Meteorologia

  • 16 AGOSTO 2018
Tempo
18º
MIN 18º MÁX 19º

Edição

"Doação do Prémio Astúrias pela UE às vítimas tem grande simbolismo"

O primeiro-ministro agradeceu hoje, em Bruxelas, a decisão da União Europeia de doar os 50.000 euros do prémio Princesa das Astúrias da Concórdia às vítimas dos incêndios em Portugal e Espanha, que considerou um gesto simbólico da maior importância.

"Doação do Prémio Astúrias pela UE às vítimas tem grande simbolismo"
Notícias ao Minuto

16:47 - 14/12/17 por Lusa

Política Incêndios

À margem de uma cimeira de chefes de Estado e de Governo da UE, António Costa participou hoje numa breve cerimónia na sede do Conselho, juntamente com o presidente do Governo espanhol, Mariano Rajoy, e dos presidentes da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, e do Parlamento Europeu, Antonio Tajani, para a doação a Portugal e Espanha do valor monetário do prémio atribuído à UE em junho passado.

"Este é mais um gesto simbólico da solidariedade que sentimos ao longo destes meses por parte da União Europeia. Sentimo-la quando carecíamos de meios aéreos para o combate aos incêndios e a UE conseguiu mobilizar os meios disponíveis; sentimo-la quando apresentámos a candidatura ao fundo de solidariedade para financiar a reconstrução; sentimo-la na vontade politica das instituições europeias de melhorar e construírem um mecanismo europeu de proteção civil, e agora com este gesto simbólico, que significa que efetivamente o valor fundamental sobre o qual temos construído e vamos construir a Europa é o valor da solidariedade", declarou António Costa.

Depois de, em francês, sublinhar que o gesto hoje concretizado "é um gesto de um simbolismo muito, muito importante", o primeiro-ministro agradeceu-o "reconhecidamente", e "em nome de todos os portugueses, e em particular aqueles que foram vítimas dos incêndios".

Na sua intervenção, Juncker disse que no dia em que a UE recebeu o Prémio Astúrias, era impossível "não pensar nas vítimas dessa enorme catástrofe que atingiu Espanha e Portugal", pelo que os presidentes das três instituições (também o presidente do Conselho, Donald Tusk, que hoje preside à cimeira que decorre em Bruxelas) decidiram "que se impunha este gesto de solidariedade".

A União Europeia (UE) anunciou hoje a 23 de outubro passado que iria entregar os 50.000 euros do prémio Princesa das Astúrias da Concórdia às vítimas dos incêndios em Portugal e Espanha, uma decisão "simbólica" para mostrar "proximidade" com as populações afetadas.

O anúncio, feito por Tajani no Parlamento Europeu, teve lugar poucos dias depois dos incêndios de 15 de outubro, que fizeram 44 mortos e 70 feridos em Portugal e 4 mortos e dezenas de feridos em Espanha.

A UE foi distinguida em junho passado com o prémio Princesa das Astúrias da Concórdia como "modelo único de integração política supranacional".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.