Meteorologia

  • 21 JULHO 2018
Tempo
26º
MIN 24º MÁX 27º

Edição

Os rostos de mais uma tragédia no IC1. Chuva foi a 'culpada'

Esta quinta-feira, uma colisão entre dois ligeiros de mercadorias provocou a morte a seis pessoas e fez dois feridos graves.

Vítor Sousa - Residente em Setúbal 

Notícias ao Minuto

09:31 - 22/06/18 por Filipa Matias Pereira

País Acidente

O Verão chegou esta quinta-feira, mas com ele trouxe a chuva, um fenómeno meteorológico tão pouco característico desta época do ano. A chuva é apontada pelas autoridades como um dos aspetos – senão o principal – que poderá ter estado na base do acidente que ocorreu ontem, pouco antes das 7h00, na EN5 (estrada que faz o seguimento do IC1) na estrada que liga Marateca a Alcácer do Sal, em Setúbal.

A colisão ocorreu entre dois veículos ligeiros de mercadorias. Um deles, de matrícula espanhola, transportava material para a Autoeuropa, em Palmela.

Na sequência do embate, o condutor, de nacionalidade espanhola, ficou ferido em estado considerado grave e foi transportado para Hospital de São Bernardo, em Setúbal.

Notícias ao MinutoLigeiro de mercadorias onde seguia um cidadão espanhol com destino à Autoeuropa© Olhar Sines no Futuro

No outro veículo, de nove lugares, seguiam sete pessoas que, tal como confirmado pela GNR de Setúbal, pertenciam a duas empresas e dirigiam-se para a Refinaria de Sines, onde estavam a desenvolver trabalhos para a Repsol. E foi aqui que a tragédia teve maior evidência. Das sete vidas que seguiam nesta carrinha, apenas uma se salvou, o condutor. Apesar de inicialmente ter sido considerado pelas equipas de emergência no local um ferido leve, à chegada à unidade hospitalar, depois de analisado o quadro clínico, concluiu-se que também estava ferido com gravidade.

Já em relação ao acidente que chocou o país e que marcou a atualidade noticiosa, as autoridades acreditam que a carrinha onde seguiam os sete passageiros se terá despistado e, ao perder o controlo, entrou na via contrária, onde seguia a carrinha de matrícula espanhola. Esta por sua vez, terá embatido contra o veículo de trabalhadores precisamente na parte lateral. Recorde-se, porém, que inicialmente as autoridades adiantaram que se trataria de uma colisão frontal.

Notícias ao MinutoLigeiro de passageiros onde seguiam sete passageiros, seis dos quais morreram© Olhar Sines no FuturoJá quanto às vítimas confirmadas, todas do sexo masculino, três eram de nacionalidade brasileira [ver fotogaleria].

João Carreira, do Pinhal Novo, Vítor Sousa e Luís Neves, ambos de Setúbal, Felipe Gardim, De S. Caetano do Sul, no Brasil, William Augusto da Silva, de Londrina, no Brasil, e Edson Geiza, de Timóteo, no Brasil, são os rostos da tragédia da Marateca.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.