Meteorologia

  • 15 OUTUBRO 2019
Tempo
12º
MIN 12º MÁX 20º

Edição

Já foram doados 600 milhões para a reconstrução de Notre-Dame

Valores doados atingem já um montante impressionante.

Já foram doados 600 milhões para a reconstrução de Notre-Dame

O valor doado por empresas e grandes fortunas francesas para a reconstrução da Catedral de Notre-Dame já atingiu um valor impressionante, avança o Le Figaro.

As várias doações de indivíduos e grandes grupos industriais franceses para financiar a reconstrução da catedral de Notre-Dame, que foi afetada por um incêndio esta segunda-feira, já supera os 600 milhões de euros.

A família herdeira da L'Oréal, os Bettencourt-Meyers, anunciou hoje que doará 200 milhões euros, um valor semelhante ao já doado pela família Arnault e pelo grupo LVMH.

A família Pinault, dona do grupo de luxo Kering, o segundo grupo mundial no setor do luxo e que detém marcas como a Gucci, a Yves-Saint Laurent e a Boucheron, também já tinha anunciado durante a noite uma doação de 100 milhões de euros.

O incêndio que devastou a catedral de Notre-Dame, em Paris, já foi declarado "extinto" pela brigada de bombeiros da capital francesa.

As chamas, que deflagraram cerca das 18h50 (17h50 em Lisboa) de segunda-feira, danificaram a catedral de Notre-Dame, um dos edifícios icónicos de Paris e da arte gótica.

Ao início da manhã de hoje estavam ainda no local cerca de uma centena de bombeiros.

A Procuradoria de Paris tinha já adiantado que os investigadores estavam a considerar o incêndio como um acidente, referindo que a polícia vai avançar com uma investigação por "destruição involuntária causada pelo fogo".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório