Meteorologia

  • 26 OUTUBRO 2021
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 25º

Edição

Identificado proprietário da casa onde foram encontrados cães mortos

Grupo IRA - Intervenção e Resgate Animal apelida a moradia de 'casa dos horrores'. "Em 4 anos de existência da nossa instituição, esta será provavelmente a maior tragédia com cães!".

Identificado proprietário da casa onde foram encontrados cães mortos

Horror. Será esta a melhor palavra para classificar o cenário encontrado pelos elementos do IRA numa moradia em Loures, na tarde de quinta-feira. Dos oito cães encontrados, apenas um sobreviveu. 

Em resposta ao Notícias ao Minuto, a GNR, que tomou conta da ocorrência, disse ser conhecida a identidade do proprietário da casa, mas que ainda não foi possível localizá-lo. Foi elaborado um auto de notícia por maus-tratos a animais de companhia, que foi remetido para o Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Loures.

Foi o cheiro que levou os vizinhos a denunciarem a situação.  De acordo com o IRA,  o proprietário residia em Bucelas onde fazia criação de raças (Bull Terriers, Bulldogs franceses, Pastores Belgas e outras raças da moda). Abandonou a residência, "deixando os  os animais à sua (nenhuma) sorte". 

"Assim que abríamos as portas dos quartos, mais cadáveres. Cães mortos dentro de arcas congeladoras na garagem, dentro dos armários dos quartos, dentro de canis no quintal. Cães que foram morrendo lentamente. Dia após dia, à fome e à sede. Os cadáveres dentro das arcas congeladoras aparentavam uma boa condição corporal, pelo que serão submetidos a eventual autópsia para se determinar a causa da morte", descreve o grupo nas redes sociais, onde são partilhados os vídeos, cujas imagens podem ferir a sensibilidade dos leitores. 

O IRA frisa mesmo que em 4 anos de existência da instituição "esta será provavelmente a maior tragédia com cães!". 

Contactados pelo grupo,  a Guarda Nacional Republicana e o canil municipal de Loures estiveram no local para a recolha dos animais. Ao Notícias ao Minuto, a GNR refere que foram encontrados oito animais (apenas um com vida).

Quanto ao animal que sobreviveu, um pastor belga, este foi transportado para o Gabinete Médico-Veterinário Municipal de Loures para relatório de perícia. "À semelhança com outros casos, iremos requerer a constituição de fiel depositário para que o mesmo seja entregue ao IRA", adianta o grupo, prometendo dar ao animal "a felicidade que nunca teve". 

Leia Também: PSP resgata cães de maus-tratos graças a denuncia nas redes sociais

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório