Meteorologia

  • 24 JANEIRO 2021
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 17º

Edição

RTP Arena ultrapassa 12 milhões de visualizações em "ano positivo"

A RTP Arena, projeto da estação pública dedicado aos esports e videojogos, teve este ano, na Internet, mais de 12 milhões de visualizações, confirmando um "ano positivo" que também contou com novos conteúdos.

RTP Arena ultrapassa 12 milhões de visualizações em "ano positivo"
Notícias ao Minuto

12:01 - 05/12/20 por Lusa

Economia RTP

Segundo a jornalista Sara Lima, este 2020 trouxe "uma ajudinha" da pandemia de covid-19, quando "todos ficaram em casa e a precisar de mais distração".

Com um objetivo de 10 milhões de visualizações digitais, isto é, no 'site' e nas plataformas YouTube e Twitch, no final de outubro o projeto já tinha ultrapassado os 12 milhões.

Neste ano marcado pela situação pandémica, explica a jornalista à Lusa, foram criados "novos conteúdos" que trouxeram mais visualizações, e os números digitais não incluem a audiência do magazine semanal, atualmente transmitido de madrugada e à semana na RTP 1.

A plataforma arrancou em abril de 2016 e desde então tem-se encarregado da transmissão de provas nacionais e internacionais dos principais videojogos, de League of Legends a Counter-Strike: Global Offensive a FIFA, entre outros.

A reportagem de eventos presenciais e um magazine de notícias são outros tipos de conteúdos produzidos pelo projeto, que conta com Sara Lima, natural do Porto, como face visível do magazine semanal que passa na RTP1 e 'online'.

A chegada da jornalista de 32 anos ao projeto aconteceu via produção na RTP, a que chegou depois de estagiar na SIC, passar pela RTP do Porto e pelo Porto Canal, antes de se mudar para Lisboa para trabalhar na estação pública de novo.

Em 2018, durante o Moche XL Esports, um dos maiores eventos de esports no país, foi chamada para fazer reportagem. "Aquilo fascinou-me mesmo", conta.

"Antes de entrar no RTP Arena, não tinha contacto com os esports, mas já tinha com os videojogos. Passei a minha infância a jogar", revela à Lusa.

Ainda assim, para trabalhar nesta área "é preciso interessares-te e gostares muito". "Com todas as pessoas com quem falo, se há algo em comum, é o gosto por isto", aponta.

Já Marina 'Pamufa' Sousa, de Matosinhos, é apresentadora em eventos presenciais, 'streamer' há mais de cinco anos e uma das apresentadoras do programa de notícias "Gaming News", na Sport TV, que "de momento está parado" após duas temporadas.

"Neste momento, ainda é muito escassa a presença de esports, e 'gaming' em geral, na televisão. Fizemos o programa para dar notícias sobre o que acontece. Sabíamos que acabva por ser um conteúdo que não é de fácil acesso. Os nossos pais, os nossos avós... olham para aquilo e não estão familiarizados", lembra a jovem de 27 anos.

A presença do programa na TV incluía segmentos que procuravam aproximar a comunidade menos próxima do tema, ao explicar conceitos e termos próprios ou, por outro lado, a recordar "jogos mais antigos".

"Para pessoas que há muito não jogavam, tinham ali um momento de nostalgia. Trazia aquela veia 'gaming' que pessoas mais velhas pudessem voltar a ter o 'bichinho'", explica.

O programa "foi bem recebido" e Marina Sousa está convencida de que aquele modelo "é o futuro", trazendo a pouco e pouco mais e mais conteúdos de esports para a televisão, acompanhando os interesses das gerações mais novas, que já "enchem pavilhões" em eventos como a Moche XL Games World, a Games Week de Lisboa ou a Comic-Con Portugal.

A "ajudinha" da pandemia de covid-19 ao setor dos esports, pelo menos no campo digital e 'online', já que levou ao cancelamento dos eventos presenciais, fez-se sentir não só em canais como a RTP, mas também na transmissão de conteúdos noutros locais, da Sport TV à Eleven Sports.

A aposta na colocação de atletas 'da vida real' à frente das suas 'versões' digitais, do futebol à Fórmula 1 ou à transmissão de uma Volta a França virtual, entre outros exemplos, trouxeram o setor para um novo público que poderá agora demonstrar uma maior abertura a estes conteúdos.

Leia Também: "Estou pela decisão de Siza Vieira". Ljubomir quer "alavancar audiências”

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório