Meteorologia

  • 18 OUTUBRO 2019
Tempo
18º
MIN 15º MÁX 21º

Edição

Cardeal George Pell condenado por abuso sexual de menores

Por ordem do tribunal, os meios australianos estão impedidos de reportar o caso.

Cardeal George Pell condenado por abuso sexual de menores

O cardeal australiano George Pell, figura de relevo na Igreja Católica que foi ontem afastado do Vaticano, foi condenado esta quinta-feira por abuso sexual de menores em Melbourne, na Austrália.

O jornal National Catholic Reporter reporta que a condenação terá sido unânime por parte dos 12 membros do júri. Em causa estão duas acusações de abuso sexual de menores. O cardeal deverá apresentar recurso.

Recorde-se que, na quarta-feira, George Pell foi afastado pelo Papa Francisco do Conselho de Cardeais. Atualmente com 77 anos, o cardeal que tinha sob sua tutela as contas do Vaticano abandonou Roma em 2017 para ser julgado no seu país natal.

O caso tem gerado polémica na Austrália, com órgãos de comunicação social a queixarem-se de "censura" por terem sido impedidos por ordem judicial de reportar quaisquer contornos do julgamento. 

Segundo  a agência EFE, dos dois menores que terão sido vítimas de abuso já morreu enquanto o outro testemunhou em tribunal por videoconferência. Os nomes das vítimas não foram revelados.

George Pell declarou-se inocente em tribunal mas, após três dias de deliberações, os jurados consideraram-no culpado das acusações.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório