Meteorologia

  • 25 FEVEREIRO 2024
Tempo
16º
MIN 13º MÁX 17º

Papa Francisco não vai à COP28 no Dubai, confirma Vaticano

O líder da Igreja Católica teve de adiar novamente compromissos devido a problemas de saúde.

Papa Francisco não vai à COP28 no Dubai, confirma Vaticano
Notícias ao Minuto

18:56 - 28/11/23 por Notícias ao Minuto com Lusa

Mundo Papa Francisco

O Vaticano confirmou esta terça-feira que o Papa Francisco não vai à COP28, a cimeira pela ação climática que se realiza no Dubai entre os dias 30 de novembro e 2 de dezembro, organizada pelas Nações Unidas.

O cancelamento da viagem surge depois de o Papa ter sentido sintomas de gripe durante os últimos dias, forçando o líder da Igreja Católica a cancelar alguns compromissos. No entanto, o Vaticano garantiu na segunda-feira que Francisco encontrava-se melhor e que iria tentar retomar reuniões e compromissos, incluindo a viagem até ao Dubai.

O sumo pontífice, que completa 87 anos no próximo mês, estava programado sair de Roma, para discursar na reunião da COP28 na manhã de sábado. Também tinha previsto inaugurar um pavilhão religioso no domingo, à margem da conferência, antes de voltar para o Vaticano, noticiou a agência Associated Press.

O Papa tem feito questão de intensificar os seus apelos por justiça climática e por medidas mais ambiciosas para combater a crise climática, sendo que esta seria a primeira vez que o sumo pontífice marcaria presença numa COP.

O Papa teve vários problemas de saúde nos últimos anos e meses.

Mais recentemente, esteve "um pouco constipado" no início deste mês, mas continuou com todos os seus compromissos conforme planeado.

A saúde de Francisco tem sido motivo de debate desde que deixou claro que estaria preparado para renunciar se a doença o impedisse de fazer o seu trabalho, tal como o seu antecessor Bento XVI fez de forma surpreendente, em fevereiro de 2013.

As Nações Unidas têm vindo a insistir na necessidade de adoção imediata de "medidas espetaculares" para impedir um maior aquecimento global, quando o planeta caminha para os 2,9ºC de aquecimento.

Para impedir um aumento de 3°C das temperaturas no final do século, todos os países terão de reduzir emissões muito para além das promessas atuais, cortando 42% das emissões até 2030 se quiserem não ultrapassar os 1,5°C, uma meta assumida em 2015 no Acordo de Paris sobre redução de emissões, indica um relatório da ONU.

A COP28 decorre entre 30 de novembro e 12 de dezembro no Dubai, com a ambição de fazer o primeiro balanço global do Acordo de Paris.

[Notícia atualizada às 23h36]

Leia Também: Papa está a melhorar e vai manter alguns dos compromissos, diz Vaticano

Recomendados para si

;
Campo obrigatório