Meteorologia

  • 11 DEZEMBRO 2018
Tempo
10º
MIN 8º MÁX 12º

Edição

António Costa inicia hoje visita oficial de dois dias a Angola

O primeiro-ministro chega esta segunda-feira a Luanda para uma visita oficial de dois dias a Angola, durante a qual procurará retomar rapidamente os níveis anteriores a 2014 nas relações económicas e normalizar os contactos bilaterais político-diplomáticos.

António Costa inicia hoje visita oficial de dois dias a Angola
Notícias ao Minuto

06:17 - 17/09/18 por Notícias Ao Minuto com Lusa

País Primeiro-ministro

"Fico feliz que o irritante que existia nas relações com Angola desapareça". As palavras pertencem ao primeiro ministro português e datam de maio deste ano, após ser conhecida a decisão do Tribunal da Relação de Lisboa de enviar o processo do ex-vice-presidente angolano, Manuel Vicente, arguido na Operação Fizz, para Angola.

Ora, quatro meses volvidos desde o "irritante" ter desaparecido, o chefe do Governo português faz a primeira visita oficial a território angolano.

Com António Costa viajam também os ministros dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, e da Agricultura, Capoulas Santos, assim como os secretários de Estado Teresa Ribeiro (Negócios Estrangeiros e Cooperação), Eurico Brilhante Dias (Internacionalização).

No plano económico, saliente-se, com a quebra dos preços do petróleo nos mercados internacionais a partir de 2014, Angola entrou em recessão, o que diminuiu de forma significativa o valor das suas transações com Portugal (cerca de 40% até 2017). A partir do final de 2017, no entanto, Angola começou a apresentar sinais de recuperação.

Nesta senda, na terça-feira, após a reunião entre o Presidente da República de Angola, João Lourenço, e o primeiro-ministro português, os dois governos deverão assinar cerca de uma dezena de acordos, entre os quais uma convenção para o fim da dupla tributação e um memorando para a progressiva regularização de dívidas de entidades públicas angolanas a empresas portuguesas, cujo montante global se estima entre os 400 e os 500 milhões de euros.

Os governos de Lisboa e de Luanda vão ainda ampliar linhas de crédito, estabelecer um plano de cooperação no setor da agricultura e assinar um Programa Estratégico de Cooperação 2018/2022.

Assim será o primeiro dia 

António Costa chegou a Luanda ao início da manhã, pelas 07h05 horas, tendo sido então recebido pelo ministro das Relações Exteriores de Angola, Manuel Augusto.

Este primeiro dia de presença de António Costa na capital angolana, que coincidirá com um feriado (o Dia do Herói Nacional), terá sobretudo uma componente económica, estando previsto um encontro à porta fechada com empresários portugueses que operam no mercado angolano.

Além do encontro com empresários, o primeiro-ministro terá também visitas com significado histórico, como a deslocação à Fortaleza de Luanda, onde está o recém-recuperado Museu Nacional de História Militar.

Na parte da tarde, o primeiro-ministro tem ainda previsto um passeio pela Baia de Luanda e termina o dia com um encontro com a comunidade portuguesa residente na capital angolana.

Um encontro que decorrerá no Centro Cultural Português e que ocorrerá depois de visitar a obra do hospital materno-infantil da Camama, que está a cargo da empresa portuguesa Casais, num projeto avaliado em 194 milhões de dólares norte-americanos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório