Meteorologia

  • 24 NOVEMBRO 2020
Tempo
15º
MIN 9º MÁX 18º

Edição

Angola com mais 247 casos e 5 mortes no último dia do mês com mais casos

Angola registou 247 novas infeções pelo novo coronavírus, bem como mais cinco mortes devido à doença, e um novo recorde de 416 pessoas dadas como recuperadas, anunciou hoje o secretário de Estado para a Saúde Pública.

Angola com mais 247 casos e 5 mortes no último dia do mês com mais casos
Notícias ao Minuto

21:53 - 31/10/20 por Lusa

Mundo Covid-19

Dos novos casos, 156 de sexo masculino e 92 do sexo feminino, foram reportados em Luanda, 11 em Cabinda, 15 no Uíje, 26 no Cunene e um no Bengo.

As idades variam entre 2 e 80 anos.

Entre as cinco mortes registadas, quatro homens e uma mulher, as idades situam-se respetivamente nos 36, 51, 55, 62 e 65 anos.

Foram consideradas recuperadas da doença 416 pessoas.

No total, Angola contabiliza 10.805 casos de covid-19, com 284 óbitos, 4.523 considerados recuperados e 5.998 ativos, dos quais 16 em estado crítico e 29 graves.

Foram processadas nas últimas 24 horas, 2.402 amostras em mais de 157 mil, sendo a taxa diária de positividade de 10,3%.

Ao longo do mês de outubro, o que teve mais casos desde o início da pandemia, registou-se a maior taxa de positividade, que se situa em 10%, destacou Franco Mufinda.

Segundo o responsável da Saúde, foi em outubro que se assistiu à expansão da doença em todas as províncias, e com mais agressividade, o que associou também ao incumprimento das medidas de prevenção por parte da população.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 45,6 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em África, há 42.630 mortos confirmados em mais de 1,7 milhões de infetados em 55 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia no continente.

Angola regista 284 óbitos e 10.805 casos, seguindo-se Cabo Verde (95 mortos e 8.694 casos), Moçambique (91 mortos e 12.777 casos), Guiné Equatorial (83 mortos e 5.083 casos), Guiné-Bissau (41 mortos e 2.413 casos) e São Tomé e Príncipe (16 mortos e 944 casos).

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório