Meteorologia

  • 14 OUTUBRO 2019
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

Seis detidos após saque a lojas de estrangeiros na África do Sul

Seis pessoas foram detidas na África do Sul, na sequência de saques a "diversas" lojas de cidadãos estrangeiros na cidade de Witbank, província de Mpumalanga, vizinha de Moçambique, anunciou hoje a polícia sul-africana.

Seis detidos após saque a lojas de estrangeiros na África do Sul

Em comunicado, divulgado hoje, a que a Lusa teve acesso, aquela força policial adianta que os "atos de criminidalidade ocorreram ontem [quarta-feira], 11 de setembro, no distrito de negócios central, em Witbank, onde várias lojas de cidadãos estrangeiros foram saqueadas".

"Foram detidos seis suspeitos, incluindo o alegado mentor", acrescenta a nota.

"Os suspeitos vão comparecer amanhã [sexta-feira], 13 de setembro, no tribunal da magistratura de Witbank por posse de bens roubados e assalto", refere a polícia.

A polícia sul-africana não especificou o número de estabelecimentos comerciais antigidos pela onda de pilhagens naquela cidade sul-africana assim como a nacionalidade dos seus proprietários e os prejuízos materiais causados.

Estima-se que em Witbank residam cerca de 1.000 portugueses e 7.000 em Nelspruit, cidades vizinhas a Moçambique, onde muitos moçambicanos fazem habitualmente as suas compras do mês.

Os últimos dados oficiais das autoridades sul-africanas indicam que 12 pessoas morreram vítimas de xenofobia naquele país, incluindo um estrangeiro, cuja nacionalidade não foi divulgada, desde o início da onda de violência contra estrangeiros, a 1 de setembro.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório