Meteorologia

  • 18 DEZEMBRO 2018
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 13º

Edição

Maldição do dinheiro: Tia não quer dividir prémio da lotaria com sobrinho

Para Barbara Reddick, o seu sobrinho Tyrone era como um filho. Mas isso mudou depois de ter ganho o jackpot de um milhão de euros.

Maldição do dinheiro: Tia não quer dividir prémio da lotaria com sobrinho
Notícias ao Minuto

23:12 - 13/07/18 por Fábio Nunes 

Mundo Canadá

Uma mulher canadiana ganhou um prémio da lotaria de 1,2 milhões de dólares (cerca de um milhão de euros). Foi receber o cheque chorudo esta quinta-feira na cidade de Margaree Forks mas, para sua surpresa, contou com a companhia do sobrinho. De acordo com o Vancouver Sun, o prémio está a gerar um diferendo familiar entre Barbara Reddick, de 57 anos, e o seu sobrinho Tyrone MacInnis, de 19 anos.

Segundo a versão de Barbara, transferiu 100 dólares (mais de 85 euros) para Tyrone para este comprar os seus bilhetes. Pediu-lhe ainda para colocar o nome dele junto ao seu como um amuleto de sorte mas garante que nunca lhe disse que iria “dividir” o prémio caso vencesse.

Coincidência ou a sorte com o nome do sobrinho, a verdade é que um dos bilhetes de Barbara foi o premiado. Ligou ao sobrinho e perguntou-lhe quanto esperava receber, pois Barbara estava disposta a dar-lhe até 150 mil dólares (128 mil euros) do prémio. “Tyrone foi o filho que nunca tive. Somos muito, muito próximos”.

Ou eram. A resposta de Tyrone, e dos pais dele, foi que queria metade do prémio pois o seu nome constava no bilhete premiado. Algo que Barbara não está disposta a conceder.

“O Tyrone não vai receber nada de mim. É uma questão de princípio. Éramos tão próximos. Ele partiu-me o coração. As pessoas enlouquecem quando se trata de dinheiro”, disse Barbara. “Vou levá-lo a tribunal”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório