Meteorologia

  • 08 ABRIL 2020
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 21º

Edição

Atenção, João Félix: Atlético de Madrid também vai 'cortar' ordenados

Redução salarial imposta pelo clube espanhol poderá chegar aos 70%.

Atenção, João Félix: Atlético de Madrid também vai 'cortar' ordenados

O Atlético de Madrid é o mais recente clube do futebol espanhol a equacionar avançar com um ERTE (Expediente de Regulação Temporal de Emprego) para minimizar que o impacto da pandemia do novo coronavírus poderá ter nas finanças.

A notícia é adiantada, esta quarta-feira, pelo jornal espanhol Marca, que revela que a tarefa de impedir uma 'catástrofe' financeira está, neste momento, nas mãos de Miguel Ángel Gil Marín, conselheiro delegado do emblema colchonero.

Com as competições suspensas, os espanhóis viram-se privados das receitas provenientes da venda de bilhetes, patrocínios e direitos televisivos, pelo que se veem obrigados a 'cortar', em primeira instância, nos ordenados.

A massa salarial do clube madrileno supera os 500 milhões de euros, sendo que a maior 'fatia', na ordem dos 350 milhões de euros, pertence à equipa principal de futebol, pelo que será esta a área mais afetada.

A lei espanhola permite que, em situações em que seja declarado o estado de emergência, as empresas possam reduzir vencimentos até 70%, um cenário que, ao que tudo indica, se irá aplicar a todos os jogadores, entre eles o internacional português João Félix.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório