Meteorologia

  • 18 JUNHO 2019
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 20º

Edição

"Voltaríamos a fazer o mesmo para que prevalecessem aspirações do povo"

CDU não se arrepende de caminho percorrido nas eleições europeias. Quem o garante é Jerónimo de Sousa.

"Voltaríamos a fazer o mesmo para que prevalecessem aspirações do povo"

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, fez, esta terça-feira, uma avaliação aos resultados da coligação CDU nas eleições europeias, considerando que não se arrepende do trabalho feito.

"Convicto do acerto da nossa posição", Jerónimo reforçou que o partido nunca perdeu "uma oportunidade de na Assembleia repor direitos e rendimentos de trabalhadores  e do povo que tinham sido retirados pelos governo anterior".

"A solução política encontrada resulta de uma nova relação de forças e de uma arrumação de forças na Assembleia em que procurámos dar o nosso contributo para que este grande objetivo -salários, direitos, reformas - tivesse expansão no orçamento. Não estamos arrependidos, voltaríamos a fazer o mesmo para que prevalecessem direitos que eram aspirações do povo português", salientou.

Questionado sobre se pode considerar que a CDU sofreu uma perda nestas eleições, Jerónimo disse que "a leitura dos resultados deve contar com diversos fatores". Apesar disso admitiu que algumas das "resistências" apresentadas pelo governo PS podem ter resultado a ser desfavor.

Ainda assim, reforçou, o PCP deu "um passo adiante em direitos que muitos já considerava perdidos para todo o sempre".

"Podemos dizer, com honra, que contribuímos para que os portugueses vissem a sua vida mais desafogada", concluiu.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório