Meteorologia

  • 22 JANEIRO 2022
Tempo
11º
MIN 5º MÁX 14º

Edição

O reencontro (emocionante) de um casal separado há um ano pela Covid-19

Stanley Harbour está internado num lar de idosos e Mavis só foi autorizada a visitá-lo agora, devido à pandemia de Covid-19

Stanley and Mavis Harbour, de Bolton, em Inglaterra, são as 'personagens' principais de uma das histórias mais comoventes dos últimos dias. Apaixonaram-se à 'primeira vista' em 1950, estiveram juntos desde então e só foram separados pela Covid-19. Depois de quase um ano afastados, o reencontro aconteceu esta semana.

Stanley, de 83 anos, teve de ser internado num lar de idosos - o Lever Edge Care Home - em setembro de 2019, face a um agravamento da demência de que padece. Mavis continuou a visitá-lo até que a pandemia do novo coronavírus a impediu.

Foi no dia 20 de fevereiro de 2020 que o casal se viu pela última vez. Agora, quase um ano depois, Mavis conseguiu ir visitar o marido. A idosa teve de fazer uma quarentena de 14 dias para estar autorizada, pelo lar de idosos, a entrar nas instalações. 

O idoso de 83 anos, mantendo o romantismo, ofereceu um ramo de flores à mulher. "Não pude acreditar quando vi Mavis. Foi como um sonho", revelou, citado pelo Manchester Evening News.

Já Mavis assumiu que sentiu muito a falta do marido e ficou emocionada com o reencontro. "Simplesmente chorei. Estou tão feliz. Nunca mais quero ficar longe dele. Sinto-me perdida sem ele".

O reencontro teve ainda direito a um jantar à luz das velas no bar da casa de repouso, com três refeições, espumante e uma caixa de chocolates.

Veja, na galeria, as imagens do reencontro emocionante. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório