Meteorologia

  • 20 FEVEREIRO 2018
Tempo
MIN 5º MÁX 11º

Edição

Marcelo "tem tido atuação muito larga" que chega a áreas da AR e Governo

A coordenadora do BE considerou hoje que a "atuação muito larga" de Marcelo Rebelo de Sousa nos primeiros dois anos como Presidente da República tem chegado a áreas próprias do parlamento e do Governo, o que traz algumas dificuldades.

Marcelo "tem tido atuação muito larga" que chega a áreas da AR e Governo
Notícias ao Minuto

19:39 - 23/01/18 por Lusa

Política Catarina Martins

p>

À margem de uma sessão pública sobre cuidadores informais, organizada em Lisboa pelo BE, Catarina Martins foi questionada pelos jornalistas sobre os dois primeiros anos de mandato de Marcelo Rebelo de Sousa no Palácio de Belém, cuja "proximidade que é sentida pela população" é "seguramente positiva".

"É também alguém que tem tido uma atuação muito larga, levando a sua proximidade com a população, a sua própria popularidade, muitas vezes chegando até a áreas que são próprias do parlamento ou próprias do Governo. E isso naturalmente com as dificuldades que traz da própria resposta dos vários órgãos", observou.

Para a líder do bloquista, é evidente que "todo o país viu um mandato bastante diferente do anterior, que teve uma maior informalidade e uma maior proximidade".

Catarina Martins destacou que foram quebrados "alguns muros entre instituições e populações", o que considerou ser "importante para o país e para a democracia".

"É também um mandato que do ponto de vista político é aquilo que se esperava, de alguém que vem do centro direita e portanto são essas as suas ideias e que têm expresso ao longo deste tempo", disse ainda.

O ex-comentador político e professor universitário de direito, que completou 69 anos no mês passado, foi eleito Presidente da República em 24 de janeiro de 2016, à primeira volta, com 52% dos votos, e tomou posse em 9 de março desse ano, após um ciclo de dez anos de Aníbal Cavaco Silva em Belém.

A seguir às eleições presidenciais, elencou os seguintes princípios para o seu mandato: "Afetos, proximidade, simplicidade e estabilidade".

Embora vindo da mesma área política, e sendo igualmente um antigo líder do PSD, o novo chefe de Estado distinguiu-se do seu antecessor, desde logo, no registo informal de proximidade com os cidadãos e na agenda intensa, em contraste com o estilo mais contido e formal de Cavaco Silva.

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.