Meteorologia

  • 14 AGOSTO 2022
Tempo
27º
MIN 17º MÁX 27º

Máquinas de suporte vital de Archie vão ser desligadas na manhã de sábado

Porta-voz do grupo religioso Christian Concern indicou que progenitores esgotaram todos os meios legais e foram hoje informados da decisão.

Máquinas de suporte vital de Archie vão ser desligadas na manhã de sábado

Depois de uma longa luta para travar o que será inevitável, Paul e Hollie Dance deverão hoje passar a última noite com o filho Archie Battersbee, o menino de 12 anos que se encontra em coma desde abril. 

Os progenitores foram informados esta tarde que o suporte de vida que mantém Archie vivo deverá ser desligado amanhã, sábado, cerca das 10h00. 

Um porta-voz do grupo religioso Christian Concern, citado pela Sky News, indicou que progenitores esgotaram todos os meios legais e foram hoje informados da decisão. 

"A família está devastada e está a passar tempo precioso com Archie", acrescentou.

Refira-se que este é o culminar de uma longa luta judicial para travar que o suporte de vida fosse desligado.

Numa primeira instância, todas as ações legais instavam a justiça a travar o hospital de desligar as máquinas, recursos que foram negados. Depois disso, a família ainda recorreu ao Tribunal Europeu, que recusou novamente apreciar o pedido de recurso por não querer "interferir".

Esgotado este caminho, Paul e Hollie tentaram que Archie fosse transferido para uma unidade de cuidados paliativos, também sem sucesso.

Esta sexta-feira, os pais do menino viram negado pelo Tribunal de Recurso o recurso que fizeram da recusa da juíza do Supremo Tribunal que impedia a transferência de Archie para uma unidade de cuidados paliativos.

Esta ação tinha sido avançada no sentido de evitar que o suporte de vida fosse desligado. O tribunal recusou, alegando que a transferência "não é do melhor interesse" da criança e apresentava riscos "imprevisíveis".

A mãe frisou que era desejo da família “passar os últimos momentos” em privado com o menor. 

Archie Battersbee, de 12 anos, foi encontrado inconsciente em casa, com uma ligadura enrolada na cabeça, em 7 de abril. Os pais acreditam que poderá ter participado num desafio 'online' que terá corrido mal.

Os médicos afirmam que o menor está em morte cerebral e que o tratamento de suporte de vida não vai ao encontro dos seus melhores interesses.

[Notícia atualizada às 22h43]

Leia Também: Pais de Archie perdem (novo) recurso. Menino não poderá ser transferido

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório