Meteorologia

  • 21 JULHO 2019
Tempo
24º
MIN 22º MÁX 28º

Edição

Mulher acusada de ser agente secreta russa declara-se culpada

Uma mulher acusada pelos Estados Unidos de ser uma agente secreta do Governo russo declarou-se hoje culpada de conspiração num tribunal federal em Washington, após um acordo com o ministério público.

Mulher acusada de ser agente secreta russa declara-se culpada
Notícias ao Minuto

18:16 - 13/12/18 por Lusa

Mundo Conspiração

Maria Butina compareceu em tribunal depois de ter chegado a acordo com os promotores do ministério público norte-americano, no âmbito do qual admitiu ter tentado infiltrar-se na National Rifle Association e ter fornecido informações secretas sobre políticos norte-americanos a um responsável governamental russo.

O caso envolvendo a ativista pró-direitos às armas, de 30 anos, deu uma ideia de como Moscovo tenta influenciar a política norte-americana.

Mas este é um caso separado da investigação sobre a conspiração russa nas presidenciais de 2016 dirigida pelo procurador especial Robert Mueller.

Butina concordou cooperar com os investigadores e continuará na prisão enquanto aguarda a sentença.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório