Meteorologia

  • 28 SETEMBRO 2022
Tempo
23º
MIN 16º MÁX 23º

Belenenses SAD diz ser uma sociedade desportiva cumpridora e profissional

Clube reagiu à notícia que deu conta de uma alegada falta de comunicação de salários dos trabalhadores ao Estado.

Belenenses SAD diz ser uma sociedade desportiva cumpridora e profissional
Notícias ao Minuto

11:40 - 26/08/20 por Notícias Ao Minuto

Desporto Comunicado

A Belenenses SAD emitiu, na manhã desta quarta-feira, um comunicado nas plataformas oficiais no qual prestou a sua versão dos factos sobre a notícia do jornal Público que dava conta de uma alegada falta de comunicação de salários dos trabalhadores ao Estado, considerando que o mesmo é uma "pólvora seca".

O Conselho de Administração liderado por Rui Pedro Soares garante que "uma parte do não processamento de salários é anterior a 2012", ou seja, "vem de anteriores administrações", e declara ainda ser uma "sociedade desportiva cumpridora, profissional e respeitada".

"No exercício de 2019/20, a Belenenses SAD processou cerca de 5 milhões de euros de salários, mais de 400 mil euros/mês. Desde 2013/2014, a Belenenses SAD já pagou mais de 9 milhões de euros de retenções na fonte de IRS e de Segurança Social – só em 2019/20, foram mais de 1,330 milhões de euros. Parte da notícia do Público refere-se a adiantamentos por conta de salários, uma prática corrente no futebol (e em outros setores) que não gera o pagamento de imposto ou contribuição. Neste mês de Agosto, a Belenenses SAD já adiantou salários a 2 jogadores", pode ler-se no documento, no qual a SAD dos azuis aponta ainda o dedo ao clube liderado por Patrick Morais de Carvalho, que milita nas distritais da Associação de Futebol de Lisboa.

"A Belenenses SAD enquadra esta notícia do Público no âmbito do litígio com a atual direção do CFB e não mais do que isso. Desde 2012, a Belenenses SAD deixou de ser notícia de jornal por salários em atraso e dívidas à AT e à Segurança Social. Processou mais de 25 milhões de euros de salários. Pagou mais de 2 milhões de euros dos planos prestacionais com a AT e a Segurança Social de dívidas do passado. A memória das pessoas é curta, mas os documentos sobre a situação da Belenenses SAD em 2012 existem, são públicos, e permitem a comparação com a sua situação atual", sublinha ainda o documento.

Confira o comunicado na íntegra:

"O artigo do Público de hoje é pólvora seca. Aborda temas que constam de documentos de acesso público e já foram notícia de outros jornais há anos. Mas o destaque dado pelo Público surpreende-nos. O Público tenta denegrir sem conseguir apontar nada de censurável e nem sequer de novo. Os seus leitores não estão acostumados a isto.

A informação veiculada pelo Público sobre o processamento de salários tem como fonte os Relatórios e Contas (R&C) da Belenenses SAD. Os R&C são publicados no nosso site e enviados à AT. A AT nunca ordenou correções às contas. A Belenenses SAD apresenta todos os anos à Liga de Clubes a certidão da AT e da Segurança Social de situação contributiva regularizada.

No exercício de 2019/20, a Belenenses SAD processou cerca de 5 milhões de euros de salários, mais de 400 mil euros/mês. Desde 2013/2014, a Belenenses SAD já pagou mais de 9 milhões de euros de retenções na fonte de IRS e de Segurança Social – só em 2019/20, foram mais de 1,330 milhões de euros.

Parte da notícia do Público refere-se a adiantamentos por conta de salários, uma prática corrente no futebol (e em outros setores) que não gera o pagamento de imposto ou contribuição. Neste mês de Agosto, a Belenenses SAD já adiantou salários a 2 jogadores.

Como bem diz o Público, uma parte do não processamento de salários é anterior a 2012. Vem de anteriores administrações.

Os processos anuais de licenciamento da Liga de Clubes são concorrenciais e fortemente escrutinados. Ao longo de anos a fio, incluindo o da época de 2020/21, nem a Liga nem algum dos nossos concorrentes levantou qualquer questão sobre os factos que são notícia do Público e constam dos R&C da Belenenses SAD.

A Belenenses SAD enquadra esta notícia do Público no âmbito do litígio com a atual direção do CFB e não mais do que isso. Desde 2012, a Belenenses SAD deixou de ser notícia de jornal por salários em atraso e dívidas à AT e à Segurança Social. Processou mais de 25 milhões de euros de salários. Pagou mais de 2 milhões de euros dos planos prestacionais com a AT e a Segurança Social de dívidas do passado. A memória das pessoas é curta, mas os documentos sobre a situação da Belenenses SAD em 2012 existem, são públicos, e permitem a comparação com a sua situação atual.

A Belenenses SAD prosseguirá o seu caminho de sociedade desportiva cumpridora, profissional e respeitada, mas não deixará de defender o seu bom nome.

O Conselho de Administração"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório