Meteorologia

  • 18 JANEIRO 2019
Tempo
MIN 8º MÁX 11º

Edição

Guterres apela à assinatura "sem demora" da Convenção contra o genocídio

O secretário-geral da ONU, António Guterres, apelou hoje à assinatura "sem demora" da Convenção para a Prevenção e a Repressão do Crime de Genocídio pelos países que ainda não o fizeram, quando se completa 70 anos deste documento.

Guterres apela à assinatura "sem demora" da Convenção contra o genocídio
Notícias ao Minuto

23:06 - 09/12/18 por Lusa

Mundo ONU

Setenta anos depois, "a prevenção do genocídio é uma tarefa fundamental do nosso tempo", afirmou Guterres, num comunicado onde pediu para que se unam a este convénio.

"Exorto os 45 Estados (dos 193 que integram a ONU) que ainda não o fizeram que o façam sem demora", sublinhou o secretário-geral das Nações Unidas.

Além disso, pediu a todos os Estados para traduzirem "as palavras da Convenção em atos" para prevenir o sofrimento massivo de seres humanos.

"Em momentos de aumento de antissemitismo, de intolerância contra os muçulmanos e outras formas de ódio, racismo e xenofobia, reafirmemos o nosso compromisso de manter a igualdade e dignidade para todos", apontou Guterres.

A Convenção para a Prevenção e a Repressão do Crime de Genocídio foi adotada e aberta para assinatura e ratificação, ou adesão, pela assembleia-geral da ONU em 09 de dezembro de 1948.

Tornou-se o primeiro tratado de Direitos Humanos aprovado pela assembleia-geral, seguido no dia seguinte para adoção da Declaração dos Direitos Humanos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório