Meteorologia

  • 22 JUNHO 2018
Tempo
24º
MIN 24º MÁX 24º

Edição

Condutor de Uber condenado a 22 anos de prisão por violação de passageira

Homem de 58 anos ameaçou passageira com arma de fogo e entrou em sua casa.

Condutor de Uber condenado a 22 anos de prisão por violação de passageira
Notícias ao Minuto

23:31 - 13/06/18 por Notícias Ao Minuto

Mundo Florida

Um condutor da Uber foi condenado a 22 anos de pena de prisão por ter violado uma mulher que solicitou o serviço de transporte de passageiros, na Florida, depois de um concerto.

Gary Kitchings, de 58 anos de idade, ouviu a sentença esta quarta-feira, num tribunal de Palm Beach, diz o Mirror, depois de ter sido considerado culpado de três crimes de agressão sexual e sequestro, em março.

Kitchings, antigo professor, trabalhava como condutor da Uber em regime part-time. Em maio, transportou a mulher de 38 anos de idade desde um festival de música até sua casa, em Palm Beach.

Durante o trajeto, começou a tentar tocar na passageira, que tentou sair da viatura em andamento mas sem sucesso. Com as portas trancadas, Kitchings disse à mulher tinha uma arma e obrigou-a a praticar atos sexuais no carro e, depois, em sua casa.

A defesa do acusado alegava que as relações sexuais tinham sido consentidas e que o "único crime" que tinha cometido era o facto de ter "traído a sua esposa".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.