Meteorologia

  • 26 JULHO 2017
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

"Que o meu partido não fique ligado a tão lamentável personagem"

André Ventura é líder da coligação PSD/CDS e o centrista Francisco Mendes da Silva já veio pedir que o partido se demarque de tal campanha.

"Que o meu partido não fique ligado a tão lamentável personagem"
Notícias ao Minuto

12:00 - 17/07/17 por Inês André de Figueiredo

Política Mendes da Silva

Francisco Mendes da Silva, antigo deputado do CDS, utilizou a sua página oficial do Facebook para criticar André Ventura, depois das declarações do candidato da coligação do PSD/CDS a Loures.

“Não há praticamente nada que André Ventura diga que eu não considere profundamente errado, ligeiro, fruto da ignorância e de um populismo que tanto pode ser gratuito, telegénico ou eleitoralista”, começa por dizer o advogado.

Relembrando que já ouviu o social-democrata “falar de tudo e mais alguma coisa”, Mendes da Silva refere que André Ventura “nunca desilude na impreparação e no gosto em ser o porta-estandarte das mais variadas e assustadoras turba”.

“Se perder, tudo bem: que nem mais um dia o meu partido fique associado a tão lamentável personagem”, apela o centrista, mostrando estar contra a associação do nome André Ventura a uma coligação o CDS integra.

Recorde-se que o candidato social-democrata que lidera a coligação ‘Primeiro Loures’ mostrou-se insatisfeito com a situação das minorias em Loures, em entrevista ao Notícias ao Minuto, referindo que a etnia cigana acredita estar “acima da lei”.

Mais tarde, André Ventura reiterou as suas afirmações e garantiu não se arrepender de ter falado sobre o assunto.

Campo obrigatório