Meteorologia

  • 16 OUTUBRO 2021
Tempo
22º
MIN 15º MÁX 27º

Edição

Jornalista enfrenta pena de prisão por chamar "burro" a presidente polaco

Jakub Zulczyk é um conhecido jornalista e escritor polaco que descreveu o presidente Andrzej Duda como "burro" numa publicação de Facebook.

Jornalista enfrenta pena de prisão por chamar "burro" a presidente polaco

Um conhecido jornalista e escritor polaco poderá enfrentar até três anos de prisão por ter apelidado o presidente Andrzej Duda de "burro", em novembro, numa publicação de Facebook.

Jakub Zulczyk acusou o líder governamental de não compreender o processo eleitoral norte-americano, por causa de um tweet dirigido a Joe Biden, na sequência das eleições presidenciais.

Na publicação da rede social Twitter, a 7 de novembro, Andrzej Duda [na imagem acima] elogiava o "sucesso da campanha eleitoral" de Joe Biden, mas não assumia a sua vitória, indicando que se aguardava "a nomeação do Colégio Eleitoral".

Referindo-se ao tweet, Jakub Zulczyk escreveu uma publicação no Facebook onde dizia que acompanhava as eleições nos EUA com interesse e que "nunca tinha ouvido falar de nomeação pelo Colégio Eleitoral". "Joe Biden é o 46.º presidente dos EUA. Andrzej Duda é um burro", acrescentou, numa publicação à qual já não é possível aceder.

A justiça polaca descreve a publicação como "ofensiva" e "inaceitável", de acordo com os procuradores, citados pela BBC. Recorde-se que, na Polónia, é crime insultar líderes políticos ou religiosos, podendo incorrer-se em pena de prisão.

Jakub Zulczyk, cujo livro 'Ślepnąc od świateł' ('Blinded by the Lights', na tradução em inglês) foi adaptado a uma série pela HBO europeia, disse que tomou conhecimento das acusações contra si através da imprensa.

Leia Também: Casamento à chuva. Casal desafiou intempérie e casou-se de galochas

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório