Meteorologia

  • 20 OUTUBRO 2020
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 20º

Edição

AO MINUTO: OMS faz aviso sobre uso de máscaras. Espanha proíbe funerais

Acompanhe aqui AO MINUTO os últimos desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: OMS faz aviso sobre uso de máscaras. Espanha proíbe funerais

Portugal está na fase de mitigação - a pior fase do surto viral - desde quinta-feira da semana passada e, esta segunda-feira, soma 140 mortos (+21 do que ontem) e 6.408 casos confirmados (+446 do que ontem), de acordo com os últimos dados da Direção-Geral da Saúde (DGS), mas com um sinal positivo: na variação percentual dos casos confirmados é a primeira vez desde 10 de março que se chega ao dígito singular (7,4%).

O boletim epidemiológico dá ainda conta de 571 pessoas internadas, com 164 casos nas Unidades de Cuidados Intensivos (+26 do que ontem). O número de recuperados mantém-se inalterado (43) há cinco dias.

diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, indicou que está a ser equacionada a decisão de impor uma cerca sanitária na região do Porto.

A nível europeu, os países mais afetados, neste momento, são Espanha e Itália. O país vizinho regista 7.340 vítimas mortais e mais de 85 mil casos de infeção, ao passo que Itália totaliza 11.591 mortes e mais de 100 mil casos de infeção.

Acompanhe aqui AO MINUTO os últimos desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

00h00 - O registo de hoje termina por aqui, será retomado na manhã de terça-feira. Já sabe: consulte a informação no site da DGS e acompanhe sempre as comunicações das autoridades competentes. Caso tenha sintomas:

SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24

SNS24 da Madeira: 800 24 24 20

SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

Só quer tirar dúvidas? Não assoberbe as linhas telefónicas: [email protected]

23h56 - Enfermeiro do Hospital Dona Estefânia, revoltado com “passeios” dos portugueses, fez um apelo através das redes sociais.

23h48 - A Venezuela registou hoje seis novos casos do novo coronavírus no país, elevando para 135 o número confirmado de infetados com Covid-19.

23h42 - Em Portugal, estes são os números que foram hoje divulgados: 140 mortes, mais 21 do que na véspera, e 6.408 casos de infeções confirmadas, o que representa um aumento de 446 em relação a domingo (+7,5%).

Notícias ao MinutoConforme pode ver no mapa acima, a taxa de variação dos casos confirmados tem assistido a picos. Há três dias que assiste a uma descida: 21% no sábado, 15% no domingo e 7,5% hoje.© Notícias ao Minuto

23h33 - Estigma em relação a profissionais de saúde no Reino Unido. Os enfermeiros do Reino Unido terão sido aconselhados a não circularem para e do trabalho fardados depois de registo de vários incidentes.

23h25 - Eis um balanço dos números de vítimas mortais e infeções nos países mais afetados, neste momento:

  • Itália. Registou sua primeira morte ligada ao coronavírus no final de fevereiro passado e tem atualmente 11.591 mortes, em 101.739 casos, tendo 812 óbitos e 4.050 novos casos sido anunciados hoje. Os números mostram, no entanto, alguma descida nos últimos dias;
  • Espanha. É o segundo país mais afetado do mundo, depois de Itália, tendo já ultrapassado a China em número de mortes e de casos de infeção. O país vizinho conta agora com com 7.340 mortes e mais de 85 mil casos de infeção, com 16.780 pessoas recuperadas;
  • França. É, nesta altura, o quinto país do mundo com mais mortes. Totaliza, neste momento, 3.024 mortes e mais de 44 mil casos de infeção;
  • Estados Unidos. Em número de casos, os Estados Unidos são o país mais afetado, com 153.246 contaminações listadas oficialmente, incluindo 2.828 mortes e 5.545 recuperados;
  • Irão. Era a situação mais preocupantes fora da Europa, até os EUA começarem a reportar casos. O Irão reportou, até este domingo, 2.757 mortos e mais de 41 mil infetados;
  • Reino Unido. Os britânicos registam, até agora, 1.408 mortes e mais de 22 mil casos de infeção.

23h11 - O Brasil tem hoje 159 mortos e 4.579 infetados pelo novo coronavírus, anunciou o Ministério da Saúde do país, acrescentando que são já 15 as unidades federativas brasileiras a registarem óbitos devido à pandemia da covid-19.

23h02 - As cerimónias fúnebres foram hoje proibidas em Espanha, o segundo país mais afetado pela covid-19 no mundo, e os funerais não podem ter mais do que três pessoas presentes, para impedir a propagação da pandemia de Covid-19.

O país replica, assim, aquilo que já acontece em Itália e noutros países. Recorde: O padre, o filho e a mãe. A irreparável solidão dos funerais em Itália.

22h55 - Os números globais da pandemia:

  • 780.592 casos de infeção, dos quais:
  • 164.658 estão recuperados (21%);
  • 578.382 são casos ativos (74%), dos quais 29.480 estão em estado grave (5%);
  • 37.557 morreram (4,8%).

Estes dados foram retirados daqui, um mapa global com atualizações automáticas. Aqui pode confirmar os dados do Centro Europeu de Prevenção e Controlo de Doenças Transmissíveis (ECDC) para esta segunda-feira, mas estes não incluem os dados avançados pelos diversos países ao longo do dia.

22h48 - O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) informou hoje os associados que a TAP, "devido ao cancelamento de todos os seus voos para o mês de abril, pretende colocar em regime de 'lay off' os seus pilotos".

22h42 - A mayor de Washington DC, Muriel Bower, anunciou este domingo que assinou um decreto de confinamento obrigatório para todos os residentes, podendo sair apenas para "atividades essenciais".

22h30 - Ministro da Saúde do Luxemburgo anunciou hoje que são contabilizados no país 1.988 casos de infeção, tendo-se registado até agora 22 mortes.

22h25 - A pandemia do novo coronavírus matou pelo menos 36.674 pessoas em todo o mundo desde seu surgimento em dezembro na China, de acordo com um balanço da agência a AFP, às 19:00 de hoje. São contabilizados ainda mais de 757.940 casos de infeção, em 184 países e territórios.

22h11 - OMS não aconselha uso de máscaras pela população geral. "Não há evidências específicas que sugiram que o uso de máscara por parte da população geral tenha algum benefício em particular. Aliás, há até indícios que sugerem o contrário devido ao uso impróprio", disse hoje disse Michael Ryan, diretor do programa de emergências sanitárias da Organização Mundial de Saúde (OMS).

22h00 - O cardeal-vigário da diocese de Roma testou positivo para o novo coronavírus, no que é o primeiro caso de um cardeal próximo do Papa Francisco a ser infetado.

21h12 - Mário Lino, glória do boxe português, morreu esta segunda-feirainfetado com o novo coronavírus, aos 72 anos de idade. A informação foi avançada ao início desta noite pela Federação Portuguesa de Boxe.

21h06 - Empresas e famílias vão poder suspender o pagamento da renda nos meses em que vigore o estado de emergência e mês subsequente, prevê a proposta que cria um regime excecional de proteção aos inquilinos. O diploma será esta semana discutido e votado no Parlamento.

21h00 - A Itália vai prolongar, pelo menos até à Páscoa, o confinamento imposto aos seus 60 milhões de habitantes, apesar do registo de sinais positivos no combate à pandemia covid-19.

20h50 - Impacto no desporto. O recordista mundial Eliud Kipchoge ainda não decidiu se vai competir nos Jogos Olímpicos de Tóquio (agora adiados até 2021). O maratonista queniano está, porém, confiante de que "vamos vencer a lutar contra a Covid-19".

20h45 - Algumas notícias breves do que se passa por cá:

  • A mara de Tomar aprovou hoje a suspensão do pagamento das rendas não habitacionais dos espaços comerciais detidos pelo município;
  • mara de Coimbra determinou hoje, em despacho, o adiamento do pagamento das rendas nos bairros municipais nos próximos três meses;
  • As Juntas de Freguesia de Vila Nova de Gaia decidiram encerrar os cemitérios, decisão tomada por precaução e quando se aproximam as celebrações ligadas à Semana Santa;
  • O município de Porto de Mós está à procura de voluntários que possam apoiar instituições particulares de solidariedade social (IPSS), lares e pessoas que estejam isoladas ou que careçam de apoio;
  • .O Tribunal Judicial da Comarca do Porto revelou hoje que uma oficial de justiça testou positivo à Covid-19, subindo para três o número de casos confirmados no Núcleo da Maia;
  • A edição 2020 das Festas de S. João de Braga foi cancelada, por causa da pandemia da covid-19;
  •  A mara de Lisboa criou uma linha telefónica para informar os munícipes sobre as medidas para o arrendamento privado;

20h40 - A Nestlé Portugal vai garantir o emprego e salário dos trabalhadores impedidos de exercer funções devido à pandemia covid-19, avançando ainda com um "apoio financeiro adicional" para os que se encontram à frente das operações.

20h30 - No Reino Unido, uma enfermeira do serviço nacional de saúde britânico (NHS) recebe uma salva de palmas da sua família ao regressar a casa. "A nossa família tem recebido a nossa mãe quando ela chega do trabalho como uma heroína. É enfermeira na NHS no Reino Unido e está dar o seu melhor todos os dias. Vamos fazer isto todas as vezes que regressar a casa", escreveu o filho, Jonathan, no Twitter.

20h12 - A Câmara de Oeiras declarou hoje situação de alerta de emergência, para combater a pandemia de Covid-19, determinando às pessoas oriundas de outros concelhos ou de fora do país o dever de avisar as autoridades locais.

20h11 - O número de infetados com a covid-19 no lar Dra. Leonor Beleza, em Santo Tirso, subiu para 20, sendo nove utentes e 11 colaboradores, após serem conhecidos os testes feitos na sexta-feira, disse hoje à Lusa a porta-voz.

19h59 - O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, declarou hoje o estado de emergência no país durante o mês de abril, impondo limitações na circulação interna e nas entradas pelas fronteiras, entre outras medidas de prevenção da pandemia provocada pelo novo coronavírus.

19h56 O arquipélago dos Açores registou, nas últimas 24h mais cinco casos de Covid-19. No total são já 47 casos na região, espalhados por cinco ilhas.

19h48 - A partir de terça-feira, 31 de março, o Hospital de São João, no Porto, vai passar a avaliar a temperatura corporal dos seus profissionais todos os dias. A medida faz parte do plano de contingência do hospital, esclarece a instituição ao Notícias ao Minuto.

19h39 - O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, testou negativo para o novo coronavírus, mas irá continuar em quarentena, anunciou hoje o seu porta-voz. 

19h37 - Na Madeira são já 40 os casos de infeção pelo novo coronavírus, mais um do que no domingo. De acordo com o Instituto da Administração da Saúde (IASAÚDE), trata-se de um doente na faixa etária dos 40 anos.

19h30 - São já 81 as pessoas detidas pelas forças de segurança, desde o início do Estado de Emergência, por desobediência, de acordo com o Ministério da Administração Interna.

19h26 - José Luís Carneiro, secretário-geral adjunto do PS, pediu hoje contenção nas declarações públicas e espírito de cooperação no combate à pandemia da Covid-19, depois de questionado sobre a contestação da Câmara do Porto à diretora-geral da Saúde."Até que haja pronúncia pelas autoridades devemos evitar todos criar alarme social injustificado. O mais importante é todos cumprirmos um dever de ponderação da pronúncia pública. Todas as palavras devem ser medidas"

Recorde-se que a DGS disse estar a ser equacionado um cerco sanitário à região do Porto e a Câmara do Porto disse não concordar, nem reconhecer essa autoridade à DGS.

19h23 - O presidente dos EUA, Donald Trump, justificou hoje a sua decisão de prolongar as medidas de distanciamento social até final de abril, depois de ter dito várias vezes que queria a economia do país de novo a funcionar até à Páscoa. "O pior que podemos fazer é tomar atitudes muito cedo e, de repente, tudo regressa", disse.

19h20 - O Asilo de S. José, em Braga, vai continuar a funcionar, resolvendo "internamente" o problema provocado pela covid-19, que já matou três utentes e infetou outros 23.

19h18 - A Polícia de Segurança Pública deixou hoje alguns conselhos para quem tem que estar ao serviço:

19h12 - A pandemia do novo coronavírus matou pelo menos 35.000 pessoas em todo o mundo, incluindo quase três quartos na Europa, até ao momento.

19h00 - França dá hoje conta de mais 418 mortes nas últimas 24 horas, o maior aumento desde o início da pandemia, elevando o número total de mortes para 3.024. As autoridades francesas registam ainda mais de 44 mil casos de infeção, com 33.599 casos ativos (20.946 hospitalizados, dos quais 5.056 estão nos cuidados intensivos).

18h56 - Celebridades. Carlos de Habsburgo-Lorena, que estava infetado com o novo coronavírus, foi o primeiro caso na realeza. Passadas duas semanas, o arquiduque da Áustria está totalmente recuperado. O príncipe Carlos deixou de estar em auto-isolamento após sete dias de quarentena. E se os duques de Sussex se despediram das redes sociais, Cristiano Ronaldo continua a utilizá-las para alertar.

Ver esta publicação no Instagram

In this difficult moment for the whole world, let’s be thankful for the things that matter - our health, our family, our loved ones. Stay home and let’s help all the health workers out there fighting to save lives. #stayhomesavelives

Uma publicação partilhada por Cristiano Ronaldo (@cristiano) a 30 de Mar, 2020 às 5:58 PDT

18h45 - Prolongamento do Estado de Emergência? 94% dos portugueses consideram que o Presidente da República deve prolongar o Estado de Emergência por mais 15 dias, divulgou esta segunda-feira a Marktest.

18h38  - Algumas notícias breves sobre a pandemia no mundo:

  • Dezenas de presidiários vão ser soltos mais cedo das prisões da Irlanda do Norte, uma medida replicada na França, onde milhares de presos em fim de pena vão ser libertados antecipadamente, em março e abril, para descongestionar o sistema prisional francês;
  • Uma equipa de 15 médicos polacos partiu hoje de Varsóvia para ajudar em Itália;
  • A Geórgia, que regista 100 casos da pandemia de Covid-19, anunciou hoje a imposição de uma quarentena geral e obrigatória em todo o país;
  • A Comunidade de Madrid comemorou hoje, pelas 12:00, um minuto de silêncio pelas vítimas da covid-19, um tributo que vai ser repetido diariamente por tempo indefinido;
  • A Federação dos Editores Europeus, da qual faz parte a portuguesa APEL, pediu uma ajuda urgente para a indústria livreira, no âmbito da crise provocada pelo coronavírus;
  • Andorra recebeu hoje um reforço de apoio ao combate à pandemia covid-19, com a chegada de 39 médicos e enfermeiros cubanos;
  • Organização Mundial de Saúde admitiu hoje que a propagação da Covid-19 em países como Itália poderá começar a estabilizar;

18h30 - Os diretores das escolas avisam que os horários das aulas no 3.º período terão de ser adaptados à nova realidade do ensino à distância e que os professores continuam a estudar as melhores formas de ensinar.

18h26 - Doação de máscaras. No total, 26 nomes maiores do futebol português doaram um total de 150 mil máscaras de proteção individual para os profissionais de saúde do Hospital de Santo António, no Porto.

18h04 - Banco de Portugal. A moratória para contratos de crédito celebrados com clientes bancários, medida aprovada em Conselho de Ministros para ajudar as famílias a fazer face aos efeitos da pandemia Covid-19, vigorará "até 30 de setembro" deste ano.

18h00 - O quadro do pintor holandês Vincent Van Gogh, que foi roubado durante a noite de um museu perto de Amesterdão, fechado devido à pandemia do novo coronavírus:

17h49 - Ainda sobre a questão de um possível cerco sanitário no Porto. Várias são as vozes que se levantam contra a ideia, desde o PCP/Porto (desconhecer quaisquer "razões científicas ou técnicas que justifiquem a implementação de um cerco sanitário na cidade"), ao presidente da Área Metropolitana do Porto ("rejeita liminarmente" um cerco sanitário à região), passando pela Associação Comercial do Porto (diz que seria promover a "paralisação geral da região" e diz que é um "exagero").

17h34 - O Reino Unido registou até agora 1.408 mortes entre 22.141 casos de pessoas infetadas com o novo coronavírus responsável pela pandemia da covid-19, informou hoje o Ministério da Saúde britânico.

17h10 - Itália com mais 812 mortes nas últimas 24 horas - números absolutos sobem ligeiramente em relação à véspera (+756 no domingo) mas taxa mantem descida pelo quarto dia (variação de 11% na sexta-feira, de 10% no sábado, 7,5% no domingo e 7,5% hoje). O número total de mortos é de, agora, 11.591. Há boas notícias no registo diário de novos casos (+4.050), que em termos de variação percentual (4,1%) é o número mais baixo desde 17 de março. No total, são agora 101.739 casos confirmados de infeção, dos quais 75.528 são casos activos, com 27.795 pessoas hospitalizadas (3.981 em estado grave).

Há outra notícia positiva: Recuperaram nas últimas 24 horas 1.590 pessoas, o maior registo diário de sempre. O total é agora de 14,620.

17h08 - Presidente da República referiu-se à questão do cerco sanitário no Porto, que a DGS disse estar a ser equacionado e que a mara do Porto diz não concordar, nem reconhecer essa autoridade à DGS. Sublinhando que o "país tem mostrado unidade nacional, que começa nos portugueses e continua nos políticos", Marcelo Rebelo de Sousa explicou que pode haver discordância, mas que se deve manter a união.

"Isto não quer dizer que não haja, neste processo que é dinâmico e difícil, de repente situações em que surge um reparo, uma chamada de atenção, uma preocupação de um autarca".

16h55 - Marcelo Rebelo de Sousa esteve em reunião com confederações do comércio e do turismo. O Presidente da República começou por agradecer "àqueles que puderam ficar abertos e àqueles trabalhadores e empregadores que estão a trabalhar", referindo-se aos serviços essenciais, uma vez que são essenciais para "que a economia e o país não parem". Já no turismo, "o panorama é de praticamente 0%", disse Marcelo, referindo que "em praticamente todos os países há uma paragem completa ou quase completa da atividade".

16h50 - Depois da Ministra da Justiça ter dito este domingo, em entrevista à SIC, que o Governo está a avaliar a situação das prisões e que a decisão será tomada "muito rapidamente", alguns partidos já reagiram. Se o Executivo de António Costa decidir libertar alguns reclusos, o CDS exige saber, por exemplo, se esta “libertação não se traduzirá num aumento da perigosidade social". Já o líder parlamentar do BE alertou hoje que a sobrelotação das prisões pode constituir um "problema de saúde pública" que tem de ser respondido sob pena de a crise "disparar".

16h45 - Trace COVID-19. Conhece? Mais de 30.000 pessoas já se inscreveram na plataforma, um sistema que permite aos profissionais de saúde acompanharem doentes com suspeita ou confirmação da doença.

Inscreva-se aqui.

16h40 - O primeiro-ministro, António Costa, apelou hoje a que todos os donativos e generosidade para ajudar a combater a pandemia sejam articulados com as administrações regionais de saúde, para não se "desperdiçar recurso nenhum" como aconteceu perante outras grandes catástrofes.

16h15 - O diretor-geral da OMS esclareceu hoje, também, um 'tweet' que fez no domingo apenas com a palavra "humildade". "Ontem publiquei um tweet com apenas uma palavra: humildade. Algumas pessoas perguntaram-me porquê. A Covid-19 está a recordar-nos o quão vulneráveis somos, o quão ligados estamos e quão dependentes somos uns dos outros", começou por explicar.

"No centro de um furacão como a Covid-19, as ferramentas científicas e de saúde pública são essenciais, mas a humildade e a bondade também o são. Com solidariedade, humildade e assumindo o melhor nos outros, podemos - e iremos - ultrapassar isto juntos", completou, sem, no entanto, entrar em mais detalhes.

Convém, no entanto, lembrar que a última semana ficou marcada por alguns diferendos de opinião dentro da União Europeia no que respeita ao apoio entre países, nomeadamente no apoio dos países do Norte (como Alemanha ou Países Baixos) aos países do Sul (como Espanha, Itália ou Portugal).

16h15 - A Direção-Geral da Saúde usa um pequeno vídeo para mostrar como pode parar a transmissão da Covid-19 e reitera as recomendações sobre o que deve fazer para se manter em segurança.

16h00 - Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor da Organização Mundial de Saúde (OMS), indicou que falou com os ministros de Finanças dos países do G20, esta segunda-feira, para debater as ruturas dos equipamentos de proteção pessoal e outros equipamentos médicos. O responsável sublinhou que garantir a livre circulação de equipamento médico é essencial para salvar vidas e mitigar o impacto da pandemia a nível económico e social.

15h50 - O Papa Francisco reuniu-se hoje com o primeiro-ministro de Itália, Giuseppe Conte, quando o surto viral naquele país já vitimou mais de 10 mil pessoas.

15h43 - A farmacêutica Johnson & Johnson (J&J) anunciou que planeia iniciar os testes clínicos em humanos da vacina que desenvolveu para o novo coronavírus até setembro, podendo estar disponíveis no início do próximo ano.

Cientistas em todo o mundo estão a trabalhar num total de 20 vacinas e 30 possíveis medicamentos contra a covid-19, alguns dos quais já estão na última fase de testes antes da aprovação definitiva.

15h38 - Impacto no desporto: As novas datas dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, adiados para 2021 devido à pandemia de covid-19, deverão ser conhecidas durante esta semana. Lionel Messi tornou oficial que o plantel do Barcelona aceitou reduzir o salário em 70% face à pandemia de Covid-19.

Numa nota insólita (e muito perigosa): Helmut Marko, chefe da equipa da Red Bull na F1, disse que não haveria problema em que os seus pilotos ficassem infetados, uma vez que “todos são jovens fortes e com saúde. Estariam prontos depois para quando a competição começasse”.

15h30 - mara do Porto não reconhece autoridade da DGS para colocar cerco sanitário. Graça Freitas, recorde-se, indicou esta manhã que está a ser equacionada a decisão de impor uma cerca sanitária na região do Porto. A Câmara do Porto já reagiu, dizendo que não aceita o cerco sanitário "absurdo" e "inútil" que está a ser equacionado e anunciou que deixa de reconhecer autoridade à diretora geral da Saúde, Graça Freitas.

15h00 - Iniciámos aqui um novo registo diário. Caso queira conferir as notícias principais da manhã pode clicar aqui.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório