Meteorologia

  • 22 AGOSTO 2018
Tempo
21º
MIN 20º MÁX 22º

Edição

Homem que comia sushi todos os dias tinha ténia de 1,7 metros

Norte-americano notou que tinha sangue nas fezes e depois reparou no parasita, que levou dentro de um saco para o hospital.

Um homem natural da Califórnia apareceu no hospital com uma ténia de 1,7 metros enrolada num rolo de papel, dentro de um saco. O paciente disse aos médicos que reparou no parasita num episódio de diarreia com sangue. Olhou para a sanita e pensou que o seu intestino estivesse pendurado.

Num momento, que os médicos dizem ter sido aterrador para o paciente, este puxou o parasita e ao ver que se mexia, percebeu do que se tratava. O médico Kenny Banh, do hospital de Fresno, afirmou ao Guardian que esta hipótese é bem melhor do que “pensar que se está a morrer porque as entranhas estão a sair pela parte de trás”.

O incidente aconteceu em agosto do ano passado mas só agora se tornou público porque o médico em questão, Kenny Banh, falou sobre o episódio num podcast sobre medicina, chamado This Won’t Hurt a Bit.

O paciente explicou ao médico que comia peixe cru quase todos os dias, especialmente sashimi de salmão. Há meses que sentia desconforto nos intestinos, mas não deu importância. “Ele disse que sentia que algo se mexia nos intestinos e pensou que fossem gases. Estava com desconforto há meses”, explicou o clínico.

O Centro de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC), autoridade de saúde norte-americana, já havia emitido um alerta, em janeiro, com relação ao elevado risco de serem encontrados parasitas no salmão do Oceano Pacífico. Estes são eliminados quando o peixe é cozinhado. No caso do sushi é necessária a devida preparação, que inclui a congelação do peixe para matar os parasitas.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.