Meteorologia

  • 14 JUNHO 2021
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 31º

Edição

Produtor Scott Rudin acusado de assédio moral e violência nas gravações

As acusações partem de funcionários e colegas de trabalho.

Produtor Scott Rudin acusado de assédio moral e violência nas gravações

Scott Rudin, produtor de filmes como a 'A Rede Social' e 'Os Homens Que Odeiam As Mulheres', está a ser acusado por funcionários e colegas de produção de assédio moral e violência nas gravações. 

O produtor terá batido na mão de um funcionário até sangrar, porque este não conseguiu reservar um voo, e atirado um vaso de vidro a um colaborador durante uma reunião, adianta o 'The Hollywood Reporter'.

"Esta história apenas arranha a superfície de todo o comportamento abusivo, racista e sexista de Scott Rudin", confirmou a produtora Megan Ellison (Her), que trabalhou com Rudin no filme 'Indomável'.

Ryan Nelson, assistente executivo do produtor entre 2018 e 2019, descreve os dias de trabalho com o produtor como "exaustivo e horrível". "Todos os dias eram cansativos e horríveis", lamenta. 

Nelson explica que trabalhava pelo menos 14 horas diárias e que Rudin obrigava vários funcionários a dormir nos estúdios e escritórios. 

Andrew Coles, outro ex-colaborador de Scott Rudin, conta outro relato chocante: "Havia pessoas que estavam com o cabelo a cair e a desenvolver úlceras. Era um ambiente muito intenso, mas era diferente. Chegou a um novo nível de insanidade".

Scott Rudin já tinha sido apelidado como "o homem mais temido da cidade" e o próprio chegou a gabar-se em público de ter feito 119 funcionários pedirem demissão.

Leia Também: Dolly Parton de luto. Morreu o homem que fez da cantora uma estrela

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as notícias dos famosos, realeza, moda e as mulheres mais elegantes.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de atores, atrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório