Meteorologia

  • 29 JANEIRO 2023
Tempo
10º
MIN 4º MÁX 12º

Cinco modalidades ideais para quem não gosta de correr

Segundo o Urban Sports Club, existem outras modalidades, onde se treina a resistência cardiovascular, que têm os mesmos benefícios.

Cinco modalidades ideais para quem não gosta de correr
Notícias ao Minuto

10:06 - 27/11/22 por Notícias ao Minuto

Lifestyle Exercício físico

Incluir treino cardiovascular na rotina é essencial. É uma ótima forma de melhorar o estilo de vida, no geral, mas também prevenir doenças crónicas como diabetes, hipertensão ou doenças renais, explica o Urban Sports Club, subscrição desportiva de mensalidade fixa, em comunicado. 

A corrida é, sem dúvida, a modalidade que treina a resistência cardiovascular mais conhecida, no entanto, não é o exercício que agrada a todas as pessoas. Felizmente existem alternativas que têm os mesmos benefícios. 

Leia Também: Cancro da mama. Exercício físico atenua efeitos secundários do tratamento

Hidroginástica

“A hidroginástica é uma atividade física que combina exercícios aeróbicos com natação. Ao usar o oxigénio no processo de gerar energia, a hidroginástica tem um impacto muito positivo na saúde cardiovascular, como a melhoria da circulação sanguínea e diminuição da pressão arterial e frequência cardíaca, devido ao aumento da contração muscular e atividade aeróbica. Tudo isto, com pouca pressão sobre as articulações do corpo, prevenindo, assim, lesões nos ossos e músculos”

‘Cycling’ 

“Quer seja na sua versão ‘outdoor’ mais clássica, quer seja ‘indoor’ com recurso a bicicletas estáticas, o ‘cycling’ promete fazer maravilhas pela saúde cardiovascular de quem o pratica. Por ser um exercício que une o treino aeróbico de média e alta intensidade, proporciona enormes benefícios na circulação sanguínea e na respiração. Pela intensidade do exercício, a corrente sanguínea funciona ao máximo permitindo, assim, que os pulmões recebam o oxigénio de maneira eficiente, distribuindo pelas células, os nutrientes necessários para o corpo.”

Caminhar

Segundo um estudo da Harvard Medical School, citado pelo Urban Sports Club, “caminhar 2,5 horas, por semana, ou seja, apenas 21 minutos, por dia, pode reduzir o risco de doenças cardíacas em 30%”. Além disto, “é uma atividade que pode ser feita em qualquer lugar, entrando facilmente na rotina diária e sem a necessidade de equipamentos”.

Leia Também: Exercícios que todos os corredores deviam juntar ao plano de treinos

'Pole Dance'

Esta modalidade que “incorpora dança, ginástica e fitness, tem sido cada vez mais procurada como forma alternativa de prática desportiva com diversos benefícios associados à saúde cardiovascular. Ao situar-se entre a atividade física moderada e intensa, mantém a frequência cardíaca elevada e incorpora todo o corpo, mesmo num nível iniciante”.

Treino de força

“O treino com pesos, não serve apenas para tonificação muscular, na verdade, quando é combinado com exercício aeróbico, como é o caso do ‘cross training’, tem benefícios para o coração como a redução da tensão arterial e o controlo dos níveis de colesterol no sangue.”

Leia Também: O 'hula hoop' não é só brincar. Até pode queimar muitas calorias com ele

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório