Meteorologia

  • 26 OUTUBRO 2020
Tempo
16º
MIN 10º MÁX 18º

Edição

Covid-19: Feira Art Basel adiada para setembro na Suíça

A feira Art Basel, prevista para junho em Basileia, na Suíça, foi adiada para setembro, como medida preventiva para proteger a população da propagação do coronavírus responsável pela pandemia de covid-19, anunciou hoje a organização.

Covid-19: Feira Art Basel adiada para setembro na Suíça
Notícias ao Minuto

15:07 - 26/03/20 por Lusa

Mundo Covid-19

"Como resultado da pandemia da covid-19 e do seu impacto sem precedentes em todo o mundo, a feira de junho de Art Basel é adiada. A edição de 2020 da Art Basel terá agora lugar em Messe Basel [maior centro de exposições da Suíça], de 17 a 20 de setembro de 2020, com Jornadas de Antevisão nos dias 15 e 16 de setembro", afirma a organização numa nota publicada na página oficial do evento.

Os organizadores justificam a medida com a necessidade de proteger a saúde e segurança da comunidade e do pessoal da Art Basel, face a um vírus que "é abrangente e dinâmico".

"Agradecemos às nossas galerias pelo apoio e compreensão da nossa decisão altamente complexa de adiar a feira", disse Marc Spiegler, diretor global da Art Basel, acrescentando: "Esperamos que a situação melhore rapidamente, e trabalharemos em estreita colaboração com os nossos expositores para realizar uma feira de sucesso em Setembro".

O responsável afirmou que continuará a "acompanhar de perto" a situação da covid-19, dado o "dinamismo" da situação, sublinhando que a saúde e a segurança dos expositores, dos parceiros, dos convidados e das equipas é a "principal prioridade" da organização.

"Vamos adaptar todo o nosso planeamento à situação em desenvolvimento", acrescentou.

A organização informa ainda que a Art Basel continuará a investir e a melhorar as suas Salas de Visualização 'online', como forma de apoiar as galerias e fortalecer a comunidade artística.

Já em fevereiro, tinha sido adiada a feira Art Basel de Hong Kong, prevista para o final de março, também devido ao surto de covid-19.

Esta decisão caiu em Hong Kong como mais uma má notícia para a região administrativa especial chinesa que, desde junho passado, fora forçada a cancelar vários eventos desportivos e culturais devido a manifestações quase diárias por reformas políticas no território.

Atualmente, face à pandemia de covid-19, um pouco por todo o mundo têm sido cancelados os mais diversos eventos culturais e desportivos e vários países adotaram medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais 480 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram perto de 22.000.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

O continente europeu, com quase 260.000 infetados, é aquele onde está a surgir atualmente o maior número de casos.

Em Portugal, registaram-se até ao dia de hoje 60 mortes e 3.544 infeções confirmadas, estando o país em estado de emergência desde as 00:00 de 19 de março e até às 23:59 de 02 de abril.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório