Meteorologia

  • 15 SETEMBRO 2019
Tempo
22º
MIN 21º MÁX 30º

Edição

Senador pede desculpa por causa de fotos que simulam homicídio de Trump

O incidente aconteceu num evento de angariação de fundos para o senador Martin Sandoval.

Senador pede desculpa por causa de fotos que simulam homicídio de Trump

O senador democrata do estado do Illinois, Martin Sandoval, está a ser alvo de várias críticas depois de terem sido publicadas fotografias dos seus apoiantes a simularem o homicídio de Donald Trump. O incidente aconteceu na passada sexta-feira durante um evento de angariação de fundos para Martin Sandoval, avança o New York Post.

Numa das imagens pode ver-se um homem com uma pistola de brincar a apontá-la a outro homem que usa uma máscara de Trump e que está vestido com uma indumentária mexicana. O homem com a máscara do presidente simula ter sido atingido por uma bala, agarrando-se ao peito.

Noutras fotografias, o senador Sandoval posa ao lado da pessoa que tinha a pistola de brincar.

Depois das fotografias terem sido publicadas nas redes sociais por uma mulher que testemunhou a encenação da morte de Trump, as imagens geraram críticas tanto da parte do Partido Republicano como por parte de outros democratas.

O governador do estado do Illinois, o democrata J.B. Pritzker, condenou as imagens e lembrou o momento que o país atravessa e a forma como se debate com a “epidemia da violência armada”.

Kellyanne Conway, uma das principais assessoras de Trump, sugeriu no Twitter que “deviam perguntar a todos os democratas se apoiam ou reprovam isto”, referindo-se às fotografias polémicas.

O senador Sandoval também reagiu e considerou o incidente “inaceitável”. “Eu não tolero a violência contra o presidente ou contra qualquer pessoa”, assegurou.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório