Meteorologia

  • 28 JUNHO 2022
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 26º

É má solução fechar a TAP? Líder da IL ficou "pasmado" ao ouvir Rio

Líder da Iniciativa Liberal defende que "é sempre bom parar uma má ideia" e critica Rui Rio por considerar que fechar a TAP "é má solução".

É má solução fechar a TAP? Líder da IL ficou "pasmado" ao ouvir Rio
Notícias ao Minuto

22:52 - 20/12/21 por Melissa Lopes

Política Iniciativa Liberal

João Cotrim Figueiredo diz ter ficado "pasmado" com a posição do líder do PSD em relação à TAP. "Ouvi Rui Rio dizer que é má solução fechar a TAP depois do dinheiro que A.Costa lá colocou. Fiquei pasmado", escreveu, numa publicação feita no Twitter. 

"É o mesmo que não parar a meio do caminho de um desfiladeiro. É sempre bom parar uma má ideia!", frisou o líder da Iniciativa Liberal, defendendo que "não têm de ir outros dois mil milhões" de euros para a companhia aérea. "Nem mais um euro para a TAP" é, aliás, o lema da IL sobre o tema. 

Os liberais, recorde-se, defendem a venda da TAP o mais rapidamente possível. O partido, liderado por Cotrim Figueiredo, já assumiu que nas próximas eleições legislativas, a 30 de janeiro, tem como objetivo eleger cinco deputados. 

O presidente do PSD considerou este domingo, no Congresso do partido, em Santa Maria da Feira, que era impossível ser pior a gestão que o PS fez do processo da TAP, avisando que é "má solução" quer fechar quer manter a companhia aérea.

"Depois de uma vida de mão estendida ao Orçamento do Estado, a TAP, é, também, um exemplo da gestão socialista, com largos milhões de euros dos portugueses nela despejados", criticou. O líder do PSD resumiu todo este processo numa frase: "tudo mau. Pior, era impossível".

"É má a solução de fechar a TAP, depois das avultadas verbas que lá foram enterradas. É má a solução de a manter, porque ainda falta lá meter muito mais dinheiro. E será má a situação do nosso país, se a Comissão Europeia vier a reprovar o plano que lhe foi apresentado pelo Governo", elencou.

Para Rio, "foi a isto que conduziu esta governação do PS, em geral, e deste Ministério das Infraestruturas, em particular". "O Governo reverteu a privatização mal tomou posse - antes ainda da crise causada pela pandemia -- e, com esse ato, voltou a meter o Estado num buraco que parece não ter fundo", recordou.

Contas feitas, já "foram metidos mais de 2.000 milhões de euros nos últimos dois anos" na TAP.

"Ainda falta meter mais sabe-se lá quanto, e o plano de viabilização, se assim se pode chamar, continua encalhado em Bruxelas, vindo agora o Governo dizer que pode não ser aprovado e que, depois de tanto dinheiro perdido, a TAP afinal pode fechar", criticou.

Leia Também: Rio diz que é "má solução" quer fechar quer manter a TAP

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório