Meteorologia

  • 01 MARçO 2024
Tempo
10º
MIN 10º MÁX 15º

Subscrever certificados de aforro? CTT lançam opção de agendamento

Esta funcionalidade está disponível no site dos CTT.

Subscrever certificados de aforro? CTT lançam opção de agendamento
Notícias ao Minuto

12:07 - 06/07/23 por Notícias ao Minuto

Economia Certificados de Aforro

Os CTT - Correios de Portugal anunciaram, esta quinta-feira, o lançamento de uma opção de agendamento para quem quer subscrever certificados de aforro. Esta funcionalidade está disponível no site da operadora de correios. 

"O processo é simples: basta preencher o formulário e indicar a loja, o dia e o período horário mais conveniente para subscrever ou abrir uma conta aforro. O aforrista poderá também submeter, em formato digital, toda a documentação necessária, agilizando ainda mais o processo . De seguida será contactado para completar o agendamento", pode ler-se num comunicado enviado ao Notícias ao Minuto

Os CTT recordam que os certificados de aforro e os certificados do tesouro são "uma opção de poupança com toda a garantia e segurança emitida pelo Estado Português". 

"Estas soluções de poupança são fáceis de subscrever e fáceis de resgatar. O aforrista pode agendar com a sua Loja CTT preferida o melhor momento para subscrever ou abrir uma conta aforro. Existem prémios de permanência ou de remuneração, sem encargos, sendo possível movimentar ou resgatar sem qualquer custo. Por se tratar de dívida pública, a poupança e os juros devidos são garantidos pelo Estado Português, com possibilidade de levantamento a partir dos 3 meses", pode ainda ler-se. 

A empresa lembra ainda que, em janeiro, assinou um novo contrato de distribuição de dívida com a Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP), em vigor nos próximos três anos.

Leia Também: IGCP prolonga maturidade de 875 milhões de dívida para 2032 e 2052

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório