Meteorologia

  • 25 SETEMBRO 2022
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 24º

China anuncia sanções a Nancy Pelosi após visita a Taiwan

As sanções serão igualmente aplicadas à família próxima de Pelosi.

China anuncia sanções a Nancy Pelosi após visita a Taiwan
Notícias ao Minuto

09:38 - 05/08/22 por Marta Amorim com Lusa

Mundo Pelosi

A China acaba de anunciar sanções à Presidente da Câmara dos EUA Nancy Pelosi e aos seus familiares mais próximos após a sua viagem a Taiwan, de acordo com uma declaração, relata a Bloomberg News.

De acordo com um porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros chinês, citado pela Reuters, "apesar das sérias preocupações e da firme oposição da China, Pelosi insistiu em visitar Taiwan, interferindo seriamente nos assuntos internos da China, minando a soberania e integridade territorial da China, espezinhando a política de uma só China, e ameaçando a paz e estabilidade do Estreito de Taiwan".

O chefe da diplomacia norte-americana, Antony Blinken, criticou hoje as manobras militares da China em torno de Taiwan - como resposta à visita de Pelosi - considerando-as "provocações" que representam "uma escalada significativa" nas tensões.

Blinken considerou que não havia "pretexto" para iniciar exercícios no Estreito de Taiwan por parte de Pequim, que se opôs à visita à ilha, esta semana, da presidente da Câmara dos Representantes do Congresso norte-americano, Nancy Pelosi.

Pelosi classificou também hoje como "ridículo" que a sua visita a Taiwan possa prejudicar a ilha e assegurou que o objetivo é manter o 'status quo' internacional.

"A nossa delegação não procura alterar o 'status quo' na Ásia ou Taiwan", disse Nancy Pelosi, durante uma conferência de imprensa na embaixada dos EUA na capital japonesa, Tóquio, a última paragem numa digressão asiática que também a levou esta semana a Singapura, Malásia e Coreia do Sul, democracias que procurou "celebrar" com a viagem.

"Isso é ridículo", disse Pelosi quando questionada sobre críticas de que a sua visita a Taiwan teria feito mais mal do que bem para o território, ao desencadear maciços exercícios militares chineses em redor da ilha e retaliação económica.

Leia Também: Manobras militares nas imediações de Taiwan entram no segundo dia

[Notícia atualizada às 09h42]

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório