Meteorologia

  • 15 NOVEMBRO 2019
Tempo
MIN 8º MÁX 13º

Edição

Rewind 2018 é o vídeo mais odiado. Um dos participantes explica porquê

Marques Brownlee publicou um vídeo onde reflete sobre a reação negativa da comunidade criadores e utilizadores do YouTube.

Em apenas uma semana o YouTube Rewind 2018 conseguiu destronar aquele que era até aqui o vídeo mais odiado de sempre da plataforma, o tema ‘Baby’ de Justin Bieber que partilhado em fevereiro de 2010.

Foi com mais de 9,8 milhões de ‘não gosto’ e apenas 2,1 milhões de ‘gosto’ - contra os 9,8 milhões de ‘não gosto’ e 10 milhões de ‘gosto’ de ‘Baby’ – que a edição deste ano do YouTube Rewind se tornou o vídeo mais odiado da plataforma de vídeos nesta manhã de quinta-feira, dia 13. Mas como é que se chegou até aqui? Como se explica uma reação tão negativa da comunidade de criadores e utilizadores do YouTube?

No espaço do último ano o YouTube tem procurado conquistar cada vez mais anunciantes, procurando evitar controvérsias e tentando até ‘silenciar’ os youtubers mais controversos. Apesar de gerarem milhões de visualizações, nomes como PewDiePie, Shane Dawson e os irmãos Paul são vistos mais como incómodos do que ativos de valor uma vez que colocam o risco de afastar anunciantes.

Não acredita? Esta é precisamente a mesma tese apontada por Marques Brownlee, um dos youtubers mais conhecidos da área de tecnologia e um dos participantes do YouTube Rewind 2018. No vídeo que pode ver abaixo, Brownlee explica como foi o processo de filmagem da edição deste ano do vídeo e partilha também a sua teoria por detrás da reação negativa da comunidade.

Caso ainda não tenha visto o YouTube Rewind deste ano, pode ver o vídeo acima.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório