Afinal, o desemprego em setembro ficou acima do esperado

A primeira estimativa apontava para uma queda face a agosto, mas o valor final acabou por ser semelhante ao dos dois meses anteriores. As contas provisórias de outubro parecem ser positivas.

© Global Imagens
Economia INE

Confirma-se a tendência trimestral: no terceiro trimestre deste ano, a taxa de desemprego em Portugal caiu 0,1 pontos percentuais em relação ao trimestre anterior e manteve-se em 10,9% desde julho a setembro.

PUB

Ainda assim, há más notícias. O desemprego de setembro ficou ligeiramente acima do previsto pelo INE há um mês 

A primeira estimativa apontava para uma taxa de 10,8% em setembro, mas as contas finais do INE reveladas hoje colocam o valor no mesmo nível dos dois meses anteriores.

"A estimativa definitiva da população desempregada de setembro situou-se em 558,2 mil pessoas, tendo diminuído 0,3% em relação ao mês precedente", explica o Instituto Nacional de Estatística.

Olhando para outubro, o INE avança uma estimativa provisória da taxa de desemprego de 10,8%, com um total de 553.700 desempregados e 4,569 milhões de trabalhadores em funções.

Caso se confirmem os valores provisórios de outubro, será o quarto mês consecutivo de desemprego abaixo dos 11% e uma renovação do valor mais baixo dos últimos sete anos.

[Notícia atualizada às 11h40]

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS