prevendo penas de até cinco anos de prisão se praticado em estado de emergência ou calamidade.

20h03 - França regista 191 mortes e 20.586 contágios nas últimas 24 horas. A França registou 191 mortes atribuídas a Covid-19 nas últimas 24 horas em hospitais, enquanto 20.586 pessoas testaram positivo para o novo coronavírus, segundo relatório divulgado hoje pelas autoridades de saúde.

19h44 - São João recebe cinco doentes do Garcia de Orta e um do Amadora-Sintra.O Centro Hospitalar e Universitário de São João (CHUSJ) recebe, este sábado, mais cinco doentes graves do Hospital Garcia de Orta, de Almada. A unidade de saúde do Norte receberá igualmente mais um doente do Hospital Amadora-Sintra.Estes pacientes serão transportados pelo INEM e, chegados ao São João, serão internados em enfermarias Covid-19.

19h38 - O reencontro (emocionante) de um casal separado há um ano pela Covid-19. Stanley and Mavis Harbour, de Bolton, em Inglaterra, são as 'personagens' principais de uma das histórias mais comoventes dos últimos dias. Apaixonaram-se à 'primeira vista' em 1950, estiveram juntos desde então e só foram separados pela Covid-19. Depois de quase um ano afastados, o reencontro aconteceu esta semana. Veja as imagens.

19h20 - Espanha recebe as primeiras 196.800 doses da vacina da AstraZeneca. Espanha recebeu hoje as primeiras 196.800 doses da vacina da AstraZeneca e da Universidade de Oxford contra a Covid-19, informou o Ministério da Saúde espanhol. Esta é a terceira vacina contra o novo coronavírus a ser administrada no país, depois da Pfizer e da Moderna, sendo que, ao contrário dessas, não vai ser injetada em maiores de 55 anos porque a sua eficácia ainda não foi suficientemente comprovada em idosos.

18h56 - Equador passa barreira dos 15 mil mortos pela Covid-19. Segundo o último balanço oficial, o Equador conta com 15.004 mortos, ou seja 86 por cada 100 mil habitantes, e regista 257.115 pessoas infetadas (1.477 por cada 100 mil).

18h48 - Provedor da Santa Casa de Angra do Heroísmo afasta vacinação indevida. O provedor da Santa Casa da Misericórdia de Angra do Heroísmo (SCMAH), nos Açores, afirmou hoje que, da mesa da instituição, apenas a vice-provedora foi vacinada contra a Covid-19 e por existirem sobras.

18h33 - Madeira inicia vacinação em funcionários das farmácias. A primeira dose de um total de 90 vacinas contra a Covid-19 vai ser administrada no domingo a funcionários das farmácias da Madeira, que estão incluídos no grupo prioritário de vacinação, indicou hoje a Associação Nacional das Farmácias (ANF).

17h57 - Itália com 13.442 casos nas últimas 24 horas. Itália registou 13.442 infetados com o novo coronavírus e 385 mortes ligadas à Covid-19 nas últimas 24 horas e iniciou hoje o primeiro fim de semana quase sem restrições na maior parte do país.

17h36 - Chile vacina mais de 550 mil pessoas em três dias. O Chile vacinou até hoje 556 mil pessoas, três dias depois de ter iniciado a campanha de vacinação em massa, destinada a pessoas idosas, anunciou o Ministério da Saúde deste país sul-americano.

17h14 - DGS recomenda que cemitérios e crematórios funcionem na capacidade máxima. A Direção-Geral da Saúde (DGS) atualizou as normas para a realização de funerais de pessoas com Covid-19 e recomenda que, dada a situação atual de mortalidade aumentada, os cemitérios e crematórios deverão funcionar na sua capacidade máxima.

Segundo a DGS, os cemitérios e crematórios devem funcionar, preferivelmente, em horário e calendário alargado, o que deve ser assegurado pelas entidades responsáveis pela sua gestão.

17h02 - Sintra cria cinco polos para vacinar 15 mil pessoas. Os cinco polos de vacinação estão instalados no complexo desportivo Municipal de Fitares, no Mercado de Agualva, na Junta de Freguesia de Casal de Cambra, no Centro de Saúde da Terrugem e no Regimento de Artilharia Anti-Aérea, nº1 (RAAA1), em Queluz.

16h27 - Ordem denuncia "represálias" contra farmacêutico que questionou vacinação. A Ordem dos Farmacêuticos (OF) denunciou hoje as "represálias do Conselho Diretivo do INEM" ao responsável pela Unidade Pré-Hospitalar dos Serviços Farmacêuticos que questionou a direção do Instituto sobre eventuais irregularidades na administração de vacinas contra a Covid-19.

16h32 - SNS partilha testemunho. "Não queira fazer parte destas histórias. Ajude a enfermeira Ana Rosinha e todos os profissionais de saúde que estão a combater esta pandemia". Veja, em baixo, o vídeo.

15h55 - Menino de 10 anos limpou neve de carros de profissionais de saúde. Uma criança de 10 anos, natural de Rhode Island, juntou-se a uma amiga da família e foi limpar a neve dos para-brisas dos carros estacionados à frente do hospital, em jeito de pequeno agradecimento pelo trabalho sem mãos a medir que desempenham por estes dias.

15h36 - Unidade Local de Saúde da Guarda esgota capacidade de enfermaria e UCI. A Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda esgotou na sexta-feira a capacidade para receber doentes infetados com covid-19 em enfermaria e cuidados intensivos, informou hoje a Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC).

15h16 - Hospital Garcia de Orta em Almada com 244 doentes internados. O Hospital Garcia de Orta (HGO), em Almada, regista hoje um total de 244 doentes internados infetados pelo novo coronavírus, 194 em enfermaria, 31 em cuidados intensivos e 19 em hospitalização domiciliária.

15h14 - Cáritas Internacional e Vaticano pedem distribuição equitativa das vacinas. A Cáritas Internacional e o Vaticano pediram hoje às Nações Unidas uma distribuição equitativa das vacinas e que convoque uma reunião do Conselho de Segurança para "abordar a questão do acesso às vacinas como um problema de segurança global".

15h09 - Governo tem tomado decisões de confinamento "medrosas e a conta-gotas". O PSD/Porto considerou hoje que o Governo demonstra "desorientação e desnorte" e tem tomado "decisões de confinamento medrosas e a conta-gotas", prejudicando quem "desde cedo sofre com o encerramento da atividade económica".

14h40 - A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, voltou hoje a rejeitar as críticas à estratégia de vacinação na União Europeia, em textos de opinião publicados em todos os Estados-membros ao longo do fim de semana.

14h28 - Bebé de sete meses entre as vítimas de Covid-19 deste sábado. Entre as vítimas da Covid-19 deste sábado consta um bebé de sete meses, a criança teria múltiplos problemas congénitos. Esta é a segunda vítima da Covid-19 no nosso país com menos de 10 anos.

14h15 - Portugal com 214 mortes e 6.132 casos nas últimas 24 horas. Portugal contabiliza, agora, 13.954 mortes associadas à Covid-19, mais 214 do que na sexta-feira, e 761.906 infetados, um acréscimo de 6.132 casos, indica o boletim epidemiológico divulgado pela DGS.

13h28 - Mais de 105 milhões de infetados em todo o mundo. A pandemia do coronavírus causou mais de 105.350.590 infetados em todo o mundo desde que o novo coronavírus foi identificado na China, em dezembro de 2019, indica um balanço da agência France-Presse até às 11:00 de hoje. O número de mortos da pandemia da covid-19 é superior a 2.299.637 a nível mundial e pelo menos 64.157.800 pessoas foram consideradas curadas.

13h13 - Médio do Moreirense reinfetado três meses após primeiro teste positivo. O futebolista Gonçalo Franco voltou a ter um teste positivo para o novo coronavírus, que provoca a Covid-19, quase três meses depois do primeiro registo infecioso, confirmou hoje à Lusa fonte do clube da I Liga.

13h06 - Açores com mais uma morte, cinco casos positivos e 32 recuperações. Os Açores registam hoje cinco novos casos de Covid-19, três em São Miguel, um na Terceira e um no Faial, e 32 recuperações, sendo que há mais uma morte a registar na região, ocorrida na quarta-feira.

12h49 - Acordo entre sindicato e TAP abrange 1.252 pilotos e prevê cortes salariais entre 50% e 35% até 2024. O acordo entre o Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) e a TAP prevê reduções salariais de entre 50% e 35%, entre 2021 e 2024, que já incluem o corte transversal de 25% aplicado a todos os trabalhadores.

Segundo o acordo de emergência enviado aos associados, e a que agência Lusa teve hoje acesso, este abrange 1.252 pilotos e prevê a redução salarial de 50% (2021), de 45% (2022), de 40% (2023) e de 35% (2024), correspondendo "a uma redução transversal a todos os trabalhadores da TAP no montante de 25%, e um adicional de 25% em 2021, [de] 20% em 2022, [de] 15% em 2023 e [de] 10% em 2024, que visa a manutenção de postos de trabalho" e com efeitos retroativos a 01 de janeiro deste ano.

12h34 - Assistência espiritual e religiosa nos hospitais é bálsamo em pandemia. O diretor do Serviço de Assistência Espiritual e Religiosa do Centro Hospitalar Universitário de São João (CHUSJ), no Porto, considerou hoje que este trabalho é um bálsamo para doentes em tempos de pandemia de Covid-19.

12h30 - Sindicato do pessoal de voo da TAP anuncia acordo coletivo de emergência. O Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) anunciou hoje um acordo coletivo de emergência com a TAP, após dez horas de reunião com a empresa, segundo uma comunicação a que a Lusa teve acesso.

11h14 - China autoriza uso da vacina da Sinovac. A autoridade reguladora de medicamentos da China aprovou hoje de forma "condicional" uma segunda vacina contra a Covid-19, a Coronavac da Sinovac, anunciou a empresa farmacêutica.

10h53 - Oração é sugestão de quem escolheu estar confinado toda a vida. Nos mosteiros onde a clausura é um confinamento para toda a vida, a pandemia de Covid-19 determinou ajustamentos, e a oração, que marca o ritmo destes espaços, é uma sugestão para quem enfrenta agora o confinamento.

10h51 - A atriz Fernanda Montenegro já foi vacinada contra a Covid-19 no Rio de Janeiro, deixando-se fotografar para apelar à vacinação.

10h44 - Mitos religiosos e 'fake news' afetam vacinação de indígenas no Brasil. Mitos religiosos e 'fake news' têm deixado indígenas brasileiros apreensivos no momento de serem vacinados contra a Covid-19, com receio de se tornarem "jacarés" ou de "receberem o sinal da besta", relatou à Lusa a nativa Vanda Ortega.

10h35 - Escolas mais preparadas para ensino a distância, mas ainda há problemas. Quase um ano depois de o ensino a distância ter sido implementado pela primeira vez, as escolas e os professores estão mais bem preparados, mas os diretores admitem que nem todos os problemas foram resolvidos.

10h11 - Pais esperam que ensino a distância dure "o menor tempo possível". Os encarregados de educação, ansiosos e expectantes com o regresso dos filhos ao ensino a distância, esperam que este regime dure o menor tempo possível e que os alunos possam voltar à escola rapidamente. Há quase um ano, as famílias com crianças e jovens e idade escolar foram surpreendidas com a imposição do ensino a distância para conter a pandemia de Covid-19. Agora, preparam-se para voltar ao mesmo regime, mas esperam que por menos tempo.

9h50 - Famílias e diretores querem que alunos desfavorecidos vão à escola. As famílias e os diretores escolares querem que os alunos mais desfavorecidos, para quem é mais difícil acompanhar as aulas em casa, possam continuar a ir à escola durante o ensino a distância, que regressa na segunda-feira.

9h26 - Comissão já aprovou 17 mil milhões em ajudas estatais de Portugal. A Comissão Europeia já deu 'luz verde' a 17 mil milhões de euros em ajudas estatais de Portugal às empresas em dificuldade, nomeadamente do turismo, exigindo que o país salvaguarde os direitos dos passageiros e dos consumidores.

"Para Portugal, até ao momento, foram aprovados 17 mil milhões de euros [em ajudas estatais] e sei que o turismo é muito importante em toda a economia de Portugal. São milhões de euros que vão para as empresas e para a preservação dos postos de trabalho, também nos Açores e Madeira", afirmou em entrevista à agência Lusa, em Bruxelas, o comissário europeu da Justiça.

8h52 - África com mais 549 mortos e 16.015 infetados nas últimas 24 horas. África registou nas últimas 24 horas mais 549 mortes por Covid-19 para um total de 94.196 óbitos, e 16.015 novos casos de infeção, segundo os mais recentes dados oficiais da pandemia no continente.

8h20 - As imagens do 1.º dia sem restrições na cidade australiana de Perth. A quarta maior cidade da Austrália é um dos locais no país que hoje assiste ao primeiro dia do levantamento das restrições contra a Covid-19, depois de cinco dias de confinamento.

Notícias ao Minuto A Austrália Ocidental registou na sexta-feira o seu quinto dia com zero transmissões locais, o que acabou por definir o levantamento das restrições mais pesadas no mesmo dia à noite.© Getty Images

7h26 - Espanha quase a chegar ao final da primeira fase de vacinação. A primeira fase de vacinação no país vizinho - nos lares de idosos e aos profissionais de saúde - está quase no final. De acordo com o El País, grande parte dos profissionais de saúde já receberam inclusive a segunda dose.

7h20 - Vacina da AstraZeneca 74.6% eficaz contra variante britânica. A vacina da AstraZeneca/Oxford será capaz de proteger as pessoas contra a nova variante de coronavírus de forma semelhante à proteção contra a estirpe original, indica um estudo revelado na quinta-feira e ontem noticiado.

Numa investigação que ainda carece de revisão pelos pares, a vacina mostrou-se 74.6% eficaz contra a variante britânica - conhecida como B.1.1.7, mais contagiosa.

Recorde-se que as autoridades sanitárias de Espanha, por exemplo, começam a receber a vacina da AstraZeneca este fim de semana, sendo que será administrada apenas pessoas com idade entre 18 e 55 anos.

7h16 - Centros de retaguarda lutam contra vírus e "desculpas esfarrapadas". Doentes encaminhados pelos hospitais ou lares e casos sociais são os "residentes" do Centro de Retaguarda Covid-19 positivo instalado no Seminário do Bom Pastor, Valongo, onde as equipas já tiveram de retardar altas pelas "desculpas esfarrapadas" das famílias.

"Já recebemos dois sem-abrigo e já notamos casos em que a família tem relutância em vir buscar [o familiar], mas acreditamos que o corte já existia para trás. A pandemia vem salientar um problema que já existe na sociedade há bastante tempo, que é o abandono ou desleixo com os idosos", descreve à agência Lusa Ariana Ribeiro, diretora técnica do centro que abriu na freguesia de Ermesinde a 26 de outubro.

Com instalações cedidas pela Diocese do Porto e logística assegurada pelas câmaras de Valongo e de Gondomar para apoio na limpeza e refeições, o Centro de Retaguarda Distrital já recebeu 154 doentes. Atualmente acolhe 23 e o máximo que teve em simultâneo foi 34, em dezembro.

7h15 - Falta de Internet é barreira para ensino 'online' em aldeia de Ribeira de Pena. O regresso do ensino 'online' aumenta as preocupações de uma família que vive em Carrapuços, Ribeira de Pena, onde praticamente não há acesso à Internet e as duas filhas têm de sair da aldeia para assistirem às aulas.

7h14 - Farmacêuticas chinesas pedem autorização para uso de vacinas no México. A farmacêutica chinesa Sinovac pediu na sexta-feira às autoridades mexicanas autorização para uso da vacina contra a Covid-19 produzida pela empresa, tal como a CanSino Biologics, mas neste caso apenas para uso de emergência.

7h12 - Vacina russa Sputnik V é mais utilizada na América Latina. Países latino-americanos como Argentina, México e Bolívia têm vindo a virar-se para a Rússia para assegurar vacinas para a Covid-19, perante as dificuldades de obter as produzidas em países ocidentais.

7h10 - Brasil recebe pedido para testes da fase três da vacina indiana. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa, órgão regulador do Brasil) recebeu na sexta-feira um pedido de autorização de realização dos testes clínicos de fase três da vacina indiana Covaxin no país sul-americano.

Entretanto, o procurador-geral da República (PGR) brasileiro informou ao Supremo Tribunal Federal (STF) ter aberto nove investigações preliminares à conduta do Presidente, Jair Bolsonaro, na pandemia de Covid-19, noticiou a imprensa local na sexta-feira.

7h09- Algumas atualizações da situação pandémica ao longo da madrugada:

  • Os Estados Unidos registaram 3.475 mortes provocadas por Covid-19 nas últimas 24 horas, além de 124.680 novos casos, de acordo com a contagem independente da Universidade norte-americana Johns Hopkins;
  • A Índia tem atualmente o número mais baixo de casos ativos de Covid-19 dos últimos oito meses, menos de 150 mil, tendo registado nas últimas 24 horas 11.713 infeções e 95 mortes, segundo as autoridades indianas;
  • Alemanha contabiliza, este sábado, 10.485 novos casos de Covid-19 e 689 vítimas mortais da doença. Ao todos, e desde que a pandemia começou, o país já soma 2.275.394 infetados e 61.286 mortos, segundo os dados atualizados do Isntituo Robert Koch. 10.485.
  • A Comissão de Saúde da China informou hoje que foram diagnosticados 12 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, incluindo quatro por contágio local.

7h00- Bom dia! Estamos a iniciar um novo acompanhamento, este sábado. Clique aqui para conferir as atualizações de sexta-feira, relativamente à pandemia do novo coronavírus.

Leia Também: AO MINUTO: Doentes já chegaram ao S. João; 230 mil mortos no Brasil

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório