Meteorologia

  • 22 ABRIL 2024
Tempo
21º
MIN 15º MÁX 27º

FC Porto reage e confirma detenção de dois funcionários

Clube azul e branco garantiu estar a "colaborar com as autoridades em tudo o que lhe for solicitado".

FC Porto reage e confirma detenção de dois funcionários
Notícias ao Minuto

15:55 - 31/01/24 por Notícias ao Minuto

Desporto Comunicado

O FC Porto confirmou, na tarde desta quarta-feira, em comunicado, a detenção de "dois funcionários" do clube azul e branco, anunciando ainda que foram suspensos três sócios, por conta dos acontecimentos da Assembleia Geral, realizada no passado dia 13 de novembro.

"O FC Porto tomou conhecimento de diligências relacionadas com os acontecimentos da Assembleia Geral de 13 de novembro, que resultaram na detenção de dois dos seus funcionários presentes na reunião magna. Não sendo visado, o clube reitera a intenção de continuar a colaborar com as autoridades em tudo o que lhe for solicitado", pode ler-se na nota oficial dos dragões, que prometem ainda agir em conformidade. 

"Se desta investigação resultarem mais factos, o FC Porto agirá em conformidade, tal como agiu em relação a três sócios que foram condenados a penas de suspensão entre seis meses e um ano na sequência dos acontecimentos dessa noite", conclui o clube da Invicta. 

O que está em causa é a Assembleia Geral (AG) do FC Porto que decorreu em 13 de novembro e as eventuais ameaças feitas ao candidato à presidência do clube André Villas-Boas.

No dia seguinte à realização da AG (14 de novembro), o MP anunciou a abertura de um inquérito aos incidentes ocorridos na sessão magna do clube.

"Tendo em conta os acontecimentos sucedidos na AG do FC Porto, que teve início em 13 de novembro, amplamente divulgados na comunicação social e suscetíveis de integrarem infrações criminais de natureza pública, foi determinada a instauração de inquérito, que corre termos no DIAP [Departamento de Investigação e Ação Penal] da Procuradoria da República do Porto", dava conta a Procuradoria-Geral Distrital do Porto, em comunicado.

O presidente da Mesa da Assembleia Geral (MAG) dos dragões, José Lourenço Pinto, suspendeu os trabalhos na sequência de uma AG agitada e com confrontação entre sócios, que incidia na deliberação dos novos estatutos dos vice-campeões nacionais de futebol, mas, face à forte afluência, mudou de local à última hora.

[Notícia atualizada às 16h01]

Leia Também: Madureira e outros 11 detidos em buscas no Porto. Eis os crimes em causa

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório