Meteorologia

  • 15 DEZEMBRO 2018
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 14º

Edição

Bloco quer condenação de autarca após apelo a "esfrega nas caloiras"

A Assembleia Municipal de Aveiro vai deliberar na sessão ordinária de novembro sobre um voto de condenação, apresentado pelo Bloco de Esquerda, das declarações do presidente da Câmara, Ribau Esteves (PSD/CDS-PP/PPM), que apelou a uma "esfrega" nas caloiras.

Bloco quer condenação de autarca após apelo a "esfrega nas caloiras"
Notícias ao Minuto

14:39 - 07/11/18 por Lusa

Política Aveiro

Em causa está um vídeo de alguns segundos partilhado na Internet, onde o autarca surge a apelar à participação na festa de receção aos novos alunos da Universidade de Aveiro, que decorreu em outubro, dizendo: "É dia de vir ao Integra-te para darmos uma grande esfrega na academia, nas caloiras".

"As declarações do presidente da autarquia, tendo como alvo as alunas do primeiro ano da universidade, são inaceitáveis e representam uma cultura que torna o espaço público, e a vivência em geral, num lugar menos seguro para as mulheres", refere o voto de condenação.

No documento, a que a Lusa teve acesso e que consta na agenda de trabalhos da reunião da Assembleia Municipal marcada para sexta-feira, as deputadas municipais bloquistas lembram ainda que, algumas semanas antes, na receção aos novos alunos, o presidente da Câmara de Aveiro tinha já tinha dito "o encanto primeiro da academia são as nossas caloiras".

O presidente da Câmara de Aveiro já tinha justificado o sucedido, afirmando que não pretendeu ofender ninguém e que usou a palavra "esfrega" porque era o nome da música de um cantor angolano que era o cabeça de cartaz daquela noite.

"Estávamos todos em tom de brincadeira. Eu fiz uma brincadeira, usando a palavra daquela que é a canção da moda, mais conhecida e mais querida, do Deejay Telio, o artista da noite, para convidar os caloiros para aparecerem", acrescentou.

O autarca afirmou ainda que repetiria tudo o que disse, porque "foi tudo feito com bom sentido de humor e naquela ambiência estrita".

Na altura, o PS também criticou as declarações de Ribau Esteves, exigindo que o autarca se retratasse e pedisse desculpa.

Na mesma sessão ordinária, a Assembleia vai deliberar ainda sobre uma proposta apresentada pelo BE para a realização de uma campanha contra o assédio sexual.

A recomendação propõe a realização de uma campanha de prevenção do assédio sexual utilizando vários meios ao dispor da Câmara, nomeadamente através do seu site, redes sociais, publicações, cartazes de rua, entre outros, e ainda "o alargamento dessa campanha através de parceria com as escolas, universidade e associações do concelho".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório