Meteorologia

  • 26 OUTUBRO 2021
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 25º

Edição

O leitor perguntou: Porque é que os cães comem relva?

Com certeza já levou o seu cão a passear, virou as costas e quando percebeu deparou-se com o animal a mastigar relva.

O leitor perguntou: Porque é que os cães comem relva?

O importante a reter é que este comportamento nem sempre é motivo para alarme, apesar de provavelmente mais tarde o seu patudo acabar por vomitar a relva que ingeriu, conforme elucida um artigo publicado no American Kennel Club (AKC). 

Mas afinal, por que motivo os cães comem relva?

Alguns donos e veterinários assumem que comer relva é uma forma de pica, ou comer coisas estranhas, por vezes causada por um défice na dieta. Muitas carências alimentares devem-se sobretudo à falta de vitaminas, nutrientes ou minerais que estão ausentes da ingestão diária. Por exemplo, esta pode ser a maneira do seu cão obter mais fibra, o que o ajuda a expulsar gases e fezes, e também auxilia outras funções corporais.

Todavia, se a dieta do cão é completa e equilibrada, comer relva pode ser apenas puro e total instinto. Os sistemas digestivos destes animais, necessidades alimentares, e desejos evoluíram para acomodar o estilo de vida dos cães domesticados. Enquanto os caninos no seu habitat selvagem natural não recebiam a sua fonte primária de nutrientes da relva, nesse caso comer um animal inteiro constituía a dieta ideal, especialmente se a dieta do animal era composta por várias plantas. Os cães são omnívoros e naturalmente anseiam pelo ato de ingerir relva como parte da sua composição genética, que remonta a quando caçavam as suas próprias presas.

Claro, que o animal pode simplesmente apreciar o gosto e textura da relva.

Comer relva faz mal?

O consumo de relva pode ser um sinal de que o seu patudo está a tentar aliviar algum tipo de mal estar digestivo e alguns acabam por vomitar após a ingestão da mesma. Dito isso, segundo o AKC, menos de 25% dos bichos vomitam de facto e somente 10% mostram sinais de doença antes de ingerir relva, o que significa que a maioria não a come por se sentir mal. 

Porém, e apesar de regra geral não ser danoso para os cães, consumir relva pode causar problemas intestinais, como o aparecimento de parasitas. Mais ainda, os herbicidas e pesticidas muitas vezes presentes no relvado podem ser prejudiciais para a saúde do animal. 

Como tal, o American Kennel Club ressalta que é sempre melhor consultar um veterinário se achar que o seu cão mastigou uma planta tóxica ou possivelmente ingeriu demasiada relva ou pequenas quantidades de produtos químicos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório